Home / Arte / Abertura do 1° Salão Nacional de Artes Visuais da Quarentena por Edmundo Cavalcanti
Medalha de Ouro: Carlos Borsa, 1ª Edição do Salão de Artes Visuais da Quarentena. Foto: Divulgação.

Abertura do 1° Salão Nacional de Artes Visuais da Quarentena por Edmundo Cavalcanti

Edmundo Cavalcanti é Artista Plástico, Colunista de Arte e Poeta.

Edmundo Cavalcanti é Artista Plástico, Colunista de Arte e Poeta.

“O artista se engaiola enquanto a arte voa”

“Queremos mais uma vez parabenizar os organizadores e jurados do Salão, pela inédita e brilhante iniciativa”. Onde artistas conhecidos ou ainda desconhecidos, que procuram seu espaço no universo das artes, em todas as suas vertentes, e que em participando do Salão tiveram a oportunidade de divulgar suas obras e tornarem-se conhecidos.

Todos são vencedores, independentemente de serem premiados ou não, pois não existe arte bonita ou feia, o que existe é simplesmente “Arte”.

“Que venham mais iniciativas como esta.”

Edmundo Cavalcanti

Após criteriosa análise das 890 obras inscritas vindos de artistas de todo o Brasil e com representação de 9 países (artistas brasileiros residentes no exterior) dos 4 continentes, o júri selecionou 40 obras finalistas para concorrer ao Prêmio do Juri, medalhas de Ouro, Prata e bronze.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

No último dia 28/04, este que é o primeiro Salão de Artes totalmente virtual na História do país, inaugurou a exposição, pontualmente as 12:00 horas e divulgou as 40 obras selecionadas pelo Júri, dentre 890 inscrições recebidas. A repercussão na mídia, o número de inscrições e a qualidade das obras, reforçam ainda mais o evento como sendo um dos mais concorridos do Brasil.

Os 4 artistas premiados foram:

Prêmio do Júri: Anna Moraes – Micropaisagens (Objeto) – Florianópolis/SC

Medalha de Ouro: Carlos Borsa – Marat Velado (Pintura) – São Paulo/SP

Medalha de Prata: Fernando Ekman Simões – Bike in Chelsea (vídeo arte) São Paulo/SP

Medalha de bronze: Filipe Cardoso Matos – (Mixed Média) – Belo Horizonte/MG

Ainda na abertura do Salão, iniciou-se a fase de votação popular online e 36 das obras selecionadas concorrem ao Prêmio do Público. A votação se estende até dia 03/05 (domingo) ao meio-dia. Navegar na galeria das obras classificadas é um deleite visual.

Questionado sobre o sucesso do Salão e o que ainda se pode esperar dele, Marcus Marchi Jr., um dos idealizadores e organizadores do evento, respondeu: “O Salão da Quarentena não terminará no seu encerramento tampouco esfriará após as votações. Algumas ações de democratização da arte e promoção do artista, pensadas pela Comissão, serão anunciadas do devido tempo. Ainda teremos muitas novidades”.

Somente a titulo de esclarecimento aos participantes, todos os trabalhos foram apreciados pelos jurados, sem conhecimento prévio ou com qualquer menção ou indicação de seus autores constante do objeto em analise, sendo que qualquer indicio da autoria do trabalho foi digitalmente ocultada pela equipe do Salão, permitindo aos jurados total imparcialidade idoneidade e liberdade para o julgamento dos trabalhos.

As obras selecionadas poderão ser apreciadas, assim como votadas pelo link:

Vote em quantas obras quiser, mas só é possível votar UMA VEZ EM CADA OBRA.

spark.adobe.com/page/1iG3QT6rk8xHK

Artistas selecionados:

Adriano Escanhuela – São Paulo, SP – (fotografia)
Alexandre Eça – São Paulo, SP (fotografia)
Ana Luiza Vareliano Yoneda – Olinda, PE (fotografia)
Aníbal Turenko Beça – Manaus, AM (gravura)
Anna Moares – Florianópolis, SC (objeto)
Breno de Sanťana Gouveia – Rio de Janeiro, RJ (fotografia)
Carlos Borsa – São Paulo, SP (pintura)
Caró de Castro Brandão – Bertioga, SP (gravura)
Demontier Meireles Vasconcelos – Santos, SP (arte digital)
Dircéa Alves Mountfort – São Paulo, SP (pintura)
Enzo Coletti Manzoli – Araraquara, SP (fotografia)
Fabrício R. Garcia (Manohead) – Garopaba, SC (pintura)
Fausto Fernandez – São Paulo,SP (fotografia)
Fernando Ekman Simões – São Paulo, SP (vídeo)
Filipe Cardoso Matos – Belo Horizonte, MG (mixed media)
Gabriela Fune de Oliveira – Brasília, DF (gravura)
Heloisa F. Pajtak (Alaska) – São Paulo, SP (desenho)
João Paulo Duarte de Sousa – Fortaleza, CE (fotografia)
Larissa Camnev – Campinas, SP (fotografia)
Laura Mello de Mattos Anacleto – Sorocaba, SP (pintura)
Lilian Ortega Desiderio – Curitiba, PR (pintura)
Luanderson Conceição dos Santos – Belém, PA (pintura)
Magali Tieppo Robaina – Curitiba, PR (pintura)
Mara Toledo – São Carlos, SP (pintura)
Marcele Campanini – Itapira, SP (objeto)
Marcus Vinicius B. Duchen Auroux – São Paulo (pintura)
Mari Westt – Curitiba, PR (escultura)
Maria Claudineide A. Macêdo – Juazeiro do Norte, CE (fotografia)
Marina Schenkel Jensen – Campinas, SP (objeto Livro de artista)
Mônica Mendes F. Neves – Belo Horizonte, MG (pintura)
Patrícia Amato – Atibaia, SP (mista)
Ghirotto – Piracicaba, SP (pintura)
Richard Augusto da Silva – Bauru, SP (arte digital)
Rita Caruzzo – São Paulo, SP (objeto)
Sergio Bilous – João Pessoa, PB (vídeo arte)
Sérgio Luiz Oliveira – Belo Horizonte, MG (colagem)
Simone Aparecida Tomé – Sorocaba, SP (objeto)
Stive Ferreira de Sousa – Fortaleza, CE (desenho)
Thiago Assis Felisberto Petronilho – Carangola, MG (mista)
Vone Petson Pereira Branquinho – Porto Nacional, TO (mista)

Comissão Organizadora:

Luiz Anelli
Marcus Marchi Jr.
Rafael Zafalon
Preá Rentes

JÚRI:

Luisa Paraguai
Lauro Monteiro
Fernando Naviskas
Oscar D’ambrosio

….

.

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*