Home / Arte / Layout de interiores: saiba a importância e como fazer
Layout de interiores: saiba a importância e como fazer. Foto: ATBO no Pexels.
Layout de interiores: saiba a importância e como fazer. Foto: ATBO no Pexels.

Layout de interiores: saiba a importância e como fazer

Todos querem ter um ambiente bonito para a sua casa, apartamento ou até mesmo escritório, mas muitas vezes não sabem o que precisa ser feito, nem a importância. Para isso, profissionais que desenvolvem layout de interiores oferecem seus serviços.

O texto de hoje abordará qual a importância de tais layouts, como fazê-los de forma eficiente e simples, além de mencionar diversos benefícios e vantagens desta aplicação e algumas dicas de como a planta deve ser construída.

O processo de construção de um imóvel é bastante complexo e pode demorar muito tempo, principalmente quando não se utiliza todas as ferramentas necessárias ou não se sabe exatamente o que se busca, quando um objetivo não está bem definido.

Isso se aplica desde casas até estabelecimentos, prevendo as instalações elétricas prediais e outros pequenos detalhes que podem passar despercebidos aos olhos de uma pessoa que não é profissional da área.





Diversos problemas e obstáculos podem ser encontrados, e por esse motivo, além de obviamente a segurança daqueles que utilizam o ambiente, que o ramo de projetos e design de interiores têm crescido cada vez mais ao longo dos anos.

Em outras palavras, antes mesmo de entender o que é um layout de interiores, é importante ter consciência que enquanto algumas pessoas sonham em como será a sua casa, arquitetos e projetistas entendem que tudo depende do layout do projeto.

Seguindo essa linha de raciocínio e utilizando ou não projeto as built, confira nos tópicos a seguir o que de fato é um layout de interiores, como ele impacta o seu dia a dia e a importância dele para o design de seu apartamento, casa ou estabelecimento.

O impacto de um layout de interiores

Antes de mais nada e também para maior compreensão ao longo do texto, é necessário contextualizar e explicar o que é um layout de interiores e qual a sua função.

Um layout de interiores é um projeto sobre o interior de uma casa, estabelecimento ou até mesmo cômodo. Ele tem como objetivo otimizar ao máximo o espaço e deixar que o fluxo e movimentação de pessoas dentro daquele espaço seja o mais fluido possível.

Se o assoalho será um piso intertravado ou se a janela ficará na direita ou na esquerda é parte do trabalho do layout e ele deve ser realizado e acompanhado por um profissional da área, como arquitetos e projetistas de design de interiores.

Isso impacta diretamente na convivência e rotina das pessoas que precisam estar constantemente no ambiente, seja porque são moradores ou apenas profissionais trabalhando, o espaço deve ser o mais funcional possível.

Não apenas as paredes e janelas que são verificadas no momento de desenvolvimento do layout, mas também tubulação, fluxo de ar e toda a parte elétrica do imóvel. Ou seja, é muito mais do que apenas decidir onde ficarão as divisórias com isolamento acústico do cômodo.

Alguns benefícios e vantagens podem ser adquiridos para todos aqueles que se interessam e se aventuram para construir a sua casa, por exemplo, exatamente como imaginaram. Dentre eles, destacam-se:

  • Possibilidade de fazer exatamente o que busca;
  • Possibilidade de escolher a mobília exata para os cômodos;
  • Evita problemas de construção;
  • Estética e funcionalidade igualmente bem trabalhadas;
  • Investimento mais assertivo e eficaz.

Claro que muito dependerá do que se busca, qual o objetivo com o imóvel e a utilização do layout, além também do dinheiro disponível para investimento, tanto da construção quanto do acompanhamento profissional.

Algumas ferramentas como automação predial podem ajudar o projetista, mas pensando um pouco mais do lado da pessoa que contrata o serviço, esses benefícios e vantagens são enormes quando colocados na ponta do lápis.

Começando primeiramente analisando o dinheiro investido. Muitos entendem que arquitetos cobram muito caro e por isso não vale a pena investir dinheiro em um layout, deixando todo o capital para ser aproveitado na parte da construção da casa.

Em um momento, essa ideia pode até ser bem-vinda, mas quando pensamos que ao longo dos anos o local pode ter diversos problemas estruturais, tal pensamento não é mais tão atrativo, fazendo com que a manutenção saia mais caro do que o investimento em um profissional.

