Home / Arte / Dicas de iluminação para valorizar sua decoração
Fundo foto criado por lifeforstock - br.freepik.com
Fundo foto criado por lifeforstock - br.freepik.com

Dicas de iluminação para valorizar sua decoração

A iluminação é um dos elementos mais importantes na decoração de um ambiente. Por isso, aproveitar dicas de iluminação é fundamental para conseguir compor um design diferenciado e interessante para sua casa.

Uma boa iluminação pode fazer a diferença na decoração, tornando o local mais funcional ou criando uma área de destaque para um objeto, por exemplo. Além disso, a posição da luz no ambiente também define o tipo de luz que será usada.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Os diferentes tipos de iluminação e suas funções

No caso da luz direta, há um direcionamento para um local específico, como é o caso de abajures. Na indireta, entretanto, não há um foco único, sendo mais importante iluminar o ambiente inteiro.

Já a luz difusa é uma iluminação especial, que traz suavidade e tem como objetivo uniformizar a iluminação do ambiente.

Independentemente da escolha de iluminação, existem algumas funcionalidades básicas que a luz traz na decoração. A primeira delas é deixar o ambiente mais aconchegante.

Um lustre plafon, por exemplo, pode fazer uma grande diferença em um ambiente que você deseje decorar de forma mais intimista.

Para conseguir esse tipo de resultado, apostar em uma luz neutra é uma boa pedida. Isso permite que o ambiente fique mais claro e agradável, tornando o espaço mais funcional. Se você pretende usar o ambiente para trabalho ou estudo, é a forma ideal de iluminação.

Além disso, esse tipo de luz valoriza as cores escolhidas na decoração do espaço. O formato da iluminação depende muito de como você pretende utilizá-lo, através de lâmpadas de teto, luminárias ou outros formatos que permitam uma iluminação mais clara.

Uma tendência que tem ganhado muita força é a de luzes embutidas em móveis que destacam elementos colocados nestes lugares. Essas luzes criam um efeito visual único, destacando o objeto decorativo escolhido para o local.

Quando você faz, por exemplo, uma aplicação de bona em sua casa ou apartamento, pode direcionar a luz para causar um efeito muito mais elegante no ambiente.

Luminárias laterais também podem ser utilizadas para destacar elementos específicos do espaço, criando um ambiente mais intimista e interessante.

A iluminação também é bastante responsável pelo conforto. Isso porque as luzes podem deixar o ambiente mais aconchegante, mais propício para leitura e trabalho, claro, dependendo da quantidade da iluminação e da tonalidade escolhida para o uso.

As luzes frias, com tons de branco e azul, costumam ser utilizadas em ambientes mais funcionais, como:

  • Escritórios;
  • Salas de estudo;
  • Banheiros;
  • Áreas de serviço.

Isso porque esse tipo de tonalidade permite uma concentração melhor e um campo visual mais focado, tornando o ambiente fácil de trabalhar.

Já a luz quente, que tem um tom mais amarelado, é perfeito para criar um ambiente mais íntimo.

A sensação de conforto que ela passa permite que você queira passar mais tempo no local, sendo ideal para quartos e salas de estar, onde você poderá relaxar e aproveitar por um tempo.

Em ambientes modernos, a iluminação aliada a elementos como um piso de cimento queimado colorido pode fazer a diferença.

O ideal com as cores quentes é passar um sentimento de relaxamento, para você conseguir descansar melhor e recuperar suas energias.

Como escolher sua iluminação?

Existem diversas formas de aplicar um bom conceito de luz em um ambiente. Os modelos de luminárias são variados, cada um com suas peculiaridades e com toques únicos, que permitem uma criação muito interessante de design para cômodos.

Sendo que os mais conhecidos são:

Luminárias de teto

Estas luminárias são as mais comuns no mercado. Por sua versatilidade, são utilizadas em qualquer ambiente e podem ser combinadas com os mais variados tipos de luz.

Entre os modelos, os mais comuns são as luminárias embutidas, que garantem um visual mais clean ao ambiente, com discrição e estilo, e os lustres, modelos mais clássicos que trazem sofisticação para o cômodo. Um lustre é imponente, e parte da decoração por si só.

Em um projeto de paisagismo de alto padrão, por exemplo, a iluminação é fundamental. Por isso muitas luminárias de teto possuem designs arrojados e interessantes para compor um ambiente deste.

Existem modelos de luminárias de teto para todos os gostos, e os preços são muito variáveis, sendo possível encontrar algo que se enquadre tanto em seu gosto quanto em seu orçamento.

Luminárias pendentes

Este formato de iluminação tem ganhado cada vez mais espaço na área de design. Existem inúmeros modelos diferentes, com utilização em praticamente qualquer cômodo da casa.

A iluminação pendente deixa o ambiente mais descontraído e leve, sem perder o charme e a sofisticação. Sua praticidade faz com que muitos estabelecimentos comerciais, como bares e restaurantes, optem por este modelo para compor a decoração.

Em ambientes empresariais, no qual a iluminação deve ser o mais clara possível para melhorar a produtividade, é possível pensar em retrofit de iluminação pendente para uma maior luminosidade do local.

