Home / Arte / Coletivo Núcleo Damaru

Coletivo Núcleo Damaru

Local: Mercado Sal

Data: 30.06.2019

O Coletivo Núcleo Damaru é o lançamento do Núcleo de Convívio e Desenvolvimento Criativo Damaru. O damaru ou damru é um tambor em forma de disco ou ampulheta usado principalmente na Índia e no Tibete e representa nestas culturas o som da criação do universo e foi a principal inspiração para o conceito e a logo.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

O Núcleo Damaru é um grupo de artes integradas, atualmente formado por profissionais de cadenciados em uma sintonia única. Este time tão especial apresentará amostras de seus projetos trabalhados individualmente e no coletivo, pois, todos são possuem característica transdisciplinar devido às conexões naturalmente ocorridas.

Como parte desde universo e a serviço da apreciação de seu público, temos: Adolfo Santos Turbay e Josias Moreira de Alcântara (literatura), Di Magalhães (artes plásticas); Eliane Beê Boldrini (Qualidade de Vida); Laura Flôres (dança inclusiva); Jacob Cachinga e Pamela Shiroma (projeto Dançar Sem Ver), Rogério Krieger (música) e Marcia Machado (coordenação).

Este evento é uma realização de Maru Produções com apoio do Mercado Sal. Os parceiros desta deliciosas empreitada cultural são: Ademadan Antonina, Centro de Criatividade Rellem Salu Berght, Ateliê Di Magalhães, Projeto Dançar Sem Ver e Pimenta Rosa Produtos Naturais.

PROGRAMAÇÃO

Espaço externo

12h00:

  • Lançamento do Núcleo de Convivência e Desenvolvimento Criativo DAMARU com a produtora Marcia Machado.
  • Abertura da exposição e pintura ao vivo com o artista Di Magalhães.
  • Apresentação sobre os projetos Trilha da Vida e caminhada Soundwalk com a professora e terapeuta Eliane Beê.

12h30:

  • Intervenções poéticas, declamações, criações de trovas, brincadeiras e sorteio de brindes, com os escritores Josias de Alcântara e Adolfo Turbay.

Palco principal

  • 13h00: Declamações de trovas e poesias. Projeto Jogo de Palavras e convite à palestra Comunicação X Relações Humanas do Século XXI, com o escritor Josias de Alcântara.
  • 13h30: Projetos Dançar Sem Ver e convite à Oficina dos Sentidos. Performance de dança inclusiva com Pamela Shiroma e Jacob Cachinga.
  • 17h00: Pocket Concert – O Violino Místico – com o maestro Rogério Krieger.
  • 17h30: Projeto Inspirando Vidas. Performance de dança inclusiva, com Laura Flôres e Cido Arruda. Apoio da ADANS – Associação Paranaense de Dança de Salão.
  • 18h: ENCERRAMENTO com sorteio de brindes oferecidos pelos integrantes do Coletivo, como: a obra pintada ao vivo pelo artista Di Magalhães, livros autografados pelos escritores presentes, vales-descontos em cursos, oficinas, palestras e roteiros.

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*