Explorando os sentidos através da decoração sensorial

Elementos decorativos são capazes de estimular e aguçar os cinco sentidos, promovendo ambientes relaxantes e agradáveis

No mundo da decoração, a busca por ambientes memoráveis e impactantes tem conduzido a abordagens que transcendem os limites dos elementos e das propostas convencionais.

Anúncio

Com o intuito de criar espaços que envolvem os sentidos do corpo, a abordagem da decoração sensorial viabiliza uma ampla gama de propostas e estilos capazes de estimular tanto o corpo quanto a mente.

Como funciona a decoração sensorial?

Como o nome sugere, a decoração sensorial busca satisfazer e estimular os sentidos do corpo humano.

Por meio de recursos aplicados ao ambiente, essa técnica pode ser executada tanto em projetos arquitetônicos, ainda na fase da construção de imóveis, quanto no design de interiores. Isso possibilita a transformação do ambiente para um local voltado ao bem-estar do corpo e da mente.

Tratando-se de decoração de interiores, a beleza do cômodo é o primeiro ponto a ser levado em conta. Isto é, o sentido da visão é comumente trabalhado, a fim de agradar os moradores e visitantes dos locais.

Mas, para além desse sentido, a decoração sensorial busca integrar elementos que aguçam o tato, audição, olfato e até mesmo o paladar.

Trabalhando a visão na decoração sensorial

Embora a criação de ambientes esteticamente agradáveis seja a principal escolha ao pensar em decoração, na abordagem sensorial, a escolha desses ornamentos torna-se ainda mais importante.

Para além de atender às preferências individuais dos residentes, esse tipo de proposta trabalha a fim de intensificar a experiência visual, por meio da exploração de cores e formas meticulosamente escolhidas.

Revestir as paredes com cores que agradam os moradores tem o poder de estimular a visão, contribuindo para a promoção do bem-estar.

A incorporação de móveis em tons menos tradicionais e a inclusão de elementos decorativos com formas geométricas potencializam o estímulo visual, elevando ainda mais a experiência do ambiente.

Para deixar o local agradável e menos poluído, a dica é apostar em tons pastéis para as paredes e itens como almofadas, flores, tapetes, cortinas, móveis e abajures em cores mais vibrantes.

Opções decorativas para o tato

As texturas desempenham um papel crucial no desenvolvimento da mente. Através do sentido do tato, é possível promover estados de alerta no corpo, induzir o relaxamento e até mesmo proporcionar a sensação de aconchego.

Elaborar ambientes com revestimentos agradáveis ao pisar, como pisos em madeira, garante maior conforto do que materiais frios. Além disso, opções como tapetes felpudos ou diferentes texturas permitem a exploração desse sentido.

Para as paredes, revestimentos texturizados como tijolos ou materiais rugosos contribuem ainda mais para que o ambiente possua a decoração sensorial.

Incluir mantas e almofadas com diferentes texturas permite que o sentido do tato seja trabalhado no dia a dia. A implementação desses recursos auxilia no controle do estresse e possibilita o relaxamento do corpo.

Soluções para estimular a audição

Tratando-se de ambientes urbanos, a poluição sonora pode ser um agravante para problemas do dia a dia, incluindo aumento do estresse e falta de sono. Por isso, optar por revestimentos inibidores de ruídos auxilia no combate a sons externos.

Escolher itens que emitem sons agradáveis e tranquilizantes aos moradores permite que o ambiente se torne ainda mais relaxante.

Fontes de água, sinos dos ventos e aparelhos que simulam o som da chuva são opções agradáveis para cômodos como sala de estar e quartos.

Estimulando o olfato através da decoração

O olfato é um dos sentidos mais importantes para a mente. Cheiros são capazes de impactar ambientes e trazer memórias.

Receba Dicas de Decoração em nosso grupo no Whatsapp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.

Por isso, implementar difusores, velas aromáticas e aromatizadores garante que o ambiente se torne ainda mais agradável.

Além disso, a implementação de flores e plantas aromáticas assegura ainda mais conforto ao local.

Lavanda, alecrim, manjericão e hortelã são opções naturais que exalam aromas agradáveis para todos os ambientes.

Inscreva-se para receber as Novidades de Decoração primeiro!

Trabalhando o paladar na decoração sensorial

Assim como os demais sentidos, o paladar é responsável por promover a sensação de bem-estar ao corpo. Por isso, permitir que ele seja estimulado através da decoração é tão importante quanto os demais sentidos.

A utilização de cores quentes em ambientes como sala de jantar e cozinha promove ao corpo a vontade de comer.

Assim como elementos como arranjos comestíveis, bombons e bolos dispostos à mesa.

Decoração sensorial para crianças

A decoração sensorial tem um papel ainda mais importante quando é feita para aguçar os sentidos das crianças.

A escolha de elementos, texturas, cores, aromas e demais itens correspondentes auxilia no desenvolvimento cognitivo dos pequenos.

A estimulação dos sentidos do corpo, ainda na primeira infância, permite que o organismo se desenvolva com mais rapidez, auxiliando em habilidades como coordenação motora, criatividade e percepção tátil.

Além disso, a decoração sensorial é capaz de promover um ambiente acolhedor às crianças, a fim de reduzir níveis de estresse e ansiedade.

Para além dos itens citados acima, como tapetes felpudos, escolha de cores e demais elementos sensoriais, as crianças demandam maior atenção quanto aos materiais escolhidos.

Em espaços voltados a brincadeiras imaginativas, opções em tons vibrantes podem ser adicionadas, a fim de estimular a criatividade.

Além disso, para tornar o ambiente mais acolhedor e aconchegante, almofadas, mantas e brinquedos de diferentes texturas podem ser implementados nos ambientes da casa.

Desenvolvimento sensorial para pets

Assim como as crianças, os pets demandam maior necessidade de entretenimento ao longo do dia.

Por isso, adicionar elementos sensoriais que enriqueçam e agucem os sentidos dos animais garante melhor qualidade de vida, com a diminuição de estresse e ansiedade, e o aumento do vínculo entre o pet e seu tutor.

Esconder petiscos pela casa ou oferecer brinquedos interativos sonoros são atividades capazes de aguçar o olfato, a audição e a visão de cães e gatos.

Além disso, tapetes com diferentes texturas, como o tapete gelado de pet, permitem que os animais experimentem diferentes sensações através do tato.

Texto elaborado pela equipe da Conversion.

Relacionados:

Deixe um comentário

×