Home / Arte / Qual a importância da arquitetura e urbanismo sustentável?
Qual a importância da arquitetura e urbanismo sustentável?. Foto: Tirachard Kumtanom no Pexels.
Qual a importância da arquitetura e urbanismo sustentável?. Foto: Tirachard Kumtanom no Pexels.

Qual a importância da arquitetura e urbanismo sustentável?

A arquitetura e urbanismo sustentável é um ramo que vem crescendo cada vez mais nos últimos anos e, diferente do que muitos pensam, ela não engloba apenas as questões mais óbvias do assunto, mas também, o lado artístico.

Quando se pensa em arquitetura, o comum é imaginar um mar de prédios em grandes cidades, estruturas relacionadas com construções civis e seus diversos diagramas de projetos. Embora ela englobe esse tipo de conteúdo, é muito mais do que isso.

Seguindo essa linha de raciocínio, o texto de hoje irá te explicar melhor sobre esse ramo, mostrando a sua relevância nos dias de hoje, além da importância de aplicá-la de maneira sustentável, utilizando paletes de madeira usados e outros recursos.

Pode-se dizer que essa visão da arquitetura mencionada no começo do texto está ultrapassada. Hoje em dia é comum que as pessoas que entram nesse ramo de trabalho já iniciem com uma mente diferente, buscando sempre fazer tudo de forma sustentável.

Com a junção ao urbanismo, esse mercado não tem apenas como objetivo proporcionar a melhor construção ou espaço para seus empregadores, mas também promover vida e equilíbrio ecológico, principalmente nos grandes centros urbanos.





Uma análise de risco ambiental pode provar que, caso isso não seja movimentado agora, as futuras gerações terão diversos problemas para viver em nossas capitais, e até mesmo no próprio planeta, por isso é normal que tudo seja feito pensando no futuro.

Muitos têm a visão de que o sustentável pode até ser bonito no papel, mas na prática não funciona.

Esse pensamento é bastante equivocado, pois além de ser extremamente funcional, pode ser incrivelmente bonito quando bem aplicado às diversas estruturas que o meio pede.

Mas porque é tão importante assim ter um mercado de trabalho mais sustentável de arquitetura e urbanismo? E como fazer isso de maneira prática que realmente cause impacto nas futuras gerações de maneira positiva?

Independente se irá utilizar ou não uma consultoria de meio ambiente, a resposta para essas e muitas outras perguntas podem ser conferidas nos tópicos a seguir.

O impacto da sustentabilidade

De forma simples e direta, se preocupar apenas com a aparência das construções das cidades, sem levar em conta os impactos no meio ambiente, é um erro muito grave e que não deve nem mesmo estar em pauta.

O crescimento contínuo da sociedade mostra que, nesse ritmo, as futuras gerações terão diversos problemas ambientais para semear essa cultura, já que é fundamental para uma vida melhor para todos nós, mesmo que não vejamos o resultado imediato.

Dessa forma, a tecnologia é importante e até mesmo um sistema de automação residencial irá crescer e trazer diversos benefícios para todos, mas conservar e reduzir desperdícios é necessário. É do nosso planeta que estamos falando.

Atualmente, é disseminado em todos os ramos de trabalho, muitos produzem diversos recursos, sistemas, formas e maneiras de continuarem sendo produtivos e eficientes de forma sustentável, oferecendo muitas alternativas a todos.

Em outras palavras, é mais do que possível exercer a função de arquiteto de forma sustentável, e ainda assim desenvolver um trabalho estético muito bonito, que de uma forma ou de outra, é o que mais chama a atenção de muitos.

Portanto, os projetos de arquitetura e urbanismo conseguem englobar:

  • Desenvolvimento sustentável;
  • Estética e beleza;
  • Redução de recursos;
  • Reutilização de recursos.

Claro que não é uma tarefa fácil, e muitas mentes com pensamentos ultrapassados podem acabar prejudicando ou dificultando a jornada, mas existem algumas orientações e dicas que podem ser úteis na aplicação da sustentabilidade nesse meio.

Se você quer saber e ficar por dentro de como ser um exímio arquiteto ou arquiteta que cria construções fantásticas de forma sustentável, acompanhe o tópico a seguir, onde até mesmo a venda de plantas exoticas pode ser uma alternativa válida.

Como ser mais sustentável?

Ser sustentável é uma tarefa que, hoje em dia, é muito mais acessível e simples de ser realizada. Isso acontece pelo fato de mais pessoas serem adeptas a essa maneira de trabalhar e construir algo que seja importante para futuras gerações.

