Home / Arte / Como fazer um quarto com temática indie?
Como fazer um quarto com temática indie?. Foto: Tima Miroshnichenko no Pexels.
Como fazer um quarto com temática indie?. Foto: Tima Miroshnichenko no Pexels.

Como fazer um quarto com temática indie?

Cada geração costuma se vangloriar de um estilo próprio, abordando questões estéticas e artísticas que possam identificar esse grupo social como algo de identidade única. Atualmente, é possível destacar a temática indie como uma das mais presentes.

Mas antes de se chegar ao indies, existiram muitas correntes artísticas, como a comunidade hippie, a rebeldia do movimento punk, a melancolia do chamado emocore no início dos anos 200, entre outras modalidades que se destacaram.

E junto a todas essas vertentes, existe também um movimento de retroalimentação cultural. Uma palavra difícil para dizer que a cultura é algo que trabalha com referências, dentro dos seus mais diversos formatos, como na música, no cinema e nas artes em geral.

Inspirações essas que podem fazer com que a decoração da sua casa em pleno século XXI, possa se basear em estilo dos anos 70, onde até mesmo o movimento de corte e poda de árvores pode ser feito em um formato diferente, dentro de um novo estilo.





Existindo nesse caso um grande movimento de aspiração, no qual uma sociedade, dentro da sua época costuma refletir sobre as experimentações artísticas do passado, não só revisitando esses estilos, como também operando certas modificações.

Como pode ser visto, por exemplo, na moda em si. Onde diferentes peças de roupa conseguem voltar a ter um certo destaque de tempos em tempos, o que faz com que aquela vestimenta acomodada e seu guarda-roupa possa voltar a fazer sucesso.

O que pode não existir mais é o corpo ideal que caiba nessa peça de roupa em questão, mas nada que uma visita a uma costureira não consiga resolver, aproveitando novamente essa peça.

Assim como uma empresa de prestação de serviços de pintura pode ser a responsável por renovar um estabelecimento, com um serviço de pintura sendo o necessário para trazer um novo estilo a um empreendimento que busca uma renovação junto ao seu público.

E nessa jornada de resgate artístico se criou um movimento cultural que vem ganhando um destaque especial nestes últimos anos, que é a temática indie, que pode estar presente desde a decoração de uma nova loja no mercado, como no quarto dos seus filhos.

Ao que se refere a decoração indie?

Para compreender melhor as escolhas artísticas por trás de uma decoração indie, é importante entender a fundo sobre esse movimento cultural em si, que surgiu no século passado, mas passou a ter um destaque diferenciado no final dos anos 2000.

O termo “indie” vem do inglês, como uma referência ao gênero independente, ou seja, um movimento cultural que se concentra longe dos grandes pólos industriais, como na música popular que toca nas ruas, cantada por artistas de grande reconhecimento mundial.

Um gênero que pode ser encontrado no cinema, na música, ou em qualquer representação artística que fuja do campo conhecido como mainstream, ou seja, uma corrente de fluxo principal, como um movimento artístico ligado ao que está em alta no mercado.

Mas de fato as tendências culturais mudam com o tempo, fazendo com que até mesmo um negócio seja visto como tradicional, como uma serralheria de ferro tendo que fabricar portões e grades que acompanham os gostos e estilos de uma geração para outra.

Por isso, para confirmar que a temática indie não é exatamente algo inédito no mercado, é possível citar o movimento musical do indie rock, que teve início nos anos 70-80, mas se mantém presente até os dias de hoje, por meio de um estilo de música que foge do convencional.

Sendo uma temática cultural que persiste através da criatividade, personalização e mistura de elementos, fazendo com esse estilo conquistasse uma presença também na decoração de diversas residências, tendo um destaque maior nos quartos.

Por se tratar de um cômodo pessoal, no qual as preferências desse residente conseguem ser vistas até mesmo nas paredes, fazendo do quarto uma extensão da personalidade do indivíduo, muitas vezes antes mesmo dele ter uma identidade para chamar de sua.

Sendo possível identificar que um quarto pertence a um bebê ou a uma criança por causa das cores utilizadas ou das peças de decoração posicionadas em tais cômodos.

Assim como a presença de um guarda corpo de alumínio próximo dali, instalado para impedir o calçamento possíveis acidentes, como uma queda em um quarto de andar alto.

