Home / Arte / Coletivo Bijari abre exposição em nova galeria de Pinheiros
Coletivo Bijari, Granada. Foto: Rubens Jr. Crispim.

Coletivo Bijari abre exposição em nova galeria de Pinheiros

“Arquivo Bijari 1997-2017” abre sábado, 2 de dezembro, ao meio-dia, na galeria Anti-Pop e celebra os 20 anos do coletivo Bijari.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

São mais de 40 obras entre lambe-lambe, projeções em larga escala, videomapping, intervenções urbanas, além dos projetos para arquiteturas e trabalhos desenvolvidos ao longo dos últimos anos com outros coletivos artísticos e comunidades urbanas. Eles fazem intervenções urbanas que impactam o público criando uma conexão imediata. A curadoria é dos próprios artistas. Vai até 3 de fevereiro.

Cartaz Arquivo Bijari 1997-2017. Divulgação.

Cartaz Arquivo Bijari 1997-2017. Divulgação.

Entre os destaques da retrospectiva está “Galinha”, de 2002, vídeo em que uma galinha é solta em lugares com distintos perfis socioculturais, como o Largo da Batata em São Paulo e o calçadão em frente ao Shopping Center Iguatemi. As reações das pessoas e da galinha são registradas pelo grupo. Este projeto foi reeditado em Cuba para a 8ª Bienal de Havana, em 2003.

O público vai se encantar com o Praças (Im)possíveis. São bicicletas adaptadas que se transformam em praças articuláveis.

Quem gosta de interatividade pode assistir à primeira video dança em 360 graus criada no Brasil. São mais de 70 bailarinos e o público escolhe o melhor ângulo para ver a performance.

Exposição “Arquivo Bijari 1997- 2017” – Galeria Anti-Pop
Local: Galeria Anti-Pop – Rua Padre João Gonçalves, 81, Pinheiros – (11) 3815-7729.
Abertura: 2 de dezembro, sábado, meio-dia.
Período expositivo: de 2 de dezembro a 3 de fevereiro de 2018.
Horário: de segunda a sexta-feira, das 11 às 18 horas, e aos sábados das 12 às 19 horas (é necessário tocar o interfone para atendimento).
Entre os dias 23 de dezembro e 2 de janeiro de 2018 a galeria estará fechada para visitação.
Entrada gratuita.

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*