Home / Arte / Varanda integrada é boa opção ou não? Conheça sobre

Varanda integrada é boa opção ou não? Conheça sobre

Ter a varanda integrada é uma nova tendência de decoração de interiores que tem conquistado cada vez mais as pessoas, pois ela é uma excelente opção principalmente para os apartamentos.




Afinal, com os apês cada vez menores, é importante aproveitar cada espaço, e por que não criar uma varanda integrada? Essa tendência apresenta uma possibilidade extra do uso de espaços, deixando os apartamentos maiores e muito mais funcionais.

Ao integrar sua varanda você consegue aumentar a área da cozinha, da sala ou até criar uma sala de jantar, as possibilidades são muitas.

Antes de sair pesquisando toldos verticais para varandas preços, confira algumas dicas que separamos para te ajudar a criar sua varanda integrada.




O que é varanda integrada?

Antes de tudo é importante entender o conceito da varanda integrada. Esse termo é usado quando a varanda é apropriada por outro ambiente, por exemplo, uma varanda com sala de estar.

Para que se tenha uma varanda integrada, pode ser que tenha que ser feita algumas modificações na estrutura no imóvel, como a retirada de:

  • Portas;
  • Paredes;
  • Janelas;
  • Divisórias.

Tudo depende da configuração do local e principalmente da estrutura, se é permitido, sendo assim é preciso pensar na instalação de uma porta de vidro ou algo que separe esses dois ambientes de forma harmoniosa.

A varanda integrada está em alta nos projetos de decoração, afinal ela possibilita o ganho da área interna do apartamento, ampliando o espaço de convívio social e permitindo com que se crie um ambiente aconchegante.



Seja com o uso de uma luminária comercial led, estofados espalhados pelo ambiente ou uma área para churrasco, essas varandas com certeza irão deixar sua casa muito mais agradável, mesmo não tendo muito espaço.

O que você precisa saber para integrar a varanda?

Definir quais espaços deseja integrar e quais os objetivos e funções da sua varanda integrada são importantes, mas antes de tudo é preciso entender que existem algumas questões técnicas bem importantes.

Afinal, integrar sua varanda não é só pensar sobre a telha cerâmica americana mesclada que deseja ou a cor das paredes. Entenda melhor tudo que você precisa levar em consideração na hora de executar essa reforma.

Nivelamento do piso

Essa etapa é fundamental para se conseguir uma varanda integrada, afinal o piso da varanda costuma ser mais baixo do resto do apartamento, criando uma espécie de degrau.

Com o nivelamento você cria uma sensação de continuidade no olhar, além de evitar acidentes.

Envidraçamento da varanda

O envidraçamento é tão importante como ter móveis de fibra sintética área externa, pois ele traz conforto térmico e acima de tudo privacidade.

Antes de envidraçar a sua varanda, certifique-se que o seu condomínio permite essa alteração na fachada e opte pelo modelo de envidraçamento que foi escolhido pelo condomínio, isso evita que você tenha qualquer tipo de transtorno no futuro.

Parte estrutural

Antes de fazer qualquer alteração no seu apartamento, é imprescindível que seja feito um estudo técnico para garantir que a varanda consiga suportar o peso dos vidros, móveis e barras e perfis de alumínio que serão adicionados ao local.

Por isso, consulte o regulamento do condomínio, converse com o síndico e contrate um arquiteto ou engenheiro para orientar a melhor forma de executar o projeto.

Autorização do condomínio

Pense que, ao executar uma varanda integrada, você irá modificar vários pontos críticos e importantes do seu apartamento. Não é como instalar uma lixeira coleta seletiva aço inox, estamos falando de alterar a estrutura do imóvel.

Por isso é preciso da autorização do condomínio e, acima de tudo, seguir todas as regras que forem estipuladas.

Unidade visual

Por último, mas não menos importante, se preocupe com a harmonia da decoração, os revestimentos que serão usados, o piso e a cor das paredes.

Além de quais elementos irá adicionar a sua varanda, como uma churrasqueira ou um forno de pizza a gás giratório, enfim esse é o momento de pensar em todos os objetivos que pretende com esse cômodo novo.

Vantagens e desvantagem de integrar a varanda

Bom, agora que você já entendeu como funciona uma varanda integrada e as principais dicas do que fazer antes de começar a construir a sua, saiba quais as vantagens e desvantagens que esse tipo de reforma oferece.

