Home / Arte / Curitiba recebe Festival internacional de dança contemporânea
Grupo Tápias – Espetáculo Dobras. Foto: Divulgação.

Curitiba recebe Festival internacional de dança contemporânea

O Festival Internacional Dança em Trânsito chega a Curitiba pela primeira vez, com intensa programação nos dias 15 e 16 de agosto. O evento, que em 2018 circula por nove cidades brasileiras e Paris, traz artistas e companhias de renome para apresentações e oficinas, no Largo da Ordem e no Auditório Salvador Ferrante (Teatro Guairinha). Entre os grupos estão a francesa CFB Christian and François Ben Aïm, o africano Romual Kabore e o Grupo Tápias.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Os destaques da programação acontecem no Guairinha, sempre às 20h30. Na quarta-feira (15/8), a aclamada companhia francesa de dança CFB Christian and François Ben Aïm, realiza a apresentação Valse En Trois Temps – Solo, convidando o público ao questionamento quanto às noções de abstração e fluidez do corpo no espaço.

A companhia francesa Grupo Tápias, fecha a programação na quinta-feira (16/8), com o espetáculo Dobras. Nesta coreografia, Flávia Tápias une dança, poesia e expressão corporal com inspiração no texto de Luís Serguilha e na antiga prática de origami.

Apresentações gratuitas

As apresentações também se darão em locais não convencionais, fazendo do Largo da Ordem e da área externa da Casa Hoffmann – Centro de Estudos do Movimento, palcos de diversas formas de expressão por meio da dança, sempre às 18h30.

Festival Internacional Dança em Trânsito, cartaz. Divulgação.

Festival Internacional Dança em Trânsito, cartaz. Divulgação.

Abre o Festival, na quarta-feira (15/8), o espetáculo Ouroboros, também do Grupo Tápias. A dança utiliza-se do símbolo místico para transmitir as ideias de constante evolução e movimento da vida, de ressurreição, de destruição e renovação. Neste mesmo dia, logo após o Ouroboros, Francesca Ziviani apresenta o solo “La Bambina Impertinente”. Uma viagem através da sombra de nós mesmos, uma morte e um renascimento. Uma tentativa de transformar o obscuro em amor.

Do país africano Burquina Faso, na quinta-feira (16/8), Romual Kabore exibe Romual Sans D, espetáculo solo em que o artista busca elementos de sua trajetória biográfica para descortinar o íntimo do dançarino, expondo suas instabilidades e traçando seu destino.

Workshop gratuito

Além da programação de apresentações, o Festival traz um workshop, ministrados por Flávia Tápias, voltados ao aprofundamento do trabalho de preparação dos intérpretes para os diversos desdobramentos da dança contemporânea.

Os conteúdos abordados tratam do movimento e sua percepção, dinâmica, musicalidade e transformação, segundo a Metodologia Tápias, mundialmente reconhecida. Inscrições pelo e-mail: workshop.dancaemtransito@gmail.com

Projeto

O Projeto, que está em sua 16ª edição, conta com dez companhias internacionais, dez nacionais, seis jovens coreógrafos cariocas e dois projetos performáticos com estilistas convidados. Curitiba, agora, é contemplada como uma das dez cidades do mundo por onde passa o Festival.

O Dança em Trânsito contempla, ainda, residências artísticas, com workshops e oficinas de criação, promovendo a democratização da expressão artística por meio da dança contemporânea. Segundo a idealizadora e curadora do projeto, Giselle Tápias, “o Projeto Dança em Trânsito, que há 16 anos cria um ambiente de acolhimento artístico da dança contemporânea por diversas cidades do mundo, passa a incluir Curitiba no itinerário do Festival para propor o debate em torno da arte e incentivar o desenvolvimento da linguagem da dança, através das trocas de experiência entre artistas e companhias”.

A cada nova edição, o evento destaca-se por estender o acesso a novos públicos, consolidando uma atuação potente no processo de democratização da cultura e reforçando o compromisso assumido de contribuir para o fortalecimento e a divulgação da arte.

CFB Christian and François Ben Aïm – Valse Em Trois Temps – Solo. Foto: Divulgação.

CFB Christian and François Ben Aïm – Valse Em Trois Temps – Solo. Foto: Divulgação.

Serviço:

FESTIVAL DANÇA EM TRÂNSITO CURITIBA
Quarta-feira, 15 de agosto
Grupo Tápias – Espetáculo Ouroboros
Horário: 18horas

Local: Casa Hoffmann (Extensão do Largo da Ordem)
Endereço: R. Dr. Claudino dos Santos, 58 – São Francisco
Gratuito

RITO – La Bambina Impertinente
Horário: 18h

Local: Casa Hoffmann (Extensão do Largo da Ordem)
Endereço: R. Dr. Claudino dos Santos, 58 – São Francisco
Gratuito

CFB Christian and François Ben Aïm – Valse Em Trois Temps – Solo
Horário: 18horas
Locais: Auditório Salvador Ferrante – Guairinha
Endereço: Rua XV de Novembro, 971 – Centro
Ingressos: R$ 40,00 e R$ 20,00

Quinta-feira, 16 de agosto
Romual Kabore exibe Romual Sans D – Espetáculo solo

Horário: 20h30
Local: Casa Hoffmann (Extensão do Largo da Ordem)

Endereço: R. Dr. Claudino dos Santos, 58 – São Francisco

Grupo Tápias – Espetáculo Dobras
Horário: 20h30

Locais: Auditório Salvador Ferrante – Guairinha
Endereço: Rua XV de Novembro, 971 – Centro

Ingressos: R$ 40,00 e R$ 20,00

Mais informações:
Site do Projeto:
www.dancaemtransito.com.br

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*