Home / Arte / Estante Virtual reúne mais de três mil pessoas ao longo do dia para celebrar Dia Mundial do Livro

Estante Virtual reúne mais de três mil pessoas ao longo do dia para celebrar Dia Mundial do Livro

Empresa realizou uma caça ao tesouro na Praça Mauá e presenteou leitores com títulos comprados em sua rede de livreiros, além de exemplares com dedicatórias doados por personalidades

Mesmo com ameaça de chuva, a Praça Mauá foi tomada por leitores no último domingo (23). O público estava em busca das chaves escondidas pela Estante Virtual, que podiam ser trocadas por livros em um estande montado em frente ao Museu de Arte do Rio – MAR. A atividade aconteceu entre 10h e 17h e celebrou o Dia Mundial do Livro.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

“A alegria das crianças ao encontrar chaves pela região e trocá-las por um livro especial foi um dos pontos altos do evento. A seleção literária ‘Mulheres Fortes’ atraiu o interesse de homens e mulheres que formaram fila para participar do quizz e garantir seu livro. Outras atividades que movimentaram o estande foram as pinturas para crianças e o mural de recados”, comemorou a gerente de marketing, Erica Cardoso.

O evento foi uma forma encontrada pela Estante Virtual para celebrar os pilares da empresa de incentivo à leitura, reuso e perpetuação do pequeno vendedor. Os 500 livros que fizeram parte da ação foram comprados de sebos e livreiros da rede do portal, como Academia do Saber, Livraria Mar de Histórias e Sebo Lima Barreto. Alguns títulos também foram doados por funcionários, leitores e apoiadores da ação. Personalidades, como Fernanda Gentil, Alex Escobar, Fernanda Venturini, Mylena Ciribeli e Cris Niklas também apoiaram a campanha enviando exemplares com dedicatórias.

Desde que foi criada, há onze anos, o maior mérito da Estante Virtual é oferecer acesso à imensa riqueza literária dos sebos brasileiros, que vai muito além de livros raros e esgotados, uma vez que abarca quaisquer tipos de livros (incluindo títulos seminovos e novos) comprados nas pontas de estoque das editoras. “Nessa imensa diversidade, tendo a maior ‘cauda longa’ do mundo em variedade de títulos em língua portuguesa, acredito que a Estante consegue influenciar as pessoas a ir além do óbvio dos livros mais vendidos, rumo a uma leitura com diversidade muito maior do que as livrarias convencionais podem proporcionar”, resumiu André Garcia, lembrando que mesmo na era tecnológica em que vivemos, o livro físico ainda vem ganhando por larga vantagem do virtual.

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*