Home / Arte / CONHECIDOS DE VISTA: Um olhar sobre as relações de vizinhança através das janelas das cidades

CONHECIDOS DE VISTA: Um olhar sobre as relações de vizinhança através das janelas das cidades

Artista visual Letícia Lampert lança seu novo livro, Conhecidos de vista, com edição financiada pelo Fumproarte de Porto Alegre

Livro Conhecidos de Vista, capa. Foto: Letícia Lampert.

Livro Conhecidos de Vista, capa. Foto: Letícia Lampert.

“Com o tempo, porteiros e zeladores foram se tornando os principais curadores do projeto.
Entre desconfiados e solidários, apreensivos e empolgados, eram eles que,
quase sempre, decidiam em quais prédios eu poderia entrar, quem eu iria conhecer.”
(Letícia Lampert)

Na obra Conhecidos de vista (Ed. Incompleta, 152 págs., R$ 70,00), a artista porto-alegrense Letícia Lampert materializa seus estudos sobre a paisagem urbana, observando as relações, mediadas pela arquitetura, que os habitantes têm com as cidades. No dia 10 de outubro, a partir das 18h, a autora lança o livro na Livraria Taverna, com sessão de autógrafos e um bate-papo com o público presente sobre o processo da publicação.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

A edição bilíngue lança um olhar para uma situação cada vez mais comum no contexto contemporâneo: prédios com janelas próximas demais. São vistas que não mostram a cidade e a paisagem, mas a vida do outro. Os vizinhos não se conhecem formalmente, mas, por esta proximidade forçada, podem tecer descrições sobre os hábitos banais daqueles que enxergam. Letícia visitou mais de 50 apartamentos nos bairros centrais de Porto Alegre, onde as ruas, com prédios em ambos os lados, configuravam esta situação de “confronto” de miradas.

Trata-se de uma publicação sanfonada, em capa dura, com todas as páginas recobertas por fotografias. De um lado delas, aparecem somente as vistas de fora dos prédios; do outro, são contemplados os ambientes internos, junto a depoimentos (captados em conversas informais) dos moradores contando o que sabem dos vizinhos, que, quase sempre, não conhecem. Essa proximidade forçada, além de trazer detalhes sobre os hábitos banais daqueles que enxergam, desperta a imaginação sobre o que não veem.

Este projeto foi apresentado pela primeira vez em 2013, na Sala Augusto Meyer da Casa de Cultura Mario Quintana, dentro do Prêmio IEAVi (Instituto Estadual de Artes Visuais), rendendo à fotógrafa menção honrosa. A exposição foi resultado da pesquisa de mestrado em Poéticas Visuais, realizada no PPGAV-UFRGS e defendida no mesmo período. O projeto também foi indicado ao Prêmio Açorianos de Artes Plásticas e recebeu o Prêmio Pierre Verger de Fotografia em 2013 (promovido pela Funceb – Fundação Cultural do Estado da Bahia), na categoria Trabalhos de Inovação e Experimentação na área de Fotografia.

Livro Conhecidos de Vista, de Letícia Lampert, capa. Foto: Ed. Incompleta.

Livro Conhecidos de Vista, de Letícia Lampert, capa. Foto: Ed. Incompleta.

A proposta de publicação foi aprovada pelo Edital de Produção 011 do Fumproarte da Secretaria Municipal da Cultura de Porto Alegre em 2015. Uma das contrapartidas prevê que uma cota de 10% da tiragem da publicação seja distribuída para bibliotecas e acervos de instituições culturais e espaços independentes de todo o país. A autora ainda participará de três conversas com alunos de escolas públicas de Porto Alegre, e um workshop gratuito será ministrado por Letícia no Atelier das Pedras, na Capital.

Depois do primeiro lançamento em solo gaúcho, a obra será apresentada em outras cidades brasileiras. A artista participa do Valongo Festival Internacional da Imagem (em Santos/SP, de 12 a 14 de outubro), onde autografa o livro.

LANÇAMENTO DO LIVRO: “Conhecidos de vista”
Bate-papo com a autora Letícia Lampert e sessão de autógrafos
Data: 10 de outubro (quarta-feira), a partir das 18h
Local: Livraria Taverna
Endereço: Fernando Machado, 370
Entrada franca

.

Sobre a publicação:

Título: Conhecidos de Vista / Known by Sight
Autor: Letícia Lampert

Editora: Incompleta
Texto de apresentação: Letícia Lampert
Versão em inglês: Raquel Dommarco Pedrão
Tiragem: 1000
Ano: 2018
Número de páginas: 152
Número de fotos: 84
Formato: 18×24 cm
Preço de capa: R$ 70,00
Pré-venda (com promoções e descontos) em: incompleta.com.br/produto/conhecidos/
Capa dura com laminação fosca e relevo seco
Encadernação tipo concertina

Letícia Lampert. Foto: Daniel Sasso.

Letícia Lampert. Foto: Daniel Sasso.

Sobre a autora:

Com formação em Artes Visuais (UFRGS, 2009), Design (ULBRA, 2000) e mestrado em Poéticas Visuais (UFRGS, 2013), Letícia Lampert vem desenvolvendo sua produção artística principalmente através da fotografia. Tem como eixo principal de pesquisa a investigação sobre as formas de compreender a paisagem, especialmente urbana, e as relações, mediadas pela arquitetura, que estabelecemos com as cidades. Teve seu trabalho destacado em salões e prêmios como o Prêmio Açorianos de Artes Plásticas – Fotografia, em 2009, Prêmio Aquisitivo no Salão Unama de Pequenos Formatos, em 2012, Prêmio Nacional de Fotografia Pierre Verger e III Prêmio Itamaraty de Arte Contemporânea, ambos em 2013. Participou de residências artísticas no Brasil e no exterior: The Swatch Art Peace Hotel, em Xangai, China; Residência FAAP, em São Paulo, e Pier 2, em Kaohsiung, Taiwan. Desde 2016, ministra oficinas sobre arte, fotografia e publicações independentes. Mais em: www.leticialampert.com.br

Sobre a Editora Incompleta:

A Incompleta é uma editora independente com sede em São Paulo e publicações distribuídas em livrarias de diversas cidades do Brasil. Desde 2015, participou de feiras importantes em São Paulo (Miolos, Festa da USP, Folhetaria – CCSP, Tijuana, Kraft – Unesp, Banca de Quadrinistas – Itaú Cultural); Brasília (Feira Dente); Campinas (Sub); Curitiba (Bienal de Quadrinhos); e Paraty (Flip). A editora publica duas revistas periódicas: a Puñado (com contos de autoras latino-americanas) e a Liget (histórias em quadrinhos de Marcos Casilli). Também foram publicados o zine Sobre ser uma linha, crônica de Laura Del Rey ilustrada por Gui Athayde, e o fotolivro Hart, de Alziro Barbosa e Laura Del Rey. No segundo semestre de 2018, serão lançados ainda o selo infantojuvenil Puñadinho e o livro de crônicas O pedaço da coxa de um anjo | Aventura em Istambul, do jornalista e escritor Pedro Tavares.

Mais em: www.incompleta.com.br

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*