Home / Arte / Universidade Candido Mendes realiza Palestra Gratuita com Maria Ignez Mantovani Franco

Universidade Candido Mendes realiza Palestra Gratuita com Maria Ignez Mantovani Franco

EVENTO MARCA NOVA TURMA DO MBA EM GESTÃO DE MUSEUS,
REALIZADO EM PARCERIA COM MUSEU DE ARTE DO RIO – MAR

Segundo o Cadastro Nacional de Museus (CNM), atualmente existem mais de três mil museus no Brasil. Formar e especializar profissionais capacitados para planejar, gerenciar e garantir a sustentabilidade dentro na nova realidade da administração cultural são metas fundamentais do curso

Maria Ignez Mantovani Franco é Presidente do Conselho Internacional de Museus no Brasil (ICOM-BR) e doutora em Museologia pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias de Lisboa. Palestra será realizada dia 13 de julho (quarta-feira), às 17h30, no Museu de Arte do Rio, que será aberta ao público e com entrada gratuita

Maria Ignez Mantovani Franco. Foto: Divulgação.

Maria Ignez Mantovani Franco. Foto: Divulgação.

A Universidade Candido Mendes (UCAM), reconhecida pela excelência nos seus cursos de pós-graduação e MBAs, abre nova turma para o curso inovador de pós-graduação latu sensu no formato Master Business Administration (MBA) em Gestão de Museus. As aulas serão ministradas por profissionais de excelência acadêmica e grande experiência de mercado. Seminários complementam o aprendizado, através do compartilhamento da experiência de convidados do Brasil e do exterior. O MBA é direcionado para gestores públicos e privados, profissionais que atuam em museus, centros de cultura e patrimônio, além de áreas multidisciplinares como Gestão Cultural, Produção Cultural, História, Comunicação, Marketing, Ciências Sociais, entre outros. Palestra com Maria Ignez Mantovani Franco, Presidente do Conselho Internacional de Museus no Brasil (ICOM-BR) e doutora em Museologia pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias de Lisboa marca início do curso. Encontro será realizado dia 13 de julho (quarta-feira), às 17h30, no Museu de Arte do Rio, que será aberta ao público e com entrada gratuita.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

O MBA em Gestão de Museus também é pioneiro e espera preencher outra lacuna crescente no mercado: um profissional capacitado para planejar, gerenciar e garantir a sustentabilidade dos museus. Na última década o setor cresceu significativamente – hoje são mais de 3 mil instituições no país –, reforçando a demanda crescente por especialização e profissionalização dos quadros de trabalho. O curso tem parceria com o Museu de Arte do Rio – MAR, que permitirá aos alunos observarem um equipamento cultural gerido através de uma plataforma, retrato na nova realidade da administração cultural.

“Os museus são espaços que se renovaram na sua missão social e institucional, indo muito além do seu papel original de preservação da memória. Atualmente vêm se tornando espaços privilegiados do encontro e lócus da ação cultural em toda a sua magnitude, reunindo arte, inovação, conhecimento, entretenimento, sustentabilidade e cidadania”, destaca a coordenadora acadêmica do curso, Kátia de Marco.

.

“A mudança de paradigma que ocorre nos museus contemporâneos hoje é o enfoque nas pessoas; por isso as pesquisas de público são importantes, para saber quem é o público que vai e o que não vai ao museu. As estratégias de comunicação são cada vez mais importantes para manter este público informado e conectado; daí a importância do uso das mídias sociais, atraindo o público jovem, conectando outros segmentos e faixas etárias, captando opinião e tendências”, aposta a coordenadora de conteúdo, Rosane Carvalho. Para ela, a gestão é outro ponto fundamental para buscar a sustentabilidade dos museus, sejam públicos, privados ou o intermediário modelo das Organizações Sociais. “Os três modelos precisam se comunicar muito bem com o público para gerar um círculo virtuoso. Quanto mais público, mais receita de ingressos e de vendas na loja, restaurantes e serviços; maior visibilidade pública, o que interessa às empresas (ao agregarem valor à sua imagem institucional ao se associarem a museus de sucesso), maior número de sócios contribuindo nas associações de amigos, tanto indivíduos quanto patrocinadores, e assim por diante.”

.

