Σπίτι / Τέχνη / Sandra de Sá participa do Mar de Culturas – Música em homenagem a Tim Maia
Sandra de Sá. Crédito Foto Alessandro Cardoso.

Sandra de Sá participa do Mar de Culturas – Música em homenagem a Tim Maia

Sandra de Sá participa do Mar de Culturas – Música em homenagem a Tim Maia

Bruno Levinson, Fábio Stella, Carlos Dafé e músicos da banda Vitória Régia também são convidados do bate-papo que acontece no dia 20 Αύγουστος, στις 7:00 μ.μ., no Quiosque da Globo

Bruno Levinson. Foto Divulgação.

Bruno Levinson. Foto Divulgação.

A voz rouca, grave e carregada, e o estilo soul transformaram Tim Maia em um dos maiores ícones da música popular brasileira. Ao som de Gostava tanto de você, Azul da cor do mar, Não quero dinheiro (Só quero amar), entre outros clássicos, o Mar de Culturas – Música vai homenagear no dia 20 Αύγουστος, στις 7:00 μ.μ., o cantor e compositor tijucano que influenciou e conquistou diversas gerações. No Quiosque da Globo, Bruno Levinson – especialista em música do Gshow e mediador do bate-papo – vai receber a cantora Sandra de Sá, os cantores e compositores Fábio Stella e Carlos Dafé e ainda músicos da banda Vitória Régia.

Entre canções e histórias, o projeto da Globo recebe convidados que representam de alguma forma o homenageado, como é o caso de Sandra de Sá. Chamada por muitos de “Tim Maia de saias”, já que se identifica com o cantor no balanço e no timbre grave da voz, a artista fez diversos shows com Tim Maia e ainda participou do clipe da música Vale Tudo.

Fabio Stela. Crédito Foto Roberto Furtado.

Fabio Stela. Crédito Foto Roberto Furtado.

O cantor paraguaio Juan Senin Rolón, conhecido no Brasil como Fabio, foi apresentado ao estilo soul logo após Tim Maia retornar dos Estados Unidos. Junto ao homenageado, compôs sucessos que lhe renderam importantes prêmios na carreira e, σε 2007, publicou o livroAté Parece Que Foi SonhoMeus 30 anos de Amizade e Trabalho com Tim Maia”. Na cinebiografia de Tim Maia, Fabio é interpretado pelo ator Cauã Reymond.

Carlos Dafé. Crédito Foto Daryan Dornelles.

Carlos Dafé. Crédito Foto Daryan Dornelles.

Com o apelido de “Príncipe do Soul”, Carlos Dafé fez sucesso na década de 70 com a música Pra que vou recordar o que chorei, faixa do álbum Tudo era lindo. Fez parte do movimento soul music στη Βραζιλία (Movimento Black Rio) e participou como tecladista e vocalista de uma das bandas de Tim Maia. A noite fica ainda mais animada com a participação de músicos da Vitória Régia, grupo que acompanhou Tim Maia durante 22 anos e que apresenta até hoje ao público o melhor da MPB.

Em comemoração aos 450 anos do Rio, até o fim de 2015, os cariocas que representam a cidade serão homenageados mensalmente no Mar de Culturas – Música. Na primeira edição, que aconteceu em junho, o projeto abordou a trajetória do sambista e compositor Noel Rosa. Renato Russo foi o homenageado de julho.

ΥΠΗΡΕΣΊΑ:

Mar de Culturas – Música
Homenageado: Tim Maia
Δεδομένα: 20 Αύγουστος, Πέμπτη
Χρονοδιάγραμμα: 19h
Τοπικός: Υδρόγειο περίπτερο, σε Κόπα Καμπάνα (altura da Miguel Lemos)

Οι επισκέπτες: Bruno Levinson, Sandra de Sá, Fábio Stella, Carlos Dafé e músicos da banda Vitória Régia

Σχόλια

3 παρατηρήσεις

Αφήνω μια απάντηση

Διεύθυνση ηλεκτρονικού ταχυδρομείου σας δεν θα δημοσιευθεί. Υποχρεωτικά πεδία επισημαίνονται *

*