Vantagens

Entenda primeiro quais as vantagens que você terá ao optar pela varanda integrada no seu apartamento.

Mais espaço útil

Essa é a vantagem mais básica e simples dessa integração, principalmente se a sua varanda tiver pouco espaço, afinal ao optar pela varanda integrada o aumento da sala se torna um grande aliado.

Com isso você consegue decorar o ambiente com maior cuidado, tornando ele o mais aconchegante e funcional possível, assim você pode deixar esse cantinho com a sua cara, trazendo inúmeras referências de decoração.

Menos paredes

Ao eliminar as paredes você consegue trazer a sensação de maior liberdade dentro do apartamento, além de permitir uma integração mais interessante com os ambientes, por exemplo, criar uma sala de jantar na varanda.

Essa dica funciona principalmente se falta espaço na sala ou na cozinha para uma mesa, com a varanda fica mais fácil introduzir o móvel, além disso você vai conseguir desfrutar das refeições com uma bela vista.

Receba Dicas de Decoração em nosso grupo de Whatsapp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.

Assim você se livra do problema de pouco espaço e cria uma grande vantagem, conseguindo aproveitar ao máximo o espaço e toda a paisagem oferecida. Assim você torna o ambiente mais confortável e menos abarrotado de coisas.

Receba mais convidados

Ao ter uma varanda integrada você ganha uma grande vantagem social, pois ao aumentar o espaço físico e os espaços livres da sua sala de estar ou cozinha permitirá que você receba mais visitas.

Mesmo que o seu apartamento seja pequeno, ao integrar esses espaços você consegue praticamente duplicar a sua sala de estar, o que permite criar dois ambientes em um.

Inscreva-se para receber as Novidades de Decoração primeiro!

Claro que o ambiente não vai ficar gigantesco a ponto de caber uma bancada inox expurgo ou uma mesa de 12 lugares, mas terá muito mais espaço que antes com apenas um cômodo.

Ganhe em iluminação

Pense que sem as paredes que separam as salas da varanda, o ambiente vai ficar muito mais iluminado, então durante o dia sua casa vai receber muito mais luz natural, que é bem mais confortável que ter diversas luzes, sem contar a economia com a conta de luz.

Pense numa varanda integrada com a sala de estar, aquela luz do fim da tarde entrando pela sua casa torna o seu dia muito mais especial, sem dúvidas.

Desvantagens

Agora que os seus olhos já brilharam com todas as vantagens dessa integração, é importante lembrar que nem tudo são flores, e como tudo na vida, principalmente quando o assunto diz respeito à decoração de interiores, existem suas desvantagens.

Conheça um pouco dos pontos negativos ao optar pela integração da varanda.

Churrasco

Se você costuma se reunir com os amigos ou familiares para fazer churrasco com frequência, não é muito vantajoso implementar a varanda integrada por conta do cheiro e da fumaça.

Mesmo com as coifas mais modernas, pode acabar tomando conta de toda a casa e deixando o cheiro por dias no local. Mas caso você não faça churrasco com tanta frequência, isso não será um problema.

Sem varanda

A varanda nos apartamentos exercem muitas funções, seja para colocar varais para estender as roupas ou um ambiente para fumar, geralmente é um espaço reservado da casa para algumas questões.

Por isso considerar essa utilidade da varanda é importante, afinal ao criar uma varanda integrada você vai acabar perdendo todo esse espaço, com isso novas soluções vão ter que ser encontradas para esse problema.

Ventilação e temperatura

Ao optar por um ambiente integrado, saiba que em dias frios não será mais possível fechar as portas da varanda, afinal será um espaço totalmente aberto, ou se optar por algo fechado o problema é o oposto, dependendo do clima pode ser um local quente e abafado.

Uma dica aqui é, caso queira criar uma varanda integrada toda fechada, utilize materiais com isolamento térmico. Outro ponto negativo é que eles não são baratos, mas vão ajudar no quesito calor.

É importante colocar na balança todos os prós e contras que um ambiente com varanda integrada permite. Pense que é uma reforma que muitas vezes não tem volta, pois você irá mexer com parte da estrutura do apartamento.

Por isso analise todas as possibilidades e veja se realmente fazer essa integração é vantajoso para você e sua família, afinal você vai ganhar mais espaço, criar um novo ambiente e conseguir otimizar todo o seu apartamento da melhor forma.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

Relacionados:

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*