Home / Arte / Embates políticos de Henry Kissinger movimentam a Sessão Philos do +Globosat

Embates políticos de Henry Kissinger movimentam a Sessão Philos do +Globosat

Embates políticos de Henry Kissinger movimentam a Sessão Philos do +Globosat

Sábado, 29 de agosto, às 16h30

Encerrando a programação do mês de agosto, no dia 29, a Sessão Philos exibe “Os Julgamentos de Henry Kissinger”. O documentário apresenta os dois lados do polêmico embate político entre Henry Kissinger – diplomata e especialista em política internacional, confidente de Richard Nixon – e críticos como Christopher Hitchens e Daniel Ellsberg, que acusam Kissinger de uma série de crimes de guerra no Timor, no Chile e no Uruguai.

Os Julgamentos de Henry Kissinger
Ano: 2002

Classificação: 12 anos
Diretor: Eugene Jarecki
País: Estados Unidos
Duração: 53 minutos
Sinopse: De um lado do ringue, Henry Kissinger, diplomata especialista em política internacional, conselheiro de Eisenhower a Ford, confidente de Nixon e ganhador do Prêmio Nobel da Paz, pela dedicação ao fim da guerra do Vietnã. Do outro lado, uma corrente de críticos ardorosos, que incluem Christopher Hitchens e Daniel Ellsberg acusando-o de uma série de crimes de guerra no Timor, no Chile e no Uruguai. Entenda os dois lados deste polêmico e controverso embate político.

Henry Kissinger. Foto: Divulgação.

Henry Kissinger. Foto: Divulgação.

Sábados, às 16h30.
29/08 – “Os Julgamentos de Henry Kissinger”

Sessão Philos no +Globosat
A Sessão Philos leva para o canal +Globosat uma seleção dos melhores documentários sobre arte, história, música, atualidades, ciência, povos e culturas. Todas as produções exibidas fazem parte da grade do Philos.

Sobre o Philos
Criado pela Globosat, o Philos não é um canal tradicional. Com um vasto acervo que reúne os melhores documentários e espetáculos inesquecíveis, Philos está disponível no modelo de subscription video on demand (SVOD), em que o espectador escolhe o momento e o conteúdo que deseja assistir, quantas vezes quiser, por meio de uma assinatura.

Com produções de altíssima qualidade, Philos reúne documentários sobre arte, ciência, história, atualidades, música, povos e culturas; debates e entrevistas; e espetáculos de dança e música – tudo em alta definição (HD).

Para ter acesso ao Philos, é necessário contratar o serviço através de uma operadora de TV por assinatura que ofereça o pacote (GVT e NET, R$ 14,90 mensais) ou pela Globo.com (R$ 16,90 mensais), que dá acesso a todo o acervo. Os conteúdos podem ser assistidos na TV (usando o decoder da operadora), no computador – pelo site www.philos.tv – ou em apps para iPhones, iPads e dispositivos Android.

Comentários

3 comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*