Home / Arte / Claraboia: entenda o que é e como utilizar na decoração
Claraboia: entenda o que é e como utilizar na decoração. Foto: tom balabaud no Pexels.
Claraboia: entenda o que é e como utilizar na decoração. Foto: tom balabaud no Pexels.

Claraboia: entenda o que é e como utilizar na decoração

Para criar espaços com ampla iluminação, a claraboia é uma ferramenta da construção que pode dar um charme todo especial a qualquer espaço. Provavelmente, em algum projeto, você já se deparou com uma bela claraboia em sua construção.

Basicamente, se trata de uma abertura no alto de uma construção, sendo usada tanto para a ventilação quanto para a entrada de luz natural.

Esse é um item que traz requinte à decoração e muito estilo, e além disso, as claraboias trazem ainda outra vantagem que é a economia de energia.





Aumentando a incidência de luz natural nos ambientes, a claraboia tem um impacto direto na sua conta de eletricidade, pois diminui a necessidade de seu uso durante o dia.

Podendo ser projetada por uma boa empresa de esquadrias de alumínio, essas estruturas renovam os mais diversos ambientes. Neste artigo, abordamos o que é a claraboia, suas vantagens e como utilizá-la na decoração.

O que é claraboia e para que serve?

Uma claraboia se trata de uma abertura na cobertura de uma construção que proporciona a entrada da luz natural naquele ambiente.

Dependendo do modelo que você adote para a sua claraboia, ela também permite a entrada de ventilação, fazendo com que ambiente fique mais arejado.

Essa é uma solução em prol da natureza porque acaba fazendo com que você economize energia elétrica, bem como a opção pela instalação de energia solar.

Colocadas normalmente em ambientes sem janela ou com poucas, essa é uma estrutura que pode ser comparada a um telhado de vidro, sendo sempre uma excelente alternativa.

Qual o tamanho mínimo de uma claraboia?

Para a construção de uma claraboia, é necessário um projeto muito bem planejado para não haver erros.

Por isso, antes mesmo de iniciar a montagem da sua estrutura em obras de construção civil, é fundamental avaliar certos pontos antes, como qual é o tamanho mínimo de acordo com as normas estabelecidas pelos órgãos competentes.

A norma para projeto, execução e aplicações de vidro na construção civil, é a norma NBR 7199, que certamente pode te auxiliar na construção de sua claraboia.

Aconselhamos a contratação de um profissional especializado na construção de casas para garantir que o trabalho não comprometa a qualidade do serviço, o conforto e a segurança de quem vai usar o ambiente.

Como funcionam as claraboias?

Podemos classificar a claraboia como um tipo de iluminação zenital, sendo composta por uma abertura feita no telhado que existe para favorecer a entrada de iluminação natural em seu cômodo.

Estruturada nessa abertura, a claraboia atua como uma janela de teto, existindo diversos modelos que variam conforme a necessidade do projeto.

Um diferencial são as claraboias que contam com um sistema de ventilação, deixando o ambiente mais iluminado e ventilado ao mesmo tempo.

Existem vantagens da automação de ambientes residenciais que permitem que o mecanismo de abertura e fechamento seja feito por controle remoto. Outra opção é o uso de manivelas que fiquem ao alcance da mão.

Quais são os tipos de claraboia?

Pensando na climatização de ambientes, existem no mercado uma grande diversidade de claraboias, que variam com relação ao material, tamanho e formato, sendo que alguns modelos que podem ser encontrados são:

  • Claraboia comum;
  • Claraboia tubular;
  • Claraboia cúpula (domo);
  • Claraboia lanternim;
  • Claraboia átrio;
  • Claraboia shed.

Cada uma conta com suas próprias medidas e propriedades para permitir a iluminação dos ambientes.

Onde usar uma claraboia?

Uma empresa de jardinagem e paisagismo pode oferecer diversas opções de claraboias para trazer luz natural a cômodos diferenciados, principalmente com plantas e uma decoração mais natural.

Elas são mais comuns em ambientes que não possuem janelas, como escadas, corredores e halls. No entanto, os mais diversos ambientes podem se beneficiar de sua instalação, como o banheiro, a cozinha, a sala, e até mesmo o quarto.

Em espaços como a sala e o quarto, a incidência de luz constante pode se tornar algo incômodo para quem utiliza o ambiente. Para evitar o seu desconforto, aconselhamos o uso de cortinas que atuam fazendo essa regulação da claridade no local.

