Home / Arte / Em Madri, artista brasileira ganha espaços de arte coletiva com a Expo Go ask my mother, de 8 a 10 de dezembro, no El Cuarto de Invitados
Arte de Paula Blower. Foto: Daniel Veja Borrego.

Em Madri, artista brasileira ganha espaços de arte coletiva com a Expo Go ask my mother, de 8 a 10 de dezembro, no El Cuarto de Invitados

A artista plástica Paula Blower está em Madri para apresentar a exposição Go ask my mother, que acontece desta sexta-feira (8) até domingo (10) no Espaço El Cuarto de Invitados. Da Escola de Artes Visuais do Parque Lage, no Rio, para explorar o efémero usando linguagens, técnicas e materiais não convencionais, Paula promete surpreender o público madrileno através de uma verdadeira Heterotopia, indo muito além da sala de exposições.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Esta é a segunda vez no ano que a artista brasileira expõe na Europa. Em julho, suas peças foram expostas na 4bid Gallery, em Amsterdã. Intitulada “The Roosevelt’s Picnic”, Paula experimentou a ambivalência entre o objeto e o material, fazendo o espectador distinguir um urso de pelúcia em pele de porco.

Com curadoria da espanhola Julia Fernández Losada, de apenas 7 anos, a exposição Go ask my Mother” é um trabalho construído de modo imersivo no espaço expositivo que interage com o púbico a todo momento. Madri também será marcada pelo lançamento do livro de Paula. Com apenas 5 exemplares, os livros serão vendidos na moeda Bitcoin a Ƀ 0,05, equivalente a 1.600,00 reais em 30/11). Impresso quimicamente em máquina italiana, como uma foto analógica, e montado individualmente a mão, os livros foram feitos com a colaboração do fotografo Daniel Vega Borrego.

Paula Blower. Foto: Coletivo RARO.

Paula Blower. Foto: Coletivo RARO.

Paula trabalha de maneira introspectiva e laboriosa. Algumas peças exigem meses de produção. Por outro lado, por serem geralmente confeccionados com materiais efêmeros, seu tempo de vida é indeterminado, já que a artista não utiliza produtos químicos e não busca prolongar o tempo de duração das peças.

Paula também estudou na Slade School of Fine Arts, e na Central Saint Martins, em Londres. Com mais de 10 carimbos no passaporte em apenas 2 anos, a artista passou por China, Holanda, Itália, Cuba, Espanha, Bélgica, Japão, entre outros, sempre explorando a impermanência através da utilização de técnicas e materiais não convencionais em diferentes linguagens. Após Espanha, Paula segue para a Alemanha, aonde fará mais uma imersão e pesquisa para compor suas obras.

Site: www.paulablower.com

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*