Home / Arte / ‘Universo Maori em Nanquim’ no Aterro do Flamengo
Gato Maori, Pâmella Louize. Foto: Divulgação.

‘Universo Maori em Nanquim’ no Aterro do Flamengo

Até 15 de dezembro, Pâmella Louize expõe diversas gravuras no Centro de Visitantes Monumento Estácio de Sá

Aproximadamente 30 obras da artista plástica Pâmella Louize Carriço Silva podem ser conferidas na Exposição “Universo Maori em Nanquim”. Elas foram realizadas a mão livre em nanquim sob canson e reproduzidas digitalmente em gravuras, inspiradas no traço e na cultura maori. O evento gratuito está em cartaz no Centro de Visitantes Monumento Estácio de Sá até 15 de dezembro, de terça a domingo, das 9h às 17. As artes, todas em preto e branco, estão divididas em três grandes temas: animais, tipografia e personalidades. Cada desenho possui em sua composição elementos diversos, que em conjunto, formam o tema principal da gravura. Deste modo, cada criação pode ser observada bem de perto em seus ricos detalhes, assim como de uma perspectiva global, que permita a visão do tema como um todo. Nas artes tipográficas, o observador se vê instigado ainda pela procura das frases escondidas em cada desenho.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Por meio do seu programa de Responsabilidade Social no pilar da Cultura, em parceria com a RIOTUR, a Estácio – uma das mais respeitadas instituições de ensino do Brasil – é a responsável pela curadoria do Centro de Visitantes Monumento Estácio de Sá.

Os trabalhos, gravuras reproduzidas digitalmente a partir do desenho original, serão apresentados em diferentes formatos, desde o formato A5 (15x21cm), passando por diferentes tamanhos e molduras, chegando a peças de 42x60cm.

Perfil de Pâmella Louize Carriço Silva

A arte sempre esteve presente na vida da artista, que desde pequena costumava ter o desenho como passatempo favorito e na adolescência chegou a frequentar aulas de pintura. Formada em Arquitetura e Urbanismo pela FAU UFRJ, Louize uniu seu hobby despretensioso a formação acadêmica, participando ainda de diversos cursos de artes visuais da EAV Parque Lage nesse período.

Depois de alguns anos de dedicação, desenvolveu uma série composta por desenhos em preto e branco, feitos a mão livre em nanquim sob canson, que caracterizam e personalizam a poética de sua obra. Inspiradas no traço e na cultura maori, suas artes possuem linhas delicadas que retratam um universo de elementos variados, que em conjunto, formam o tema principal dos desenhos. Ela tem direcionado sua técnica e temas para a incorporação de uma linguagem jovem e contemporânea, que permita a criação das artes sempre de modo intuitivo e livre. Busca sempre estar produzindo novas gravuras e atualizando os três grandes temas de sua série: animais, tipografia e personalidades.

Atualmente, Pâmella Louize Carriço Silva atua como Arquiteta e Urbanista do Colégio Pedro II e é mestranda em Projeto e Patrimônio pelo PROARQ/FAU/UFRJ.

SERVIÇO:
Evento – Exposição “Universo Maori em Nanquim – Gravuras de Louize Design”
Local – Centro de Visitantes Monumento Estácio de Sá – Av. Infante Dom Henrique, s/n Subsolo – Parque do Flamengo 
Data – até 15 de dezembro 2019
Horário:  de 9h às 17h (de terça-feira a domingo)
Entrada franca

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*