Home / Arte / MAS promove Aula in Loco: Alemanha
MAS promove Aula in Loco: Alemanha. Divulgação.

MAS promove Aula in Loco: Alemanha

O Museu de Arte Sacra de São Paulo promove um Curso in Loco A Alemanha da Idade Média à Atualidade: Uma Imersão Histórica, Cultural e Musical com os Profs. Drª. Vanessa Beatriz Bortulucce e Me. André Guimarães Rodrigo.

OBJETIVO:

Estudar a história cultural da Alemanha a partir da visitação de quatro cidades: Dresden, Leipzig, Nuremberg e Berlim.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

A viagem irá concentrar-se em duas áreas culturais específicas: a música e as artes visuais. A música é uma manifestação artística que possui relação especial com a história cultural da Alemanha. Ela é parte notável na construção desse processo identitário, desde a prática vocal do medievo à música de concerto executada pelas grandes orquestras da modernidade, perpassando pela reforma protestante, pela ópera barroca, pela disseminação dos ideais iluministas durante o período clássico e romântico, pela política do regime nazista e pela queda do muro de Berlim. A música que conhecemos hoje mundialmente, encontra nos compositores e intérpretes alemães etapas primordiais de seu desenvolvimento. Nomes como Heinrich Schütz, Johann Sebastian Bach, Ludwig Van Beethoven, Franz Schubert, Felix Mendelssohn, Robert Schumann, Johannes Brahms, Richard Wagner, Richard Strauss e Karlheinz Stockhausen são apenas alguns dos que compõem o infindável cânone de personalidades importantes dessa história cultural. Nos destinos selecionados para o curso in loco, vivenciaremos essa riqueza e diversidade, buscando entender como a música se insere de forma tão fundamental na identidade alemã e de que forma ela se difunde para o restante do mundo. No que tange às artes visuais, será dada ênfase à esplêndida arquitetura presente nas cidades que compõem o roteiro, inserida em períodos distintos da história do país. Assim, o roteiro propõe uma imersão na história da Alemanha com a observação de edifícios diversos, de ruas, de igrejas, de memoriais, e de monumentos como o Portão de Brandemburgo, abrangendo um período que se estende desde a Idade Média até a época contemporânea.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

– Apresentar a arte e a cultura como material reflexivo;
– Debater acerca da análise, crítica e contextualização de obras de arte e do patrimônio artístico e cultural no contexto da história da Alemanha;
– Compreender a arte e a cultura como campos interdisciplinares do conhecimento: História, Filosofia, Sociologia, Antropologia, Filosofia, etc.;

PROGRAMA:

Dresden

Rota do bombardeio de Dresden: Conhecida como a “Florença do Elba”, tem uma longa história como capital e residência real dos reis da Saxônia. Possuidora de séculos de extraordinária cultura e esplendor artístico, a cidade foi alvo de um bombardeio durante a Segunda Guerra Mundial, em 1945, onde cerca de 32 000 a 150 000 pessoas morreram.

Arquiteturas de rua e igrejas: Kreuzkirche, Frauenkirche, Hofkirche, importantes igrejas que ilustram a riqueza artística alemã, bem como são testemunhos importantes da história social e política da nação. Visitação às igrejas para estudo dos estilos arquitetônicos, história dos edifícios e importância do patrimônio cultural como repositório de memória.

Evento musical: Ópera de Dresden – Construída em 1841 pelo arquiteto Gottfried Semper, a Semperoper Dresden, é uma das mais importantes casas de concerto da Alemanha. O prédio já passou por duas reconstruções, a segunda delas em decorrência do bombardeio de Dresden. Palco de grandes intérpretes como Karl Böhm, Kurt Sanderling, Herbert Blomstedt, Giuseppe Sinopoli, Bernard Haitink, a Semperoper possui um histórico de premières de Richard Wagner, Richard Strauss, Ferruccio Busoni, Paul Hindemith e Kurt Weill.

Gëmaldegalerie: Um dos mais importantes museus da Alemanha. Seu acervo possui cerca de 700 obras da pintura antiga, do medievo, do Renascimento e do Barroco. O acervo faz parte da Coleção Estatal de Arte de Dresden. O edifício que abriga a coleção da Gëmaldegalerie é um belíssimo exemplo do barroco alemão.

– Leipzig

Bach Museum Haus – Museu situado na antiga residência da família Bose, amiga de Bach, que hoje abriga informações sobre o compositor, manuscritos, artefatos e instrumentos de época.

Leipzig Hauptbahnhof – fundada em 1915, é uma das maiores e mais belas estações ferroviárias da Europa, e sua magnífica arquitetura faz desta estação uma das mais belas do mundo.

