Home / Arte / Edital da Prefeitura apoia apresentação de projetos de artistas curitibanos no Brasil e no exterior

Edital da Prefeitura apoia apresentação de projetos de artistas curitibanos no Brasil e no exterior

Apoiar a apresentação de projetos culturais curitibanos fora de Curitiba, em outras cidades, estados e países, é o objetivo do Edital de Circulação Estadual, Nacional e Internacional, do Fundo Municipal da Cultura, que está com inscrições abertas até 24 de outubro. Projetos em todas as áreas culturais podem ser beneficiados com recursos para passagens, hospedagens, transporte de equipamentos, cenários e figurinos, entre outras despesas.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

“Essa é uma demanda constante dos artistas, principalmente por causa dos custos das passagens áreas. O edital se tornou um importante mecanismo que os produtores curitibanos dispõem para fazer seus produtos culturais circularem por outros lugares”, diz o presidente da Comissão do Fundo Municipal da Cultura, Luciano Kampf. O edital prevê a compra de passagens áreas, rodoviárias ou ferroviárias, e também a locação de veículos de transporte coletivo.

Outro aspecto do edital, é a visibilidade que proporciona para a cultura curitibana. “Ele permite que a cidade seja mostrada. Os artistas, quando participam de festivais, mostras e turnês, no Brasil e exterior, levam o que Curitiba tem de singular, fazem conexões, entram em contato com outros artistas, e retornam com um novo olhar, que se reflete em inovação”, explica o diretor de Ação Cultural da Fundação Cultural de Curitiba, Beto Lanza.

Oportunidade

Um exemplo é o grupo Rosa Armorial, atuante na cena curitibana desde 2010, que foi contemplado no edital lançado em 2018 e conseguiu participar este ano do Festival Folclórico Celestino da Graça, na cidade de Santarém, em Portugal. “Não tínhamos como arcar com os custos da viagem. O Edital de Circulação nos possibilitou participar do festival, que contou também com grupos de dança e música de Portugal, Espanha, Colômbia, Argentina, Sérvia e Croácia. Fizemos apresentações do grupo também em Lisboa e na cidade do Porto”, conta a flautista Marcela Zanette. Os recursos repassados serviram para pagar as passagens e parte da hospedagem dos integrantes do grupo.

Marcela considerou o apoio da Prefeitura fundamental para promover e divulgar a arte produzida na cidade. “Curitiba é um celeiro de artistas. Aqui temos inúmeros trabalhos com muita qualidade, mas por não estarmos no eixo Rio-São Paulo muitas vezes acabamos não conseguindo circular com nossos espetáculos. Esse edital é uma excelente oportunidade para os artistas curitibanos mostrarem seu trabalho fora de Curitiba e com isso abrir um leque de possibilidades para um mercado nacional e internacional”, destaca Marcela.

Serão disponibilizados R$ 200 mil, sendo R$ 185 mil para aprovação de até 10 projetos no valor máximo de até R$ 18.500,00 cada. Para custeio de atividades de apoio ao edital são destinados R$ 15 mil. Podem participar projetos de música, artes cênicas (teatro, dança, circo e ópera), audiovisual (cinema vídeo, internet, televisão e rádio), literatura, artes visuais (fotografia, artes plásticas, design, e artes gráficas e tecnológicas), patrimônio histórico, artístico e cultural, e folclore, artesanato, cultura popular de demais manifestações culturais tradicionais.

Mais informações sobre o edital estão disponíveis no site da Fundação Cultural de Curitiba:

www.fundacaoculturaldecuritiba.com.br/leideincentivo/edital_117_19/

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*