Home / Arte / Estreia em 17 de agosto “Afterimage” – O último filme do consagrado diretor Andrzej Wajda

Estreia em 17 de agosto “Afterimage” – O último filme do consagrado diretor Andrzej Wajda

REPRESENTANTE DA POLÔNIA NA DISPUTA PELO OSCAR DE MELHOR FILME ESTRANGEIRO EM 2017

AFTERIMAGE FEZ PARTE DA SELEÇÃO OFICIAL DOS FESTIVAIS DE TORONTO E BUZAN INTERNACIONAL FILM FESTIVAL.

Andrzej Wajda falecido em 9 de outubro de 2016, recebeu um Oscar honorário da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood por seus 50 anos dedicados ao cinema, Palma de Ouro no Festival de Cannes – Prêmio do Júri Ecumênico por O homem de Ferro (1981), Prêmio Cesar 1983 – Melhor Diretor pelo filme Danton – O Processo da Revolução entre outros.

Construiu sua carreira cinematográfica com foco na história política da Polônia, dando destaque especial à II Guerra Mundial, confronto armado que atingiu diretamente o país, invadido pela Alemanha nazista e pela União Soviética stalinista no ano de 1939.

Em seu último filme, Afterimage, filme biográfico que conta a história do artista vanguardista Wladyslaw Strzeminski interpretado pelo ator Boguslaw Linda, que no auge de sua carreira, com aulas lotadas e idolatrado pelos seus alunos da Escola de Artes de Lodz, pintor e pai do movimento Construtivista polonês dos anos 1920, vê tudo o que construiu ser apagado da memória da sociedade com a destruição de suas obras e humilhações públicas por não conseguir emprego. Tendo ainda que superar todas as dificuldades impostas pelas suas deficiências físicas além de um relacionamento conturbado com sua filha.

Receba Notícias de Exposições e Eventos em geral em nosso grupo no Whatsapp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.

“O maestro polonês Andrzej Wajda presta homenagem ao artista vanguardista que sofreu com a opressão da didatura” – The Hollywood Reporter

“ O que distingue a abordagem política da Wajda é um olhar caloroso dirigido aos indivíduos, com suas fraquezas e contradições, e um olhar desconfiado diante das grandes ideias, promessas e sistemas. Por isso seu cinema segue mais vivo do que nunca. ” – Jose Geraldo Couto

SOBRE O DIRETOR

Andrzej Wajda nasceu em 6 de março de 1926 – e veio a falecer em Varsóvia, dia 9 de outubro de 2016. Wajda, foi um diretor de cinema polaco.

Começou a estudar cinema logo após a Segunda Guerra Mundial, na qual participou lutando com a Resistência Francesa, em 1942.

A história e política da Polônia é dominante em sua obra. Além de diretor, ele também foi senador pelo país.

Em abril de 2000, Andrzej Wajda doou a estatueta do Óscar honorário que havia ganho naquele mesmo ano ao Museu da Universidade Jaguelônica, em Cracóvia.




Sua filmografia:

1954 – Geração (Pokolenie)
1957 – Kanal
1958 – Cinzas e diamantes (Popiół i diament)
1959 – Lotna
1962 – Um Amor aos Vinte Anos (L’Amour à Vingt Ans)
1969 – Tudo a Venda (Wszystko na sprzedaz)
1970 – Paisagem após a Batalha (Krajobraz po bitwie)
1970 – O Bosque de Bétulas (Brzezina)
1973 – Bodas (Wesele)
1975 – Terra Prometida (Ziemia obiecana)
1976 – O Homem de Mármore (Człowiek z marmuru)
1978 – Sem anestesia (Bez znieczulenia)
1979 – As Senhoritas de Wilko (Panny z Wilka)
1980 – O Maestro (Dyrygent)
1981 – O homem de ferro (Człowiek z żelaza)
1983 – Danton
1983 – Um Amor na Alemanha (Eine Liebe in Deutschland)
1988 – Os Possessos (Les Possédés)
1990 – As 200 Crianças do Dr.Korczak (Korczak)
1995 – Semana Santa (Wielki tydzien)
1997 – Senhorita Ninguém (Panna Nikt)
1999 – O Senhor Tadeu (Pan Tadeusz)
2002 – A Vingança (Zemsta)
2007 – Katyn
2009 – Doce Perfume (Tatarak)
2013 – Wałęsa
2016 – Afterimage

Prêmios

Oscar2000 – Recebeu um Oscar honorário da Academia de Artes e Ciências Cinematográficas de Hollywood.
Festival de Berlim2006 – Recebeu um Leão de Ouro honorário.
1996 – Recebeu um Leão de Prata por sua contribuição para a arte do cinema.
BAFTA1984 – Recebeu o prêmio BAFTA por Danton.
Festival de Cannes1981 – Recebeu a Palma de Ouro e o Prêmio do Júri Ecumênico por O homem de ferro.
1979 – Recebeu o Prêmio do Júri Ecumênico por Sem anestesia.
1978 – Recebeu o Prêmio FIPRESCI por O homem de mármore.
1957 – Recebeu o Prêmio Especial do Júri por Kanal.
Prêmio César1983 – Recebeu o prêmio na categoria de Melhor Diretor por Danton.
Prêmio David di Donatello1978 – Recebeu o Prêmio Luchino Visconti.
Festival de Moscou1975 – Recebeu o Prêmio de Ouro por Ziemia obiecana (Terra prometida).
1971 – Recebeu o Prêmio de Ouro por Brzezina

SOBRE A DISTRIBUIDORA

Distribuidora presente no Brasil há mais de 25 anos, a Imovision vem se consolidando como uma das maiores incentivadoras do melhor cinema, tendo lançado mais de 300 filmes no Brasil.

A distribuidora tem em seu catálogo realizações de consagrados diretores internacionais e nacionais, e filmes premiados nos mais prestigiados festivais de cinema do mundo, como Cannes, Veneza, Toronto e Berlim.

Mantendo seu foco em títulos de qualidade, a Imovision foi a responsável por introduzir no Brasil cinematografias raras e movimentos internacionais expressivos, como o Movimento Dogma 95 e o cinema iraniano.

FICHA TÉCNICA

Título original: POWIDOKI
Direção: Andrzej Wajda
Roteiro: Andrzej Mularczyk
Produção: Michał Kwieciński
Fotografia: PAWEŁ EDELMAN
Edição: Grażyna Gradoń
Música: Andrzej Panufnik
Figurino: Katarzyna Lewińska
Gênero: Drama/Biografia
País: Polônia
Ano: 2016
COR
Duração: 98 minutos

Classificação: a verificar

Elenco: Boguslaw Linda, Bronislawa Zamachowska, Zofia Wichlacz

Sinopse:

O grande diretor polonês Andrzej Wajda retorna com este apaixonante filme biográfico sobre o artista vanguardista Wladyslaw Strzeminski, que superou todas as dificuldades impostas pelas suas deficiências físicas – ele não possuía uma perna e um braço – e também o ódio, a indiferença e a crueldade dispensados pelas autoridades de seu país para se tornar um dos artistas mais reverenciados do século vinte.

0 Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*