Assim como o vidro laminado, o projeto deve ser bem pensado e planejado e, quando o cliente sabe o que quer, isso facilita muito, fazendo com que as probabilidades de que o ambiente se aproxime o máximo possível do que foi imaginado sejam muito maiores.

Não apenas isso, mas também abre a possibilidade para uma melhor disposição dos móveis que serão utilizados naquele espaço, não fazendo com que eles criem problemas futuros com o fluxo de pessoas naquele lugar.

Ou seja, até mesmo um armário em inox pode ser bem planejado e utilizado conforme a necessidade do cliente, fazendo com que o trabalho do projetista seja ainda mais reconhecido e importante para aquela pessoa.

Como a planta deve ser construída

Como descrito ao longo do texto, a ajuda de um profissional que faça um bom trabalho é fundamental para que a planta seja a melhor desenvolvida possível.

Pensando nisso, confira algumas dicas abaixo de como desenvolver a sua planta, caso seja um profissional da área, e que podem ser bastante úteis para que consiga conquistar o cliente com ideias ótimas e um trabalho excepcional.

Crie um excelente esboço

São muitas as pessoas que não enxergam o poder que um verdadeiro esboço pode ter, desde o projeto de laje treliçada até o do assunto do texto que é um layout para o seu cliente.

Colha o máximo de informações possíveis sobre o trabalho como dimensões, quantidade de paredes, divisórias, quantas pessoas em média terá no lugar, entre diversas outras que somente você e seu cliente saberão.

Informação é poder, e quanto mais informações tiver, melhor será o primeiro esboço e mais próximo do que se espera do projeto você estará. Realizar alterações durante o desenvolvimento é normal, mas o aconselhável é ser bastante assertivo desde o esboço.

Identificar como é o dia a dia das pessoas que utilizarão o imóvel também é fundamental para que o desenvolvimento do planejamento seja ainda mais eficaz, fazendo com que seja possível prever algumas informações que são rotina para os profissionais da área.

Isso facilita também pensar em conceitos e aspectos estéticos do projeto, ajudando a desenvolvê-lo, e fazendo ficar ainda mais claro sobre o produto final que deve ser entregue a seus clientes. Em outras palavras, não subestime o poder de um esboço.

Saiba informar o cliente sobre excessos

É normal que o cliente normalmente pense em diversas coisas sobre o design e layout do que quer construir, mas nem sempre é possível fazer o que ele quer e da forma como ele quer. Nesses casos, é necessário transparência com ele.

Ou seja, é preciso saber explicar a eles os motivos do porquê tal ação não pode ser feita, talvez pelo tempo que eles estão pedindo, por causa de como é o ambiente e do que é necessário para investimento e realização do desejo dele.

O importante é sempre estar alinhado e informar ao cliente o que é possível e o que não é possível fazer. Isso demonstra conhecimento e sabedoria, além de responsabilidade pelo trabalho que está sendo executado.

Pense nas escalas

Em algum momento será necessário trabalhar com escalas para delimitar o que é possível e o que não é na hora de realizar o layout de interior e, caso faça isso desde o esboço, é muito provável que fique muito mais simples colocar no papel os pensamentos do cliente.

Algumas alterações podem ser necessárias mas, a partir do momento em que um projeto com escalas é apresentado ao cliente, a probabilidade dele entender o que está sendo feito é muito maior e, depois de aprovado, é só configurar e ajustar os detalhes para a entrega do layout.

Considerações finais

O texto de hoje abordou e se aprofundou sobre os layouts de interiores, qual a sua importância, como fazer o seu, além de benefícios e vantagens que podem ser adquiridos para todo aquele que se aventura e decide criar um antes da construção.

Claro que muito dependerá do que se quer, em quanto tempo deve estar pronto, quanto dinheiro será investido, quais as peculiaridades do projeto, entre diversos outros aspectos que podem variar bastante de layout para layout.

Utilize as informações disponibilizadas ao longo do texto e explore os seus pontos fortes como projetista, ao mesmo tempo que busca melhorar os que ainda não estão no nível desejado por você e pelo mercado de trabalho.

Agora que já sabe um pouco mais sobre como funciona todo esse universo, basta sentar e planejar como será o seu estabelecimento, criando o seu próprio layout ou contratando um profissional da área para maior efetividade do processo.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*