Home / Arte / Aliança Francesa celebra o “Dia internacional de Luta das Mulheres” em podcast especial da série “Mentes Pesquisadoras”
Camila Pitanga. Foto: Vincent Rosenblatt / Aliança Francesa.
Camila Pitanga. Foto: Vincent Rosenblatt / Aliança Francesa.

Aliança Francesa celebra o “Dia internacional de Luta das Mulheres” em podcast especial da série “Mentes Pesquisadoras”

Aliança Francesa celebra o “Dia internacional de Luta das Mulheres” em podcast especial da série “Mentes Pesquisadoras” sobre a contribuição de mulheres para a ciência e tecnologia. A narração em português é da atriz Camila Pitanga, madrinha do projeto no Brasil.

O segundo episódio da série “Mentes Pesquisadoras” acontece no dia 8 de março, no Canal de poscast “AFluência” com narração da versão brasileira da atriz Camila Pitanga que retrata a biomédica Jaqueline Goes de Jesus, cientista brasileira e integrante da equipe que mapeou os primeiros genomas do coronavírus e COVID-19 no Brasil. Transmissão nas principais plataformas de streaming (Spotify e Deezer).





No mesmo dia haverá um debate sobre “Ecologia e feminismo”, com a politóloga e historiadora, Françoise Vergès, da ativista climática e Jovem embaixadora da ONU, Amanda da Cruz Costa e da Mestre em Sistemas educacionais e políticas públicas, Thanisia Cruz. O evento será transmitido via YouTube da Aliança Francesa Brasil, a partir de 19h.

O podcast “Têtes Chercheuses“, ou “Mentes Pesquisadoras“, escrito pela jornalista francesa Clémentine Spiler, apresenta uma série de retratos destinados a destacar as mulheres lusófonas e francófonas que marcaram e ainda marcam a história das ciências. Difundido em francês e em português, a narração da versão brasileira ficou a cargo da atriz Camila Pitanga, madrinha do projeto no Brasil. Camila gravou sua participação no estúdio de produção de podcasts da Aliança Francesa, em Botafogo, entre novembro de 2021 e fevereiro de 2022.

O projeto é uma iniciativa da Aliança Francesa em parceria com a Embaixada da França e o Institut Français e faz parte de AFluência, o canal de podcasts da Aliança Francesa do Rio de Janeiro, transmitido nas principais plataformas de streaming (Spotify e Deezer).

Serão ao todo seis episódios na série “Mentes Pesquisadoras”, cada um focado na trajetória de uma cientista de origem francesa ou brasileira.

No dia 8 de março, Dia internacional da Mulher, às 19h será transmitido o segundo episódio da série que conta com a narração em português da atriz Camila Pitanga o retrato da biomédica e cientista, Jaqueline Goes de Jesus, Doutora em patologia humana, que se distinguiu por coordenar a equipe responsável pelo sequenciamento do genoma do Coronavírus em apenas 48h após a detecção do primeiro caso de COVID-19 no país.

O primeiro episódio da série “Mentes Pesquisadoras” foi lançado em novembro pela ocasião do Novembre Numérique (Novembro Digital) e apresentou as falas da pesquisadora, Alice Recoque (1929 – 2021). Francesa, engenheira em informática, ela dirigiu o projeto de desenvolvimento do mini-computador Mitra 15, responsável por controlar robôs e sistemas de segurança dentro de usinas nucleares, pilotar mísseis e navios e calcular experiências científicas.

Entre março e julho, ainda serão lançados episódios sobre as cientistas Cynthia Sinyeue, Marie Curie, Nise da Silveira e Sonia Guimarães.

O podcast está disponível nas principais plataformas de streaming, como Spotify, Deezer e Apple Podcasts, e através do site do canal Afluência: https://feeds.transistor.fm/mentes-pesquisadoras-tetes-chercheuses

Durante o mês de março, mês da francofonia, o escritório do livro da Embaixada da França no Brasil e as Alianças Francesas de Belém e São Paulo lançam o ciclo de debates “Pensar a ecologia a partir dos mundos amazonenses e caribenhos”. Os 4 encontros desse ciclo de debates visam explorar e cruzar os desafios ecológicos e as questões pós-coloniais nos mundos amazônicos e caribenhos, no âmbito da continuidade dos debates iniciados pela Noite das Ideias 2020 (grande evento anual organizado pela Embaixada da França no Brasil) sobre o tema da floresta, e da Noite das Ideias 2021 em Belém sobre as identidades pan-amazônicas. Cada mesa discute, dentro de temáticas próprias, assuntos cruciais da atualidade, articulando-os com os desafios pós-coloniais e as questões raciais, de um lado, e a ecologia, de outro. O ciclo visa a criar sinergias de reflexão e cooperação através de uma abordagem regional entre Brasil, Guiana francesa e o caribe francófono, agregando também a África francófona.

