Home / Arte / Teatro do CCBB retoma as atividades com “Poema Bar”, um recital de música e poesia com Alexandre Borges, João Vasco, Mariana de Moraes e Sofia Vitória
Espetáculo Poema Bar, elenco. Foto: João Vasco.
Espetáculo Poema Bar, elenco. Foto: João Vasco.

Teatro do CCBB retoma as atividades com “Poema Bar”, um recital de música e poesia com Alexandre Borges, João Vasco, Mariana de Moraes e Sofia Vitória

O Centro Cultural Banco do Brasil Brasília retoma as atividades em seu teatro com o recital luso-brasileiro de música e poesia:

Poema Bar

Delicado e intimista, o espetáculo, que traz Alexandre Borges na direção e no palco ao lado do pianista português João Vasco e das cantoras Mariana de Moraes e Sofia Vitória, reverencia as obras de Vinicius de Moraes e Fernando Pessoa

Os dias atuais exigem cuidados, pois estamos vivenciando a pandemia de Covid-19. No entanto, medidas sanitárias criadas e validadas por órgãos de saúde nacionais e internacionais, no sentido de garantir a segurança de todos, minimizam a propagação do Novo Coronavírus.





As recomendações serão seguidas com rigor por toda a equipe de profissionais envolvida na realização da peça bem como na recepção do público, como distanciamento social, uso de álcool em gel, exigência do uso de máscara de proteção facial e higienização apropriada dos espaços e áreas de circulação.

É com toda essa atenção, que desembarca, no Teatro do CCBB Brasília, o espetáculo Poema Bar para uma temporada de oito apresentações entre os dias 4 a 13 de dezembro, de quinta a domingo. A capacidade do teatro foi reduzida e os ingressos já estão à venda através do App Eventim, em eventim.com.br/artist/poema-bar.

A montagem propõe um novo olhar sobre a obra de dois poetas que, apesar de retratarem épocas diferentes, traduzem em versos a ampla cultura de seus países. De um lado, o humor ácido e as paixões do brasileiro Vinicius de Moraes que se unem ao romantismo português de Fernando Pessoa na composição de um espetáculo para ser visto, ouvido e, sobretudo, sentido.

Em Poema Bar, estreado em julho de 2011 na Casa Fernando Pessoa, em Lisboa (PT), tem no elenco o ator Alexandre Borges, com a leitura dramatizada dos poetas, acompanhado do pianista português João Vasco, da neta de Vinicius Mariana de Moraes e da lusitana Sofia Vitória, ambas cantoras.

Nesta temporada, haverá uma sessão especial gratuita, no dia 12 de dezembro, sábado, às 20h, com tradução em libras e a participação das artistas brasilienses Cida Moreira, no piano, Paula Zimbres, no contrabaixo elétrico, e Thanise Silva, na flauta transversal.

No repertório, poemas como “Amor em lágrimas” e “Acalanto da Rosa”, de Vinicius de Moraes com arranjos do compositor erudito brasileiro Cláudio Santoro; e “Eu não existo sem você” e “Tenho dó das estrelas”, de Fernando Pessoa, entre outras. Também compõem o roteiro versões de fados portugueses, para canto e piano, como “Gaivota” e “Meu Amor, Meu Amor”, arranjados por Jeff Cohen – pianista e professor no Conservatório Superior de Paris.

Aclamada por mais de 22 mil espectadores, a peça já circulou por Portugal, Alemanha, França, Moçambique, São Paulo, Bahia, Minas Gerais e Rio de Janeiro. A motivação para a criação do recital veio da paixão literária que Alexandre Borges e João Vasco, autores do projeto, nutrem por Vinicius de Moraes e Fernando Pessoa.

Biografias:

Alexandre Borges – Possui 35 anos de carreira, integrou o grupo de teatro Boi Voador dirigido por Ulysses Cruz, com quem estreou em 1985, na peça Velhos Marinheiros, de Jorge Amado. Após várias peças teatrais, estreou na televisão em 1993 na extinta Rede Manchete, protagonizou “Engraçadinha… Seus Amores e Seus Pecados”. Tornou-se um dos atores mais requisitados da TV Globo, emissora pela qual realiza inúmeros trabalhos.

João Vasco – Professor de piano no Conservatório Nacional de Lisboa apresentou-se em vários países na Europa, África, América do Norte e do Sul. Gravou o CD “Alémfado” – uma compilação de fados arranjados para piano solo. É intérprete e fundador de projetos camerísticos apresentados internacionalmente. Também fotógrafo e videasta, coordena o departamento de imagem do Conservatório Nacional. Em 2015, realizou o curta metragem “A Carruagem”, laureado no 9º Concurso do Inatel, apresentado no “Shortfilm Corner” em Cannes e vencedor do “Grand Prix Cinerail” em Paris.

Mariana de Moraes – Participou de vários filmes. Destacou-se no documentário “Vinicius” (2006), no qual interpretou o clássico “Coisa mais linda”. No teatro trabalhou em diversos espetáculos e novelas da rede Globo. Gravou quatro discos: “A alegria continua”, “Se é pecado sambar”, “Com Sorte” e “Desejo”. Participou de discos e DVDs de artistas como Maria Bethânia, Francis Hime, Celso Fonseca e Zé Renato.

Sofia Vitória – Ao longo da carreira se apresentou com músicos de grande relevância no cenário musical europeu. Em 2012 lançou seu primeiro disco em parceria com o pianista Luís Figueiredo: “Sofia Vitória & Luís Figueiredo – Palavra de Mulher” – composto por canções vividas pelas várias figuras femininas do universo musical de Chico Buarque. Echoes é o seu último CD lançado em 2016.

Ficha técnica:

Direção artística e recitante: Alexandre Borges
Pianista e idealizador: João Vasco
Cantoras: Mariana de Moraes e Sofia Vitória
Desenho de luz: Domingos Quintiliano
Cenografia: Rogério Marcondes
Direção de produção: Camila Bevilacqua
Produção: Candice Frederico
Produção local: Guinada Produções
Assessoria de imprensa: Rodrigo Machado
Artistas convidadas para a sessão do dia 12 de dezembro: Cida Moreira, no piano, Paula Zimbres, no contrabaixo elétrico, e Thanise Silva, na flauta transversal.

Sinopse sugerida:

Leitura dramatizada de poemas de Vinicius de Moraes e Fernando Pessoa é realizada por Alexandre Borges com parceria musical do pianista João Vasco e das cantoras Mariana de Moraes e Sofia Vitória.

Serviço:
[RECITAL] Poema Bar
Local: Teatro do Centro Cultural Banco do Brasil Brasília
Endereço: SCES, Trecho 02, lote 22.
Temporada: de 04 a 13 de dezembro de 2020.
Sessões: de quinta a domingo, às 20h.
No domingo dia 13/12 serão duas sessões, 16h e 20h.
Dia 12/12, sessão gratuita acessível com tradução para Libras e convidadas, seguida de bate-papo com elenco transmitida ao vivo e online.
Duração: 70 min.
Ingressos: À venda em eventim.com.br/artist/poema-bar – R$ 30 (inteira) e R$ 15 (meia para clientes BB (pagamento com Ourocard), estudantes e professores, crianças com até 12 anos, maiores de 60 anos, pessoas com deficiência e suas acompanhantes e casos previstos em Lei).
Classificação indicativa: Não recomendado para menores de 12 anos.
Informações: (61) 3108-7600 ou ccbbdf@bb.com.br

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*