O diretor presidente do MAR, Carlos Gradim reforça que havia uma demanda reprimida no mercado de Cultura voltado para a gestão de museus. “Em um mundo cada vez mais fluido e complexo, faz-se necessário refletir, elencar e publicitar caminhos possíveis para uma gestão de qualidade de nossas instituições culturais. Uma gestão focada em resultados e transparência que profissionalize sem deixar de lado as particularidades inerentes à arte, com responsabilidade e cada vez mais voltada a aproximação com a sociedade. Dado a estes e outros fatores, vejo como grande marco a construção de um curso voltado ao tema e em sintonia com o mercado, uma vez que a UCAM traz a experiência acadêmica e o MAR de gestão qualificada”, diz Gradim.

O objetivo do MBA em Gestão de Museus é ensinar e criar este círculo virtuoso na administração de Museu, uma instituição que hoje representa âncora de revitalização em áreas degrada de cidades, âncora de identidade e identificação com o público local e internacional. Nunca se criou tantos museus como agora, no país, no Rio de Janeiro (museu do Amanhã, MIS em Copacabana, MAR, e outros) e no exterior. Museu que antes era sinônimo de coisa velha, guardada, do passado, agora tem um significado de transformação, inovação, de repensar o local, a comunidade onde se insere, dar voz ao cidadão, e se comunicar para além de sua existência física.

Mais informações e inscrições em www.abgc.org.br

Serviço:

Turma II do MBA em Gestão de Museus
Valor: 1 + 21 R$ 858,00
Processo seletivo: Análise curricular e entrevista
Carga Horária: 360 h
Duração: 21 meses
Aula inaugural: 13 de julho, às 17h30, no Museu de Arte do Rio
Dias e horários das aulas: segundas e quartas, das 18h30 às 21h30

Local: Campus Centro – Rua da Assembleia, 10 / sl 616 – Centro – Rio de Janeiro

.

Coordenadora acadêmica – Kátia de Marco – Graduada em Ciências Sociais e mestre em Ciência da Arte pela Universidade Federal Fluminense. É curadora independente e membro da Associação Brasileira dos Críticos de Arte – ABCA. Fundou e preside a Associação Brasileira de Gestão Cultural – ABGC e é coordenadora acadêmica do Programa de Pós-Graduação em Estudos Culturais e Sociais – PECS, da Universidade Candido Mendes, onde também coordena o MBA em Gestão Cultural, MBA em Economia Criativa e Cidades, MBA em Gestão de Museus, MBA em Gestão Socioambiental e a Pós-graduação em Produção Cultural. É gestora do projeto Dialogue Café Rio, ONU/ UNAOC/UCAM e também é Diretora do Museu Antonio Parreiras SMU/SEC/RJ.

Coordenadora de Conteúdo – Rosane Carvalho – É museóloga e relações públicas com 30 anos de experiência na área de comunicação de museus, tendo trabalhado na Fundação Nacional PróMemoria, no Museu da República e no Museu Histórico Nacional. É professora concursada de Comunicação Social-Relações Pública na UERJ. Mestre e Doutora em Ciência da Informação pelo IBICT/UFRJ e Pós Doutora pelo Programa de Pós Graduação em Museologia e Patrimônio da UNIRIO/MAST. Como bolsista da Comissão Fulbright e da CAPES fez especialização em Comunicação e Marketing em importantes museus nos Estados Unidos. Desde 2011 é consultora da Fundação Roberto Marinho onde coordena o Plano Museológico para construção e implantação do Novo Museu da Imagem e do Som do Rio de Janeiro e em 2013 realizou para esta Fundação o Plano Museológico do Paço do Frevo em Recife. Ainda em 2013 foi eleita presidente da Associação dos Amigos do Museu Antonio Parreiras em Niterói. Seu campo de pesquisa é a comunicação do museu com o público e o Museu como um Sistema de Comunicação, canal poderoso de comunicação de conteúdos culturais para o público, que tem suas especificidades e um enorme significado simbólico.

Palestrante da aula inaugural – Maria Ignez Mantovani Franco – Graduada em Comunicação Social, com especialização em Museologia; doutora em Museologia pela Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias, de Lisboa, Portugal. Diretora da empresa EXPOMUS. Atual Presidente do Conselho de Administração do Conselho Internacional de Museus do Brasil (ICOM-BR).

Comentários

Um comentário

  1. João Roberto Silva

    Muito bom…muito mesmo parabéns

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*