Home / Arte / Paola Bonelli organiza exposição de artista do portal Um Olhar

Paola Bonelli organiza exposição de artista do portal Um Olhar

DO DIGITAL AO FÍSICO

Paola Bonelli, “art dealer” do portal Um Olhar, abre exposição da artista Pat Freire no Espaço Cultural BOHÖ, no Leblon




O portal Um Olhar, como o nome aponta, possui DNA digital. Quando a pandemia chegou ao fim, sua idealizadora, Paola Bonelli, vislumbrou a oportunidade de realizar exposições intimistas dos artistas por ela representados no charmoso Espaço Cultural BOHÖ, instalado no coração do Leblon. É o que vai acontecer no dia 17 de agosto, quando a artista Pat Freire apresenta sua individual com aquarelas e pinturas a óleo no espaço de Ana Grynberg. Este é o segundo evento realizado por Paola Bonelli – em março desse ano, a artista Deborah Netto expôs seu trabalho no mesmo local, com bastante repercussão.

“Em meu processo, a colocação de tinta sobre a tela inicia-se sem um estudo prévio, sem desenho ou esboço. Habitualmente produzo gestos utilizando espátulas com a intenção de trazer a tinta à tela de maneira intuitiva, de forma a possibilitar uma composição inicial.”, explica Pat Freire.

Receba Notícias de Exposições e Eventos em geral em nosso grupo de Whatsapp!
*Só nós postamos no grupo, então não há spam! Pode vir tranquilo.




“Todo o meu processo relativo ao pintar começa com um estímulo, que pode ser uma cor, uma experiência vivida, uma memória. Não sei exatamente quando ou como acontece essa percepção, ou ainda como as conexões entre a imagem mental e a pintura começam a dar sentido aos gestos e vice-versa. Manchas surgem nas sobreposições das camadas de tinta. Embora saiba como provocar essas manchas, não as controlo. Na medida em que o espalhamento de tinta avança (como em um ritual), essa imagem vai se tornando mais forte e o que no início parecia fantasmagórico se torna movimento, não somente nos gestos, mas também nos resultados das sobreposições de cores e das marcas na superfície da tela. É como se o corpo pudesse seguir o movimento dessa imagem na mente, perseguindo-a, talvez com a intenção de trazê-la a uma nova realidade”, complementa.

O reencontro com a pintura nas telas de Patricia Freire – por Ângela Âncora da Luz (professora de História e Teoria da Arte, crítica de Arte e pesquisadora do Programa de Pós-Graduação em Artes Visuais da EBA/ UFRJ)

A arte de Pat Freire é a conquista diária da própria pintura nas técnicas tradicionais do óleo sobre tela. Sua base está no que Kandinsky chamou de Princípio da necessidade interior. Impossível não sentirmos a cor, não experimentarmos a alegria íntima da sua fruição, conscientes da emoção que ela nos provoca. Suas composições procuram a horizontalidade, com colorido muito particular em que, numa vertente, somos provocados por certas harmonias de contrastes e, na outra, pelo descanso das monocromias. Suas obras não são figurativas, mas possuem o resíduo icônico. É como se Patrícia recortasse um pedaço da natureza que nos envolve e o levasse ao microscópio da sua sensibilidade para nos fazer observar cada lâmina. Nos defrontamos com “céus”, “ventos”, “areias”, “mares”, “espaços cósmicos”, tudo isto para percebermos que estamos reencontrando a pintura. Aqui reside o seu segredo. A pintura de Pat é ar, água, fogo e terra, em movimento ou repouso. Ela é constitutiva de nossos próprios elementos. É corpo e alma, matéria e espírito.

Saiba mais sobre Pat Freire

Artista Plástica com bacharelado em pintura pela Escola de Belas Artes da UFRJ, com trabalhos expostos em diversas galerias e instituições de arte no Brasil e no exterior entre as quais: Museu Nacional de Belas Artes/RJ, Galeria Candido Mendes/RJ, Sesc Copacabana/Rio de Janeiro; Galeria de Arte UFF/Niterói; Blackheath Gallery/Londres; Galeria Aritza/Bilbao; leilão Néret-Minet/Paris. Recebeu Bolsa-residência no International Landscape Workshop- Blanca/ Espanha. Mestre pelo Programa Estudos Contemporâneos das Artes na Universidade Federal Fluminense (UFF), com uma pesquisa de título “Olhar em Transe: Da Natureza da Pintura como Reconexão com o Mundo”, o foco dessa pesquisa é sobre a nossa conexão com a natureza e nossa capacidade de observar e perceber suas influências em nosso comportamento. A pintura como meio de visualização desse processo que mistura o fazer artístico e as relações com o meio ambiente.

Um Olhar: em 2022, mais de uma década

Idealizado pela art dealer Paola Bonelli e primeiro do segmento no Brasil, o portal Um Olhar completou uma década em 2022. Fiel à proposta de ser um espaço plural, no ano passado foi criado o selo “Um Olhar do Artista”, com uma série de podcasts que lançou – literalmente – o olhar de artistas de estilos e gerações diversos. Depois veio a série “Um Olhar do Curador” e “Um Olhar do Arquiteto”, sempre com profissionais de renome dando seus depoimentos com exclusividade.

A plataforma, que foi pioneira ao oferecer a seus usuários a possibilidade de navegar em uma galeria de arte virtual e adquirir obras a preços acessíveis, vem se renovando constantemente. Notícias do campo da arte, design, arquitetura e literatura, a cargo da jornalista Andréia Durão, reverberam aberturas de exposições, lançamentos de livros e estreias de shows que acontecem dentro e fora do país.

Serviço

Exposição Pat Freire

Abertura: dia 17 de agosto, quarta-feira, às 16h

Visitação: até 27 de novembro de 2022

Local: Espaço Cultural BOHÖ

Endereço: Rua Rainha Guilhermina, 249/201 – Leblon

Horário: de segunda a sexta, das 13h às 17h30

Portal Um Olhar

Endereço: www.umolhar.net

Instagram: /umolharnet.real

Facebook: /umolhar.real

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

*