Home / Arte / Museu de Arte Sacra apresenta exposição do artista Antonio Arney
Exposição "Estações" de Antonio Arney. Foto: Divulgação.
Exposição "Estações" de Antonio Arney. Foto: Divulgação.

Museu de Arte Sacra apresenta exposição do artista Antonio Arney

O Museu de Arte Sacra de Curitiba recebe no próximo sábado (14) a exposição do premiado artista paranaense Antonio Arney. A mostra “Estações” é uma síntese de sua produção, que enfatiza o uso da madeira associado a colagens de materiais diversos e pintura. É também uma rara oportunidade de apreciar o conjunto de obras desse artista, nascido em Piraquara e prestes a completar 90 anos.

Com curadoria de Eliane Prolik e Adolfo Montejo Navas, a exposição reúne trabalhos que fazem refletir sobre o tempo. “O conjunto de quatorze pinturas do artista fala da natureza do tempo que habita nelas, com as suas camadas entranhadas na madeira, uma matéria-prima sempre constituinte, que oferece certa dramaturgia na própria paisagem de sua pintura”, explica Adolfo Navas. Para o curador, o fato de expor suas obras no Museu de Arte Sacra dá um significado ainda maior ao título da mostra, “simbolicamente, como estações da vida, do tempo, como também dos passos últimos que Cristo sofreu por ter sido criado à nossa imagem e semelhança”.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

“Estações” dá início a uma série de exposições pela comemoração de seus 90 anos a serem completados em 2016. Artista autodidata, Antonio Arney aprendeu o ofício de marcenaria com seu pai. Sua longa trajetória artística começou em Curitiba, desde o final dos anos 1950, com participação no Círculo de Artes Plásticas, na Galeria Cocaco, e posteriormente no coletivo paranaense Grupo Um.

Em seu currículo constam inúmeros prêmios, sendo oito premiações no Salão Paranaense, e participação em importantes mostras nacionais e internacionais como o Panorama de Arte Atual Brasileira – MAM/ SP (1969 e 1970), Pré-Bienal de São Paulo (1970) e XI Bienal Internacional de São Paulo (1971), onde dez obras da terceira série intitulada “Comparação de Valores foram exibidas na sala do artista. Integrou a Brasil Plástica 72 e o Salão Nacional de Artes Plásticas (1978 e 1980), no Rio de Janeiro. Sua obra integra acervos públicos do Museu Oscar Niemeyer, Museu de Arte Contemporânea (PR), Museu de Arte Moderna de São Paulo, Museu de Arte da UFPR e Museu Municipal de Arte de Curitiba e importantes coleções particulares.

Serviço:
Exposição “Estações”, de Antonio Arney
Local: Museu de Arte Sacra da Arquidiocese de Curitiba – Masac (Largo da Ordem)
Abertura: 14 de novembro de 2015 (sábado), às 10h
Horário: Até 14 de fevereiro de 2016, de terça a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h às 18h; sábados, domingos e feriados, das 9h às 14h.
Entrada franca.

 

Confira no mapa:

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*