No mesmo dia 8 de março haverá um debate sobre “Ecologia e feminismo”, com as participações da politóloga e historiadora, Françoise Vergès, da ativista climática e Jovem embaixadora da ONU, Amanda da Cruz Costa e da Mestre em Sistemas educacionais e políticas públicas, Thanisia Cruz. O evento será transmitido via YouTube da Aliança Francesa Brasil, a partir de 19h.

Foi uma escritora francesa, Françoise d’Eaubonne, quem primeiro introduziu o termo “feminismo ecológico” em 1974 com o intuito de “chamar a atenção ao potencial das mulheres para liderar uma revolução ecológica”. Esse conceito, originalmente, deveria permitir “explorar a natureza das conexões entre a dominação injustificada sobre as mulheres e a natureza” e, de forma mais geral, mostrar que o patriarcado e o capitalismo oprimem a natureza tanto quanto as mulheres. A convidada Françoise Vergès é uma feminista decolonial, outro movimento do feminismo que também visa alcançar a interseccionalidade e a convergência de lutas contra o sexismo, o racismo, o capitalismo e o imperialismo. Neste encontro com Amanda Cruz da Costa, jovem embaixadora do clima na ONU, e moderado por Thanisia Cruz, serão abordados os temas de ecologia, feminismo, descolonização e suas correlações.

Aliança Francesa no mundo

A Aliança Francesa é uma instituição sem fins lucrativos, cujo principal objetivo é a difusão da língua francesa e das culturas francesa e francófonas. Para isto, ela promove o ensino do idioma francês e oferece atividades culturais francófonas. Ela concede certificados específicos de proficiência e conhecimento linguísticos. No Brasil, ela oferece também cursos de português para estrangeiros. A rede das Alianças Francesas possui escolas na França para estudantes estrangeiros e mais de 800 unidades em 132 países, onde estudam cerca de 500.000 pessoas. Cada centro possui autonomia, porém, todos eles funcionam em estreita relação com a matriz parisiense – a Fondation Alliance française.

Aliança Francesa no Brasil

No Brasil, a Aliança Francesa está presente desde 1885 e é o único curso de ensino da língua francesa reconhecido pelo Ministério da Educação Nacional francês. Seu primeiro centro foi fundado no Rio de Janeiro, apenas dois anos após a criação da sede, em Paris.

Com os métodos pedagógicos e recursos técnicos mais avançados no ensino do francês, a rede brasileira conta com 34 Alianças Francesas e mais de 45 implantações, distribuídas por praticamente todo o país. A Coordenação Nacional do Brasil fica situada no Rio de Janeiro e coordena as atividades pedagógicas e culturais de ensino em todo o país.

SERVIÇO:

Série Mentes Pesquisadoras – 2º episódio

Tema: Contribuição de mulheres para a ciência e tecnologia com a participação da biomédica Jaqueline Goes de Jesus, cientista brasileira.

Dia: 8 de março, terça-feira

Horário: 19 horas

O podcast está disponível nas principais plataformas de streaming, como Spotify, Deezer e Apple Podcasts, e através do site do canal Afluência: https://feeds.transistor.fm/mentes-pesquisadoras-tetes-chercheuses

Debate sobre: “Ecologia e feminismo”

Dia: 8 de março, terça-feira

Participações:

Françoise Vergès, politóloga e historiadora;

Amanda da Cruz Costa, ativista climática e Jovem embaixadora da ONU;

Thanisia Cruz, Mestre em Sistemas educacionais e políticas públicas.

Transmissão via YouTube da Aliança Francesa Brasil, a partir de 19h :

https://www.youtube.com/c/Alian%C3%A7aFrancesaBrasil

https://www.instagram.com/aliancafrancesabrasil/

https://www.facebook.com/aliancafrancesabr

https://www.aliancafrancesabrasil.com.br/

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*