Coffe Baum – local agradável para tomar um kafee kuchen, o tão tradicional café da tarde alemão. Esse café foi ponto de encontro entre músicos e artistas alemães de diversas épocas.

Arquitetura de rua e Rathaus (prefeitura). Aqui, a proposta é realizar uma imersão cultural através da vivência urbana, observando os edifícios, habitações e lojas, notando suas particularidades, intervenções, materiais e as “camadas de memória” que constroem todas as cidades. Numa caminhada agradável, também será visitada a prefeitura (Rathaus), como sua belíssima arquitetura.

Nicolaikirche – trata-se de uma igreja construída em 1165 e que excede sua função religiosa, uma vez que foi palco de estreia para importantes obras de Bach e também local sede das Montagsdemonstrationem (“Manifestações das segundas-feiras”), manifestações em protesto contra as condições políticas da então República Democrática da Alemanha (RDA), em 1989. O evento é muito importante parava história do país, pois a primeira manifestação ocorreu em Lepizig, alastrando-se mais tarde para todas as outras cidades da RDA.

Evento musical: Thomanerchor (essa atração poderá ocorrer em dois formatos distintos: formato de concerto ou inserções musicais durante um culto protestante) – Fundado em 1212, o Thomanerchor é um dos mais tradicionais coros de meninos do mundo, responsável pela execução musical nos cultos da Thomaskirche (Igreja de São Tomás), onde Bach foi mestre de capela de 1723 a 1750.

– Nuremberg

Centro antigo: Igreja de São Sebaldo (St Sebald), Igreja de Nossa Senhora (Frauenkirche), Igreja de São Lourenço (St Lorentz), todas importantes igrejas construídas no período medieval. Estes edifícios religiosos participaram fortemente da história da Alemanha, desde o medievo até o período nazista.

Centro de Documentação Nazista e complexo do congresso do partido nazista Inaugurado em 2001, o Centro de documentação no complexo do Congresso do Partido Nazista é um museu dedicado à história do Terceiro Reich, o período no qual Adolf Hitler esteve no poder (1933-1945). O museu situa-se na ala norte de uma arena construída por ordem do ditador alemão, próximo das antigas áreas de desfile do partido nazista.

Evento musical: Concerto de órgão em alguma das principais catedrais góticas do centro da cidade, a definir de acordo com a programação cultural de 2019. Devido aos preciosos órgãos de tubo presentes nas igrejas de Nuremberg, ela é cidade natal de importantes nomes da tradição organística alemã, tais como Hans Leo Hassler e Johann Pachelbel.

– Berlim

Holocaust-Mahnmal (Memorial do Holocausto): O Memorial aos Judeus Mortos da Europa, ou como é mais comumente chamado Memorial do Holocausto é, como o nome já indica, um memorial dedicado aos seis milhões de judeus mortos durante o regime nazista. O Memorial do Holocausto está localizado no coração de Berlim, a uma quadra do Portão de Brandenburgo, entre o Parque Tiergarten e a Potsdamer Platz. A construção do memorial foi concluída em 2004, com inauguração em 10 de maio de 2005, como parte das celebrações dos 60 anos do fim da Segunda Guerra Mundial.

Muro de Berlim: Talvez uma das construções mais famosas da história, o Muro de Berlim foi símbolo de uma Alemanha dividida, num período onde a chamada Guerra Fria dividia mentes, emoções, indivíduos e nações, num jogo de forças ideológico. A queda deste mesmo muro, em 1989, também fez dele um símbolo do final desta Guerra Fria, o que faz do muro de Berlim um local dotado de história, de simbologias, símbolo de uma Alemanha unificada e repositório de uma importante memória coletiva.

Portão de Brandemburgo: Antiga porta da cidade, foi reconstruído no final do século XVIII como um arco do triunfo em estilo neoclássico, e hoje um dos marcos mais conhecidos da Alemanha. O portão é a entrada monumental para Unter den Linden, a famosa avenida de tílias que anteriormente levava diretamente ao Palácio da Cidade dos reis da Prússia. Visita obrigatória a todos aqueles que viajam a Berlim, o monumento é símbolo de unidade e da paz europeia.

Evento musical: Concerto da Orquestra Filarmônica de Berlim, considerada a melhor orquestra sinfônica do mundo pela crítica especializada, em sua tradicional sala de concertos, a Philharmonie. Fundada no final do século XIX, a Filarmônica de Berlim é um instrumento de universalização da grandeza artística alemã, uma representante do país que gerou Bach, Beethoven, Brahms, Wagner, Richard Strauss, e uma lista infindável de compositores e intérpretes de excelência.

*Roteiro sujeito a alterações devido a comemorações religiosas ou atividades públicas que não são informadas ou planejadas com antecedência pelos seus organizadores.

