Home / Arte / Mostra de fotografias: “O que se vê”(Lo que se ve)
Mulheres Presas, Série 1991-1993. Foto: Divulgação.

Mostra de fotografias: “O que se vê”(Lo que se ve)

O que se vê(Lo que se ve)

Fotografia argentina no MNBA

O Amor, Série 1992-2005. Foto: Divulgação.

O Amor, Série 1992-2005. Foto: Divulgação.

Temas como a infância desamparada, a maternidade em situações críticas, mães presas, mães adolescentes, a relação mãe-filha, o amor e a natureza, são alguns dos focos da fotógrafa argentina Adriana Lestido, que abre exposição no próximo dia 3 de setembro, às 12h, na sala Barroco Italiano do MNBA.

A mostra “O que se vê” vai exibir 82 trabalhos em preto&branco, cobrindo um rico período de produção de Adriana que vai 1982 até 2005.

Referência na fotografia argentina, Adriana Lestido possui extenso currículo com exposições realizadas em países como Alemanha, França, Inglaterra, Escócia, México, Estados Unidos, Suécia, Colômbia, por exemplo. Na Argentina, sua primeira individual(1986) aconteceu no Centro Cultural Malvinas, na capital Buenos Aires.

Suas obras enriquecem acervos como os do Museu de Bellas Artes(Buenos Aires), Fondation Cartier(Paris, França), Museum of Fine Arts(Houston, Texas, EUA), Hasselblad Center(Goteborg, Suécia), entre outros, incluindo diversos acervos privados.

A fotógrafa já conquistou várias premiações internacionais; produziu livros e ensaios, como “Mujeres presas”(2001 e 2007); e “Madres e hijas”(2003), dentre outros.

Tendo começado a estudar fotografia em 1979, tempos depois, de 1982 até 1995, Adriana trilhou a carreira de fotojornalista, passando por vários redações de seu país, tais como as dos jornais “La Voz” e “Página 12”.

Antes de chegar ao Rio de Janeiro, a exposição “O que se vê”, originalmente “Lo que se vê”, já esteve em Buenos Aires e em seguida foi exibida no Museum Africa, em Johanesburgo(Africa do Sul).

Convite:

Convite Adriana Lestido, Fotografia Argentina

.

Mostra de fotografias: “O que se vê”(Lo que se ve)
Artista: Adriana Lestido
Abertura: dia 3 de setembro, quinta, às 12h
Período: 3 de setembro até 11 de outubro
Visitação: terça/sexta de 10h às 18h; sábado, domingo e feriado de 12h às 17h.
Ingresso: R$ 8,00 inteira, R$ 4,00 meia e ingresso família(para até 4 membros de uma mesma família) a R$ 8,00. Grátis aos domingos.

Museu Nacional de Belas Artes: Avenida Rio Branco, 199 – Cinelândia
Tel: (21) 3299-0600.

.

*Assessoria de imprensa do MNBA – Nelson Moreira: (21) 3299-0638

.

Facebook: www.facebook.com/MNBARio

Visite nosso site: www.mnba.gov.br

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*