Esse pensamento no futuro pode ser o diferencial entre um mundo melhor ou destrutivo para elas. Portanto, além de uma incrível mensagem que está sendo passada adiante, mostra a beleza e a bondade nos atos, mesmo que para muitos sejam imperceptíveis.

Confira algumas medidas e atitudes que podem ser tomadas por você ou por uma empresa de construção sustentável, juntando também com a beleza e a efetividade da arquitetura e urbanismo para criar um desenvolvimento sustentável.

01 – O lugar de construção importa

O primeiro passo para um processo de arquitetura e urbanismo sustentável é entender que eles são um processo humano que tem como objetivo atender a necessidade de outras pessoas, sejam elas grandes corporações ou uma família.

Sendo assim, pensar no local de construção é uma atitude simples e que pode evitar muito desmatamento, que sem sombra de dúvidas, é um problema presente na sociedade até hoje, principalmente quando pensamos na falta de espaço para ocorrer expansão.

Estabeleça uma integração entre os ambientes e utilize a natureza como catalisador para a beleza e valorização do terreno. Não é necessário destruir para construir, quando se conquista esse objetivo e se une os dois universos, uma beleza sem igual está por vir.

Diversos estudos de impacto ambiental apontam que o desmatamento é um grande mal da sociedade no geral. Por isso, utilize o melhor da natureza a seu favor, mostrando que é possível conviver com ela, mesmo em uma sociedade em expansão.

02 – Saiba escolher os materiais

Antes de escolher o material para a construção, é importante saber a sua origem, ou seja, de onde vem a sua matéria-prima.

Pensando nisso, busque por fornecedores locais, já que o transporte de materiais gera diversos poluentes em seu caminho, prejudicando o meio ambiente.

Trazendo para o lado econômico, fornecedores locais podem gerar mais economia e diminuir custos, fazendo com que seus clientes fiquem ainda mais felizes e tenham mais facilidade em investir nos seus projetos ou nos da sua empresa.

Utilizar materiais diferentes dos comuns também é uma excelente alternativa, já que isso pode valorizar o imóvel, além de trazer toda uma carga cultural dependendo da maneira como é realizada.

Incorporar materiais menos processados a construção, e juntando isso com o tópico anterior, com toda certeza é algo único e que ajuda muito o desenvolvimento sustentável, além de ser uma construção bela e original, que chama a atenção de clientes em potencial.

03 – Compartilhe o pensamento sustentável

A sustentabilidade não é apenas aplicada a projetos, ela pode ser destacada em cada atitude sua como profissional da área, e até mesmo com ser humano em seu dia a dia. Para isso, é necessário desenvolver um pensamento que busque a sustentabilidade.

Para tal, é necessário promover pequenas mudanças de hábitos sustentáveis que podem causar, a longo prazo, diversas mudanças positivas para o meio ambiente. É aquele pensamento, se cada um fizer sua parte, a mudança acontece.

Dessa forma, independente da sua profissão, é possível encontrar maneiras de realizá-la de forma sustentável e que não prejudique o meio ambiente, ou que, no mínimo, o impacto causado nela seja menor.

É possível começar com tarefas simples. Uma que tem causado grande impacto positivo e que pode ser aplicado na arquitetura, é a utilização de recursos renováveis. Isso pode afetar até mesmo os poluentes lançados na atmosfera.

Quando pensamos em uma única empresa ou situação utilizando essas orientações, pode parecer pouco. Mas, ao pensarmos em quantos negócios existem no mundo inteiro, essa mínima medida pode ser exponenciada ao extremo de forma benéfica.

Considerações Finais

O texto de hoje abordou e se aprofundou na importância da arquitetura e urbanismo sustentável, como eles podem impactar positivamente no dia a dia do ramo, além de dicas e orientações valiosíssimas de como ser mais sustentável.

Lembrando que, é muito importante entender a realidade da sua empresa, mas ser sustentável sempre é possível quando feito da maneira correta, utilizando de pequenas atitudes que, na soma final, fazem uma diferença enorme para o planeta.

É possível perceber que tem como unir o melhor dos dois mundos e conviver junto da natureza, criando algo belo, que chama a atenção do público-alvo e que, ao mesmo tempo, não agrida o meio ambiente de forma direta ou com um impacto tão grande.

Agora que já está por dentro de tudo e entende a real importância de pensar e viver uma vida mais sustentável, verifique como aplicar isso em seu dia a dia e aproveite esse novo mundo cheio de vida e belo que está sendo construído.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*