Home / Arte / A Arte vai onde o Povo está!, por Rosângela Vig

A Arte vai onde o Povo está!, por Rosângela Vig

Rosângela Vig é Artista Plástica e Professora de História da Arte.

Rosângela Vig é Artista Plástica e Professora de História da Arte.

Fazendo-se Pintor, o meu olhar, na tela
Do coração, copiou a tua formosura.
O meu corpo emoldura o quadro, que revela
O mais alto lavor no campo da pintura
Através do pintor, verás o fino instinto
Com que aí se dispôs teu fiel retrato, e a graça.
(SHAKESPEARE, 2006, p.50)

É bem provável que a Arte nunca tenha estado tão próxima da mente e das mãos do artista. Sua avidez pela cor e pela forma torna-se mais forte nesse momento em que o distanciamento é uma realidade. Enquanto isso se configuram telas, desenhos, esculturas e toda as formas que a Arte encontra de lapidar com graciosidade seu objeto. Delineando-se em seus variados feitios, a graça, a beleza e a sublimidade do objeto artístico é um deleite ao olhar; é um desassombro aos dias de aflição; e, acima de tudo, é como uma iguaria às almas cativas e desprovidas de ânimo para tempos conturbados.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Nesses tempos em que estar recluso ainda se faz necessário, a Arte emerge como um medicamento para o espírito desfaz a melancolia e fomenta a fabricação de idéias, permitindo que artistas e apreciadores da boa Arte divaguem por esses mundos.

Muito atuante em eventos na Europa, a Artnatic sempre conduziu a Arte e a Cultura para Embaixadas, Consulados, Centros Culturais, Galerias de Arte e bares. O isolamento desorientou pessoas, segregou entes queridos, e desconcentrou o mundo do cotidiano, desacomodando a todos. A vida teve que ser reajustada a um novo molde que despontou. Esse novo modelo incluiu as mídias sociais.

Embora a atualidade exigisse inovações, a tecnologia permitiu que um novo modelo de encontro se tornasse possível entre as pessoas. Talvez essas ferramentas tenham diminuído algumas distâncias, porque elas permitiram encontrar amigos de qualquer lugar do mundo; mas ainda pode ser que também acrescentaram mais História para um futuro ainda incerto. Mais que isso, estamos somos parte dessa História e poderemos discorrer sobre ela.

Edificando sua própria História, a Artnatic se ajustou aos modelos novos que a realidade exigiu e se reinventou. As lives com entrevistas ao vivo que antes eram apresentadas pela Artnatic foram transformadas para se aproximarem à realidade do passado. A partir de um espaço comum e palpável para todos, em tempo real, a interação e o encontro com velhos amigos se tornou possível.

Do outro lado do mundo, é possível conversar, mostrar produtos, ouvir música, assistir a uma palestra, devanear por uma exposição em boa companhia discutindo sobre obras e artistas.

Em seus seis anos de existência, a Artnatic apresenta um projeto que vem se moldando há tempos. A plataforma que já estava sendo preparada há um ano tem agora seu projeto piloto e apresenta agora a Casa Brasil Liechtenstein com a parceria de Art in Place, Da Cruz Architektubüro e Fam Event.

A exposição para o famoso #JUNIFEST da Casa Brasil Liechtenstein será em 3D interativa e preparatória para o evento que completa oito anos de existência com diversas atividades culturais. O centro do evento é o 6º. Salão de Arte Brasileira em Liechtenstein, que este ano permitira maior interação, de maneira inovadora. Aos artistas que tiverem interesse em participar, podem fazer um teste, visitando o salão 3D PILOT, ou entrando em contato com a curadoria do evento. As obras participarão do evento e ainda poderão ser impressas no selo de Liechtenstein e da Suíça.

.

Referências:

SHAKESPEARE, William. Sonetos. São Paulo: Martin Claret, 2006. Tradução: Jerônimo de Aquino.

.

Fazendo-se Pintor, o meu olhar, na tela Do coração, copiou a tua formosura. O meu corpo emoldura o quadro, que revela O mais alto lavor no campo da pintura Através do pintor, verás o fino instinto Com que aí se dispôs teu fiel retrato, e a graça. (SHAKESPEARE, 2006, p.50) É bem provável que a Arte nunca tenha estado tão próxima da mente e das mãos do artista. Sua avidez pela cor e pela forma torna-se mais forte nesse momento em que o distanciamento é…

Revisão Geral

Excelente!!

Sumário : Avalie o artigo! Agradecemos sua participação!!

Avaliação do Usuário: 4.85 ( 1 votos)

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*