Uma claraboia pode iluminar até oito vezes mais que uma janela, considerando-se as mesmas dimensões. No entanto, para sua construção é importante que o telhado tenha sido projetado para essa função por uma empresa de projetos estruturais.

Se você não deseja alterar a estrutura do telhado, pode optar por telhas translúcidas, que podem ser feitas de acrílico, policarbonato ou vidro.

Os chamados amantes da iluminação natural são sempre apaixonados por estruturas como as claraboias que destacam ambientes, seja sob a luz do sol ou da lua.

Se você não sabe onde vai instalar sua claraboia, trazemos aqui algumas ideias para os vários cômodos da casa.

Claraboia na sala

Para quem procura mais iluminação para sua sala de estar ou para a sala de jantar, a aplicação de claraboias é uma ótima escolha.

Elas podem ser instaladas em pontos específicos, e é preciso pensar em seu posicionamento para não atrapalhar as atividades no cômodo, como assistir TV, por exemplo.

Evite colocá-las logo acima da TV, pois pode ser grande a incidência de reflexos durante o dia. Em salas de jantar, é indicado que a claraboia seja posicionada próxima à mesa de jantar ou ao sofá, oferecendo toda a iluminação necessária.

Além disso, você pode optar pela instalação dessa estrutura principalmente em cômodos sem janela, para dar novos ares ao ambiente.

Claraboia no quarto

O uso de claraboias nas quartos, logo acima da cama, é uma excelente escolha para quem gosta de olhar para o céu para dormir. Essa é uma ótima opção pois leva muita serenidade e tranquilidade para esse cômodo que precisa ser aconchegante.

Imagine-se deitado em sua cama vendo as estrelas no céu ou mesmo vendo a chuva cair. Sem dúvida é uma experiência fascinante.

Mas também existem alguns contras, pois para quem não gosta de acordar cedo, a claraboia pode ser um grande vilão, pois logo que o sol nasce já é possível ver a claridade.

Para solucionar essa situação pode ser instalada uma bela cortina, mas é preciso bom gosto para encobrir a claraboia com charme e elegância.

Claraboia na cozinha

A cozinha é um cômodo que pede luz natural, e se você é do tipo de pessoa que se diverte estando na cozinha, preparando alimentos e as mais diversas receitas, a instalação de uma claraboia pode te animar ainda mais.

Com ela se tem uma iluminação primorosa durante o dia, o que leva a economia de energia elétrica, de forma que é um grande investimento.

Claraboia no banheiro

Um bom serviço de engenharia pode propiciar a construção de uma linda claraboia em seu banheiro, trazendo luz e ventilação natural para esse ambiente que costuma precisar de estruturas para ambas as soluções.

Considerações Finais

As claraboias são opções ideais para quem busca um toque de requinte no ambiente permitindo que o local seja invadido por luz natural, sendo um grande diferencial na hora de construir.

Elas surgiram na Europa antiga, tendo a função de iluminar grandes construções, além de dar um alívio estético ao peso de suas cúpulas.

Trata-se de um diferencial construtivo que é indicado para valorizar ambientes internos, fornecendo economia de energia elétrica. Deste modo, pode-se dizer que é também um investimento.

Permitindo a iluminação natural em ambientes internos inteiros, e a claraboia é uma estrutura versátil, que pode ser instalada em qualquer cômodo de sua casa, sem restrições de tamanho ou função, apenas precisando da estruturação local para recebê-la.

As claraboias são elementos que além de terem como função permitir a passagem da luz natural no ambiente, permitem a ventilação dependendo do modelo, e podem até mesmo auxiliar na redução do peso das estruturas do teto.

Entre as vantagens dessa estrutura, podemos destacar seu papel funcional e decorativo, fornecendo luz para cômodos que não poderiam ter janelas, ou que têm alguma restrição.

Com sua instalação, é possível realizar a economia de energia, que é algo notável, sendo importante em tempos de insuficiência energética.

Como desvantagens temos a incidência de luz solar de forma contínua, com a necessidade de se instalar cortinas apropriadas, principalmente em cômodos como salas e quartos, de forma a não atrapalhar as atividades ali exercidas que precisam de ausência de luz.

Da mesma forma que a luz entra no ambiente, é preciso considerar o calor, se tratando de um ponto que precisa ser muito bem analisado para garantir conforto aos moradores.

Outro ponto importante é a privacidade, então antes de instalar sua claraboia, certifique-se que no entorno da residência não existem construções mais altas que conseguirão ter visibilidade de seu interior.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*