O único cuidado nestes casos é verificar a distância entre a luminária pendente e o teto, para garantir que o cômodo ficará bonito e não atrapalhará a locomoção, principalmente se você for uma pessoa alta.

Luminárias de mesa

Os abajures e luminárias de mesa são antigos aliados da decoração. Seus modelos variam muito em estilo, desde clássicos até elementos mais modernos e dinâmicos. Eles permitem um direcionamento muito maior de luz, que pode ser tanto funcional quanto decorativo.

Qualquer projeto de instalações elétricas deve levar em conta também as luminárias menores, colocando tomadas para ligá-las quando necessário.

Um abajur pode ser um suporte para a leitura, caso você esteja criando uma sala para esse momento, mas também pode servir como foco de iluminação para destacar um objeto decorativo. As opções são inúmeras.

Spots

Este é um formato de iluminação que serve como apoio e combina muito com os citados anteriormente. Tratam-se de pequenos pontos de iluminação que têm o objetivo de atrair o foco para um local específico.

Existem muitas maneiras de aplicar os spots em cômodos, conquistando mais iluminação e deixando o ambiente mais intimista e agradável. É comum que os spots sirvam para dar um outro ar ao ambiente.

Um spot posicionado próximo a, por exemplo, um vidro laminado temperado pode dar um destaque especial no ambiente.

Assim, você pode optar por uma iluminação fria na cozinha, pensando em sua funcionalidade, mas acoplar spots de luz quente para transformar o ambiente em uma romântica sala de jantar, simplesmente ao trocar as luzes.

Valorizando sua decoração com a iluminação

Um bom projeto de iluminação pode valorizar um ambiente completamente. Por isso, é preciso pensar com carinho em todas as ideias de decoração que você planeja para sua casa, bem como incluir o projeto de luzes para destacar os cômodos e elementos que julgar necessário.

Para facilitar este processo, confira algumas dicas importantes:

1. Planejando seus ambientes

O primeiro passo a se pensar quando o assunto é decoração é planejar como você deseja que o ambiente fique depois de pronto. Para isso, você precisa decidir o estilo, quais objetos decorativos serão utilizados e como a iluminação afetará o ambiente.

A quantidade de pontos de luz e qual tipo de iluminação será utilizado é um ponto importante do planejamento, para alcançar os objetivos esperados.

2. Atente-se à fonte principal de iluminação

Escolher uma boa iluminação é fundamental, principalmente quando você precisa distribuí-la por todo o ambiente. Por isso, é importante identificar o espaço e quais as melhores possibilidades de explorar a claridade do local.

Quanto maior for o espaço de seu cômodo, maior terá de ser a luminária principal, para garantir uma melhor efetividade e funcionalidade do espaço.

3. Procure o tipo correto de lâmpada

Existem diversos modelos de lâmpadas que você pode usar para compor um ambiente. Hoje em dia, uma das grandes escolhidas na maioria dos espaços é a lâmpada de LED.

Isso porque estes modelos são muito mais econômicos, além de possuírem uma vida útil maior.

Entretanto, é preciso se atentar para o tipo de ambiente que você está tentando escolher. As lâmpadas mais tradicionais ainda têm seu espaço, e você deve pesar bem qual o melhor modelo para usar quando estiver montando seu cômodo.

4. Diferentes tons para cada local

A iluminação dita a impressão que um cômodo em especial passa. Por isso, se você pretende criar um ambiente aconchegante e intimista, optar por pouca iluminação e cores quentes pode ser o resultado ideal.

Cada parte de sua casa possui um objetivo e uma função. A iluminação pode ser crucial para compreender quais são os elementos que identificam cada um destes espaços com clareza.

Um revestimento de parede em aço inox, por exemplo, pode utilizar uma boa iluminação para ficar ainda mais elegante como destaque em sua casa.

Assim, quando você define qual será a utilização de um determinado espaço em sua casa, pode utilizar a luz para tornar aquele ambiente mais propício para exercer as funções e atividades escolhidas.

Considerações finais

Um bom ambiente requer uma boa iluminação. Por isso, este elemento é tão importante nos processos de decoração, desde o início até o produto final apresentado.

Ao escolher bem a iluminação, você toma um importante e decisivo passo para melhorar o estilo e o conforto de sua casa ou apartamento.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

iluminação é um dos elementos mais importantes na decoração de um ambiente. Por isso, aproveitar dicas de iluminação é fundamental para conseguir compor um design diferenciado e interessante para sua casa. Uma boa iluminação pode fazer a diferença na decoração, tornando o local mais funcional ou criando uma área de destaque para um objeto, por exemplo. Além disso, a posição da luz no ambiente também define o tipo de luz que será usada. Os diferentes tipos de iluminação e suas funções No caso da luz direta, há um direcionamento para um local específico, como é o caso de…

Revisão Geral

Excelente!!

Sumário : Avalie o artigo! Agradecemos sua participação!!

Avaliação do Usuário: 4.9 ( 1 votos)

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*