A QUEM SE DESTINA:

Estudantes de História, Comunicação Social, professores, profissionais liberais, profissionais de todas as áreas, estudantes universitários e interessados em geral.

PROFESSORES:

Profª. Drª Vanessa Beatriz Bortulucce

Graduada em História pela Universidade Estadual de Campinas (1997), Mestra em História da Arte e da Cultura pela Universidade Estadual de Campinas (2000) e Doutora em História Social pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Possui Pós-doutorado pelo Departamento de Letras Modernas da FFLCH-USP. Atualmente é docente nas seguintes instituições: Centro Universitário Assunção (UNIFAI), Universidade São Judas Tadeu e Museu de Arte Sacra de São Paulo. Tem experiência na área de História da Arte, atuando principalmente nas áreas da cultura do século XX: Arte Moderna, Arte Contemporânea, Futurismo Italiano, Umberto Boccioni, arte e política, História em Quadrinhos e cultura de massa, História do Design, Teoria da Comunicação e análise das mídias, Cinema, Indústria Cultural, Arte Africana, Arte Tumular, tradução.

Prof. Me André Guimarães Rodrigo

Mestre em Performance em Regência pela Escola de Comunicações e Artes da Universidade de São Paulo (ECA-USP), possui graduação em Educação Artística com Habilitação em Música pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Tem experiência na área de Música, com ênfase em regência coral e educação musical. Atualmente é regente e fundador do Coral do MAS-SP (Museu de Arte Sacra de São Paulo), regente e fundador do Coro d’A Cappella (antigo Coral do Mosteiro – Mosteiro de São Bento – SP), regente do Cultura Inglesa Pop Choir em Guarulhos e Campinas e professor do Museu de Arte Sacra de São Paulo. Desenvolveu trabalho de docência em regência coral no Projeto Canta São Paulo da Prefeitura de São Paulo e ainda trabalho docente e de pesquisa em educação especial, no Instituto Louis Braille de Campinas, lecionando musicografia braille.

INVESTIMENTO:

Apartamento Duplo: Valor por pessoa em apto Duplo: 3.450,00 (aproximadamente R$13.632,00 no câmbio do dia 05 de janeiro de 2018)
Quarto single: Valor por pessoa em quarto single: 4.000,00€ (aproximadamente R$15.805,22 no câmbio do dia 05 de janeiro de 2018)
Entrada: 30% e o saldo em até 10 vezes sem juros no cartão de crédito ou boleto bancário
À vista: 3% de desconto
Condições de cancelamento:
Entre 30 dias: 10% de penalidade do total geral
Entre 29 dias e 20 dias: 30% de penalidade do total geral
Entre 19 dias e 10 dias: 50% de penalidade do valor total geral
Entre 9 e 4 dias: 75% de penalidade do total geral
Entre 3 e 0 dias: 100% de penalidade do total geral

Sua reserva só estará legitimada mediante o pagamento.

INCLUSO:

– Transporte do Museu de Arte Sacra de São Paulo para o aeroporto de Guarulhos. Retorno por conta própria.
– Passagem aérea em classe econômica; cia aérea – Lufthansa.
– Hotéis quatro estrelas com café da manhã;
– Transportes terrestre com ônibus de luxo entre as cidades;
– Seguro viagem;
– Assistência de um acompanhante da SENATOR;
– Entradas nos museus, galerias e eventos musicais;
– 02 jantares sem bebidas – 01 em Nuremberg no dia da chegada e 01 jantar em Berlim na última noite;
– Monitoria dos professores.

Horários da Lufthansa para o grupo:
1 LH 507 19JAN 6 GRUFRA 1945 1020
2 LH 144 20JAN 7 FRANUE 1310 1355
3 LH 199 30JAN 3 TXLFRA 1845 1955
4 LH 506 30JAN 3 FRAGRU 2155 0650

FRA = Frankkfurt
NUE = Nuremberg
TXL = Berlim

NÂO INCLUSO:
– Despesas de caráter pessoal;
– Refeições e bebidas;
– Taxas hoteleiras de turismo e serviço;
– Todo e qualquer serviço não mencionado no item acima.

Quando: Vagas: 25
Quando: 19 à 30 de Janeiro de 2019
Carga Horária: 100 hs
Saída: dia 19 de janeiro de 2019 no Museu de Arte Sacra de São Paulo
Inscrições e Informações: Fatima – mfatima@museuartesacra.org.br // (11) 5627.5393
Local: Museu de Arte Sacra de São Paulo
Endereço: Avenida Tiradentes, 676, Luz. Metrô Tiradentes.
Alternativa de acesso: Rua Jorge Miranda, 43

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*