Home / Arte / Fabiana Macaluso – “A artista ativista das Cores e Tristezas do Mundo!”

Fabiana Macaluso – “A artista ativista das Cores e Tristezas do Mundo!”

Tony Franco é Administrador de Empresas.

Tony Franco é Administrador de Empresas.

Fabiana Macaluso, artista italiana, é um prazer entrevistá-la para o site e saber de seu envolvimento com apoio humanitário. Artistas que através de sua paixão ajudam outras pessoas inspiram a todos a buscar um mundo melhor. O exemplo é sempre a melhor escola.

Entrevista

Fabiana, conte-nos um pouco sobre você…

Sou uma artista italiana nascida em Turim e resido na minha cidade profissional, trabalho com o setor automotivo em empresa familiar há mais de 46 anos fundada pelo meu pai.

Estudei na “R. Cottini”, meu hobby depois da escola foi seguir a arte de forma independente, sempre trabalhando com minha família no nosso negócio! Sempre me coloquei na linha, criando e nunca esquecendo que a arte é importante para mim.

Fabiana Macaluso é Artista Plástica.

Fabiana Macaluso é Artista Plástica.

Em 2014 criei uma oficina de arte social em uma associação da minha cidade que muito gentilmente disponibilizei, criei uma sala de aula de arte aberta a todos gratuitamente, qualquer um podia participar uma vez por semana durante 5 horas.

A situação de incertezas causou sérios problemas e em dezembro de 2020 o laboratório fechou devido à crise econômica.

Nunca desisti e no início do ano iniciei um projeto sem fins lucrativos denominado Virtual Art Workshop Social Group mantendo os artistas unidos através das redes sociais, criando a vitrine do grupo no Instagram e a página do Facebook, onde patrocinei atividades todas as noites de exposições e feiras que procuro organizar com a ajuda de outras associações, galerias e museus.

O projeto funciona muito bem e a arte dos artistas presentes no grupo está se espalhando também no exterior. Agradeço também à galeria Buana Lima por nos dar tantas oportunidades fantásticas sem fins lucrativos e estamos felizes em participar das exposições da Buana Lima no Brasil, no Rio de Janeiro!

Quando despertou seu desejo de ser uma artista plástica?

Estudei escultura e também pintura, e gosto muito!

Que tipo de arte mais gosta?

A arte é toda linda e estou sempre descobrindo novas técnicas e minha paixão é também uma arte inovadora.

Nesse período, gosto muito da arte de reciclar material plástico, até outros materiais difíceis de descartar, como bitucas de cigarro!

Como desenvolveu seu estilo (técnicas)?

Minhas técnicas se desenvolveram durante o ensino médio, mas o estilo surgiu em 2020 enquanto eu estava viajando com minha família, me apaixonei pelo mundo tropical, estava em Bora Bora e dentro de mim nasceu a paixão pela luz tropical.

Tenho dado origem a muitos trabalhos dedicados aos povos indígenas e a tudo o que representa o tribal, procurando os povos indígenas que ainda existem!

Cite caso tenha tido influências artísticas em suas obras e de quais artistas?

A maior influência nasceu como eu disse na Polinésia, mas uma grande influência em mim nasceu na África na minha viagem ao Quênia. A partir daí percebi que faria arte para ajudar duas aldeias que visitei, a fim de ajudá-las com os lucros da minha arte.

Há alguns anos, tenho ajudado essas 2 aldeias para aqueles que precisam de uma vacina contra a malária e pacotes de alimentos, mas finalmente em janeiro de 2021 o maior trabalho nasceu, o primeiro poço de água potável na aldeia keresha de Malindi. Estou feliz por ter terminado um dos primeiros poços que pretendo construir para eles.

Tem algum familiar ou conhecido que é artista plástico?

Não, ninguém na minha família e eu sou o único artista!!!

Então, tenho muitos colegas e alguns também trabalhando com artes plásticas… é muito usado na arte contemporânea.

Viver de arte é possível?

Acho que você não pode viver só de arte mas que a arte pode ajudar, não deve ser vista como um ganho monetário, mas deve ser feito porque você sempre a ama na esperança de que algumas pessoas se apaixonem por ela e talvez comprem algumas obras.

Acho inútil se iludir em se tornar mundial como Bansky, essa grande habilidade de ser notado pode acontecer com poucos, mas você deve sempre ter uma pessoa atrás de você, que possa cuidar do artista.

Algum dia já pensou em não atuar mais com arte? pode comentar porquê?

Não, nunca pensei nisso porque nasci para fazer arte, está no meu DNA!

Ninguém vai me afastar da arte porque é o meu mundo!!!

Quais habilidades são necessárias hoje para o artista plástico?

As habilidades necessárias são estudar artes plásticas e, em seguida, escolher qual material usar.

