Home / Arte / Fragment Gallery (Moscow, Russia) na SP-Arte 2018

Fragment Gallery (Moscow, Russia) na SP-Arte 2018

Pela primeira vez, uma galeria de arte contemporânea russa participará
da SP-Arte, Feira Internacional de Arte de São Paulo,
de 11 a 15 de abril de 2018

A galeria de arte contemporânea Fragment Gallery (Moscou) será a primeira galeria russa a participar da SP-Arte, Feira Internacional de Arte de São Paulo.

A Fragment Gallery foi fundada em 2016 pelo empresário e colecionador Sergey Gushchin, e durante seu primeiro ano de existência tornou-se um dos espaços de arte mais populares entre as galerias privadas de Moscou.

A Fragment Gallery trabalha com jovens artistas que já começaram a fazer seu nome no cenário da arte e um de seus objetivos é justamente o de promover esses artistas na cena internacional. A Fragment Gallery trabalha com uma ampla gama de linguagens, incluindo pinturas, arte gráfica, esculturas, objetos, instalações, vídeo arte e arte sonora.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

No momento, uma das prioridades da galeria é entrar nos mercados internacionais de arte, incluindo mercados onde a arte russa contemporânea é pouco representada ou desconhecida, como por exemplo o mercado de arte da América Latina, e concentra-se principalmente em colecionadores jovens, exibindo e ofertando trabalhos cujos valores variam entre € 1.000 e € 7.000.

A Fragment Gallery participará da Seção Solo da SP-Arte (stand SL-13) com as obras do jovem artista russo Ilya Fedotov-Fedorov.

O trabalho de Fedotov-Fedorov, cuja prática artística se baseia na síntese entre arte e ciência, evoca o interesse do público, de curadores e de colecionadores tanto na Rússia como no exterior. Em 2017, Ilya participou do Projeto Principal da 7ª Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Moscou (curadoria de Yuko Hasegawa). Seu projeto Preservation Instinct também foi apresentado no Programa Paralelo da 7ª Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Moscou (Fragment Gallery, Moscou). Por conta deste projeto Ilya foi indicado para o prêmio “Inovação-2018”, o maior prêmio no campo da arte contemporânea da Rússia. O artista participou de várias residências artísticas na Europa e em 2017, tornou-se o primeiro Vroman Fellow (Fundação Vroman – Holanda). Em 2018 participará de uma residência na Academia Jan van Eyck (Maastricht, Holanda) e em um importante projeto de pesquisa dedicado ao estudo da Aids e outras doenças mortais (Amsterdã, Holanda).

A Galeria de Arte Contemporânea de Moscou Fragment Gallery iniciou suas atividades em dezembro de 2016. Em 2017, realizou 9 projetos de exposições, incluindo um convite aberto internacional para artistas do mundo todo. Para 2018 estão planejados sete projetos de exposições. Na feira de arte contemporânea de Cosmoscow (Moscou), a galeria recebeu o prêmio de “melhor stand” pelo júri especializado. A Fragment Gallery colabora ativamente com curadores dos principais museus de Moscou e além de exposições, a galeria oferece também um programa educativo que conta com palestras, master classes e conversações com artistas. Além disso, Sergey Gushchin, proprietário da galeria, possui um perfil no Instagram (@guschin) dedicado à arte que conta com mais de 200 mil seguidores, oferecendo também cursos on-line sobre teoria e história da arte. O canal ArtFragment – no Telegram –, lançado em janeiro de 2018, publica as últimas notícias sobre arte contemporânea e conta atualmente com uma audiência de mais de 3.000 pessoas.

Ilya Fedotov-Fedorov nasceu em Moscou em 1988, onde mora e trabalha. Quando Ilya tinha oito anos, começou a ter sérios problemas de saúde e passou muito tempo em hospitais, cujo ambiente tornou-se natural e interessante para ele. Ilya sempre conversava com médicos, lia livros de biologia e passava muito tempo com insetos. Em 2004, Ilya começou a estudar genética na universidade, mas, em dois anos, o departamento foi dissolvido, um desastre para o artista. Ele transferiu-se para a área de estudos de filologia. Seus interesses foram mudando gradualmente dos textos científicos para a arte, onde criou seu próprio caminho. Estudou arte contemporânea na “Free Workshops” Contemporary Art School do Museu de Arte Moderna de Moscou e no Instituto de Arte Contemporânea de Moscou.

O motivo principal da arte de Fedotov-Fedorov é o uso do conhecimento científico das ciências naturais. O artista adota suas principais características: a descrição e a representação dos processos biológicos e das formas da célula em sua relação com o habitat, as características linguísticas e as formas de apresentação do conhecimento (fórmulas, desenhos, etc.), os princípios metodológicos e os tipos de representação (coleções entomológicas, catálogos de cartões). Com sua ajuda, ele revela a natureza subjetiva da aquisição do conhecimento e sua dependência da experiência individual, buscando mostrar como percebemos e descrevemos o mundo circundante de acordo com a linguagem que usamos.

No momento, Ilya é um dos artistas jovens mais promissores da Rússia. Foi indicado para o Prêmio estatal de Inovação em Arte Contemporânea na categoria “Nova Geração”. Participou do Projeto Principal e do Programa Paralelo da 7ª Bienal Internacional de Arte Contemporânea de Moscou. Participou de várias residências europeias, incluindo uma residência na Jan van Eyck Academy (Países Baixos), além de ser um Vroman Fellow (Fundação Vroman). O portfólio do artista inclui uma grande quantidade de exposições individuais e coletivas em museus e galerias na Rússia e na Europa.

As obras de Fedotov-Fedorov são encontradas no Museu de Arte Moderna de Moscou, na State Tretyakov Gallery e em coleções particulares.

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*