Home / Arte / Abertura Exposição Natureza Viva

Abertura Exposição Natureza Viva

Projeto da artista mineira Lucia Adverse, com curadoria da galeria parisiense Ricardo Fernandes, acontece em Tiradentes entre 20 e 23 de outubro




A histórica Tiradentes vive programação cultural intensa neste fim de outubro. No dia 20/10 (quinta-feira), acontece a abertura da exposição Natureza Viva, de Lucia Adverse, no Espaço Raízes, no centro da cidade histórica. Na mesma data, a artista também lança o livro fotográfico sobre o projeto, escrito pela crítica de arte Camilla Schenkel.

Durante quatro dias, o público poderá conferir uma impressionante exposição, de proporções monumentais. Serão apresentadas 16 fotografias e três instalações da artista que é representada pela Galeria Ricardo Fernandes, de Paris, que também quem assina a curadoria e cenografia.




“Todos os trabalhos apresentados são frutos de uma pesquisa que comecei em 2012, dentro do projeto Natureza Viva” explica Lucia Adverse. As duas instalações ocupam as dependências externas do espaço. “Teremos uma instalação sonora no forno e uma instalação com 16 obras em técnica mista sobre papel, na capela” adianta a artista. Já as 16 fotografias monumentais, ocupam o salão principal.  

Sobre Natureza Viva

Em seu interminável processo de leitura e pesquisa, Lucia Adverse iniciou uma vasta coleção biográfica sobre artistas mulheres, que desde o Séc. XVII vêm vivendo de forma intensa, lúdica e forte.  A artista decidiu então que de uma forma ou de outra, prestaria uma homenagem a essas mulheres artistas, transformando as principais características de cada uma, em expressões plásticas encontradas na natureza e observadas através de sua visão fotográfica.



Lucia passou a mapear cada uma dessas biografias femininas e a identificá-las como plantas, árvores, florestas, como se quisesse tirar expressões humanas da natureza ou sem saber, mesclar vidas humanas em processos que de uma forma ou de outra, são bioquimicamente explicáveis.

“Essa mescla de observações e estudos, passou a definir a relação entre as formas e os fatos, desafiando os sentimentos da artista, que criou uma verdadeira floresta de portraits femininos, em metáforas e símbolos, intitulando-os de Natureza Viva; porém que a mim me parecem fragmentos de um auto retrato da própria artista, mas que no vai e vem das co-incidências, nos leva a refletir a imagem-natureza de cada uma das personagens, em nós mesmos” explica o galerista e curador Ricardo Fernandes.

“Por muito tempo esperou-se do assim chamado sexo frágil delicadeza, frescor e beleza, daí a comparação corriqueira com flores. Lucia oferece, ao contrário, uma árvore inteira para cada uma dessas mulheres cujas vidas considera notáveis. Em vez de destacar seus frutos e folhas, valoriza, em suas imagens, troncos retorcidos, cascas craqueladas, galhos secos, fendas e líquens, aproximando-os da potência dessas personagens” completa Camila Schenkel, crítica de arte. 

Receba Notícias de Exposições e Eventos em geral em nosso grupo de Whatsapp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.

Serviço

Abertura: 21/10

Horário: 18h às 21h

Visitação: 20 a 23/10

Horário: 10h às 18h

Local: Espaço Raízes (Praça da Estação 10, Maria Fumaça, Tiradentes, MG, Brasil)

instagram.com/luciaadverse

instagram.com/ricardofernandesgallery

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*