Home / Arte / Exposição “Desdobráveis” une obras de Mônica Barbosa e Revolue na Casa Jacarepaguá
Encontro em Mim, de Mônica Barbosa. Foto: Divulgação.

Exposição “Desdobráveis” une obras de Mônica Barbosa e Revolue na Casa Jacarepaguá

Mostra de street art abre dia 12 de outubro com encontro inédito entre a artista do Piauí e o paulista, que retorna a expor no Brasil

São Paulo, setembro de 2019 – A partir do dia 12 de outubro a Casa Jacarepaguá recebe a exposição de street art “Desdobráveis”, de Mônica Barbosa e Revolue. A ocupação é uma oportunidade de promover o encontro inédito de dois artistas que, por meio da arte, têm grande conexão e nem mesmo se conhecem.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Mônica, do Piauí, viveu parte da vida no Ceará e há pouco tempo passou a explorar a street art em São Paulo. Já Revolue, artista paulistano, saiu para o mundo e expôs em países como Londres, Áustria, Estados Unidos, retornando agora para o Brasil.

“E eu conheci os dois quase ao mesmo tempo, em suas buscas por caminhos nessa grande cidade. Desses paralelos improváveis nasce “Desdobráveis”. Mesmo distantes, ambos sempre trabalharam fortemente na desconstrução como forma de expressar seus universos”, explica José Brazuna, sócio e curador da Casa Jacarepaguá.

Sobre os artistas

Revolue

Apesar do nome artístico e de ter uma difundida carreira internacional, Revolue na verdade é Paulista, cresceu entre as tintas, papéis, canetas e rabiscos nas paredes de sua casa. Em 2010 viveu em um estúdio coletivo em Londres, com mais de 20 artistas. Esse processo serviu como uma grande experiência para o seu desenvolvimento criativo. Desde então desenvolveu uma carreira mais no exterior do que no Brasil, sendo representado por galerias no Estados Unidos e Europa.

Mônica Barbosa

Do Piauí, morou 13 anos no Ceará, e agora reside em São Paulo. Sua estética é autobiográfica, traz um diálogo entre o feminino, os sentimentos e as inquietações cotidianas. Suas obras refletem a construção do discurso de transgressão com um toque ancestral e orgânico. As linhas tortas, o uso das cores, a desconstrução da técnica e a assimetria fazem parte do seu trabalho.

Mônica já expôs na Casa José de Alencar em Fortaleza – CE, foi convidada do Festival Internacional Feminista em Porto – Portugal e já participou de diversas exposições no Ceará, Paraíba e São Paulo.

Sobre a Casa Jacarepaguá

Dedicada ao universo do street art, a Casa Jacarepaguá, criada em 2015, realiza diversas exposições da cena e já participou de feiras como Feira Parte 2016 e 2017, SP-Arte 2018 e Arte-BH 2018. Artistas como Sérgio Free, Senk, Ciro Schu, Caligrapixo, Gen Duarte e Fabio Biofa já ocuparam a galeria, que hoje está instalada em um galpão de 400m², com pé direito de 8m, localizado no Butantã, bairro de São Paulo – SP. “A Casa Jacarepaguá tem em seu DNA o street art. Temos orgulho de estar 100% focados neste mercado, e ter o prazer de promover encontros como estes, de artistas de origens díspares, mas, com obras que conversam tão bem entre sí”, explica Zé Brazuna, sócio e curador do local.

Serviço
Exposição “Desdobráveis”, Mônica Barbosa e Revolue na Casa Jacarepaguá
Local: Rua João Della Manna, 1228 – Butantã, São Paulo – SP
Data de abertura: 12 de outubro, sábado
Horário da abertura: das 13h às 21h
Datas de visitação: de 14 de outubro a 23 de novembro
Horário de visitação: das 12h às 19h
Entrada Gratuita

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*