Mas a verdade é que as crianças crescem, passando a buscar um estilo próprio, que reforce a sua identidade única, fazendo então com que o jovens se aproxime da cultura indie, por ser um movimento baseado na criatividade e customização.

Isso não significa, no entanto, que existe algum limite etário para se apostar em uma decoração indie para a sua casa, seu quarto ou até mesmo o seu escritório. Sendo uma temática focada na personalização do lugar, de acordo com os gostos do indivíduo.

E se o seu objetivo é trazer uma decoração indie para o seu quarto, saiba que existem diversas formas de se fazer isso, destacando pontos específicos que mais agradam os interesses particulares de cada pessoa.

Trazendo o estilo indie ao seu quarto

O estilo indie, assim como seu movimento artístico relacionado não possui exatamente uma temática única, sendo uma variação artística que se destaca justamente por causa da sua pluralidade, agregando diversas correntes culturais em um só estilo.

Dessa forma, quando se pensa na decoração de um cômodo, as mais diversas possíveis podem ser as combinações, podendo um decorador recorrer aos serviços de uma marmoraria SP, mas também de um bazar de peças artísticas antigas.

Com ambos os materiais e ornamentações podem se complementar junto da decoração do quarto. E para destacar essas possibilidades, é importante estar atento a uma série de opções decorativas.

Adoração à música

Uma das vertentes mais fortes do movimento indie é a questão musical, com diferentes artistas tendo um grande impacto em relação a tal estilo.

E é essa admiração pelas representações musicais, que faz com que o indivíduo queira ver a música presente em sua vida, de forma literal se possível, com a disposição de discos em suas paredes, assim como pôsteres das suas bandas preferidas.

Destaque fotográfico

Os registros fotográficos também podem trazer um estilo único para o seu cômodo, de acordo com o posicionamento dessas fotos em suas paredes, além da própria definição das imagens que irão se tornar o plano de fundo do seu quarto.

Sendo possível fazer um contraste entre os tons escolhidos para essas fotos junto ao material escolhido para o piso, por exemplo. Através da pesquisa de cimento queimado valor, e de como essa tonalidade pode destacar ou complementar as fotografias escolhidas.

Faça você mesmo

Com a decoração indie estando ligada a customização de um espaço, junto aos interesses do seu residente, é compreensível o destaque que as ferramentas de DIY podem ter na decoração deste imóvel.

Com o Do It Yourself (faça você mesmo) é possível confeccionar uma série de dispositivos a serem posicionados no seu quarto de temática indies, por meio de peças como:

  • Tapetes;
  • Cortinas;
  • Itens de decoração;
  • Quadros customizados.

Itens que podem trazer uma identidade própria, ao serem produzidos por você mesmo, colocando sua identidade nessas peças decorativas.

Trabalhe com luzes

A escolha da iluminação perfeita pode ser responsável por destacar o estilo adotado no seu quarto, como na opção por uma tonalidade mais forte ou mais íntima, dando um tom mais pessoal para um ambiente, fazendo contraste com a iluminada sala de estar.

Luzes em neon, por exemplo, podem destacar o seu estilo. Mas quando se trata de iluminação é importante se ter cuidado com a estrutura elétrica do espaço, com a utilização de um forro removível gesso sendo adequado para evitar acidentes ligados a essa fiação.

Dê destaque aos seus livros

Dentro das correntes artísticas que pertencem ao movimento indie é importante destacar também a presença da literatura, fazendo então com que esses livros também possam ser utilizados como um elemento de decoração.

Com a disposição dessas obras entre as prateleiras e estantes do seu quarto, criando um visual que simula a decoração de uma biblioteca.

Misture os estilos

Como a temática indie está muito ligada à customização do indivíduo acerca dos elementos artísticos que ele consome, se torna indicado então a mistura desses ativos culturais. Permitindo que uma decoração moderna possa se completar com um piso clássico.

Assim como uma fabrica de mezanino podendo ser procurada, mesmo que se trate de um quarto cuja decoração esteja mais puxada para o movimento naturalista, com a presença de móveis amadeirados, por exemplo.

O mais importante é que essa decoração esteja alinhada aos interesses da pessoa que irá conviver nesse quarto, destacando um dos principais pontos do movimento indie, que é exaltação à criatividade do indivíduo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*