O que você sente quando cria ou aprecia uma obra de arte?

Sinto-me viva e me sinto transportada para a minha dimensão do meu cosmos!

Suas inspirações para criar uma obra de arte?

Deve haver sempre inspiração para um trabalho criativo, é muito fácil de copiar baixando fotos do Google. Eu me considero uma artista que cria seu trabalho do zero!


Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima


Qual arte mais impressionou você até agora?

Eu amo escultura e amo telas, mas… também a pintura é a minha paixão e dado o meu estilo, quem mais amo é o artista rebelde Gauguin à procura de um novo mundo artístico!

Você tem de estar sempre criando ou cria apenas em certos momentos?

Eu só crio quando tenho minha centelha, minha inspiração, sempre há um motivo para tudo… repito, é fácil copiar de uma fotografia, meus trabalhos são os rostos de cenas e momentos que imortalizo na tela!

O produto de uma obra sua é único ou tem alguma relação próxima ou distante de sua obra anterior?

Minhas obras são diferentes umas das outras, sempre retomando a história que me atormentava naquela época da minha vida. Quero contar cenas da vida e acontecimentos reais!

Quais os desafios da arte/artista no cenário atual?

Na arte não há desafio porque ela é eterna, nossas obras são patrimônio da humanidade!

As redes sociais têm lhe ajudado na divulgação de seu trabalho?

Sim, muito, mas também é preciso ser pessoal e ser tratado por bons galeristas! Ou gerente.

Como as artes plásticas podem contribuir para a educação e cultura?

Tudo pode ser levado em consideração apenas para ajudar o planeta de desastres ambientais!

Se a arte pode contribuir, fico feliz…

Como analisa as qualidades de uma obra de arte?

Eu não analiso arte, não deveria ser julgada, mas acontece e muitos críticos que criticam a arte podem nem fazê-lo porque não sabem o que significa ser um artista!

Seria bom para qualquer crítico de arte ir primeiro para uma escola de arte praticar e realmente entender o que significa criar!

Quais os critérios para estipular o valor de uma obra de arte?

Não há critério, não há lógica, não há previsão, ou você atinge o coração das pessoas ou nunca terá nem mesmo um valor monetário!

Fale sobre seus projetos atualmente…

Tenho 2 projetos muito importantes para mim, primeiro meu projeto de arte no mundo sem fins lucrativos com meu grupo de 45 artistas, por enquanto que me seguem o Grupo Social Virtual Art Workshop e, em seguida, meu projeto “Arte é Vida” na África ajudando os mais fracos com os lucros da minha arte!

Qual o seu conselho para os que estão começando agora?

Acreditar no que fazem para valorizar os colegas e, ao mesmo tempo, aprender com eles que eles têm muita solidariedade e pureza na alma e que devemos enfrentar este setor com muita filosofia e mente.

Se desejar deixe uma mensagem…

Minha mensagem universal é que… a arte salvará o mundo!!!

Sobre suas exposições, tem algum comentário a respeito, sentimentos…

Meus trabalhos nasceram de um sentimento profundo, é só olhar, você não precisa escrever!!!

Poderia comentar alguma curiosidade artística?

As minhas curiosidades são muitas ultimamente, também sou escritora e também gosto de arte de rua e às vezes trabalho com os meus colegas na escrita!

Como definiria sua arte em uma linha?

A artista ativista das Cores e Tristezas do Mundo!

Redes Sociais:

Instagram: @fabiana__macaluso_artist

 

* Agradecimentos a Buana Lima, assessora da artista plástica, por todas as informações pertinentes a entrevista.

 

 


Grupo no Facebook | Instagram
LinkedIn | Facebook | Twitter

abiana Macaluso, artista italiana, é um prazer entrevistá-la para o site e saber de seu envolvimento com apoio humanitário. Artistas que através de sua paixão ajudam outras pessoas inspiram a todos a buscar um mundo melhor. O exemplo é sempre a melhor escola. Entrevista Fabiana, conte-nos um pouco sobre você… Sou uma artista italiana nascida em Turim e resido na minha cidade profissional, trabalho com o setor automotivo em empresa familiar há mais de 46 anos fundada pelo meu pai. Estudei na “R. Cottini", meu hobby depois da escola foi seguir…

Revisão Geral

Excelente!!

Sumário : Avalie a entrevista! Agradecemos sua participação!!

Avaliação do Usuário: 4.85 ( 3 votos)

Um comentário

  1. ÓTIMO. SOU ARTISTA PLÁSTICO TAMBÉM, HÁ 40 ANOS. ESTOU COLHENDO CONTATOS DE ARTISTAS PLÁSTICOS DO BRASIL e do Exterior para JUNTOS EXPORMOS
    A.B .CRIATIVISTA 75 9 9173-4730 SALVADOR – BAHIA – BRASIL .

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*