Accueil / Art / Mer des Cultures rend hommage aux Gonzaguinha et emmène les clients à parler de l'un des grands maîtres de la MPB

Mer des Cultures rend hommage aux Gonzaguinha et emmène les clients à parler de l'un des grands maîtres de la MPB

Mar de Culturas faz homenagem a Gonzaguinha e leva convidados para falar
sobre um dos grandes mestres da MPB

No mês em que o artista completaria 70 ans, projeto da Globo revive mais um nome da música
brasileira no dia 17, à Copacabana, A partir du 19h

Daniel George. Crédit photo: Wilton Montenegro.

Daniel George. Crédit photo: Wilton Montenegro.

Fils du « Roi du baião », Gonzaguinha desde pequeno já ouvia as canções de Lupicínio Rodrigues, Jamelão e de seu pai Luiz Gonzaga. Pour 14 ans, o artista escrevia sua primeira composição, Lembranças da Primavera, e também Parti et From U.S of Piauí – gravadas pelo seu pai em 1967. Para falar sobre a precoce e rápida carreira do cantor – falecido aos 45 anos –, o Mar de Culturas – Música convida para um bate-papo no dia 17 Septembre, Jeudi, o cineasta Breno Silveira, a escritora Regina Echeverria e os músicos Fagner, Daniel George, Wagner e Índia Tiso. O encontro acontece às 19h, dans le kiosque du Globe, à Copacabana.

Mediador da conversa, Breno Silveira dirigiu o filme Gonzaga – de pai para filho, longa inspirado na biografia de Luiz Gonzaga e Gonzaguinha. Após entrar em circuito nacional em 2011, a produção virou ainda microssérie de quatro capítulos exibida pela Globo. Regina Echeverria, jornalista e escritora especializada em biografias, escreveu sobre diversos personagens da história brasileira, entre elas a trajetória de Gonzaguinha.

Breno Silveira. Crédit photo: Conspira.

Breno Silveira. Crédit photo: Conspira.

Filho do homenageado, Daniel Gonzaga segue os passos do pai e do avô e mostra em suas apresentações que herdou a personalidade e o estilo musical de sua família. Amigo de Gonzaguinha, o cantor Fagner recebeu de presente a música Guerreiro menino – Um homem também chora e também gravou Cavaleiro solitário, Forró do gonzagão, Preguiça, Saudade et Espere por mim, morena. Entre uma história e outra, as canções de sucesso de Gonzaguinha serão relembradas pelo maestro Wagner Tiso, que fez diversos trabalhos com o artista, e sua filha, Índia Tiso – cantora, compositora e produtora cultural.

À l'occasion du 450 année de Rio, jusqu'à la fin de 2015, les gens du pays qui représentent la ville sera pris en compte chaque mois dans la mer de Cultures-musique. Dans la première édition, qui s'est passé en juin, le projet a porté sur la trajectoire du chanteur et compositeur Noel Rosa. Renato Russo foi o homenageado de julho e Tim Maia o de agosto.

Photos:

SERVICE:
Mer de Cultures-musique
À l'honneur: Gonzaguinha
Données: 17 Septembre, Jeudi
Temps: 19h
Local: Kiosque du globe, à Copacabana (hauteur de kiki)
Invités: Breno Silveira (mediador), Fagner, Regina Echeverria, Daniel George, Wagner e Índia Tiso

Commentaires

3 plusieurs commentaires

Laisser une réponse

Votre adresse email ne sera pas publiéeLes champs requis sont surlignés *

*