Home / Arte / Com diversos murais no exterior, Cadumen pinta seu primeiro edifício no Brasil e expõe na Galeria Alma da Rua

Com diversos murais no exterior, Cadumen pinta seu primeiro edifício no Brasil e expõe na Galeria Alma da Rua

Artista urbano e ilustrador brasileiro, abre mostra na galeria Alma da Rua e participa do projeto M.A.R com empena no maior centro urbano da América Latina

Nascido em zona rural paranaense, Cláudio Carlos Mendonça, o Cadumen, sentiu o contraste da cidade grande ainda quando criança ao se mudar para São Paulo. A antítese entre os dois lugares que pautaram sua infância foi o combustível para desenvolver seu trabalho autoral de street art, que cruza e revela os paralelos entre a natureza e o caos urbano. Com personagens ancestrais padrões indígenas, ele recria fauna e flora questionando o tempo acelerado das grandes cidades.

Publicidade: Banner Luiz Carlos de Andrade Lima

Atualmente com 23 obras expostas na sua primeira mostra individual, “Sonho de Pescador”, na Galeria Alma da Rua, Cadumen aproveitou o olhar para dentro e momento de introversão gerado pela pandemia da COVID-19 para criar, pela primeira vez, telas baseadas em sua arte e em seus murais. Com a dualidade entre imaginação e realidade, o urbano e a natureza, ele reflete a rotina artística ao ritual da pesca – onde o prazer está no processo, na entrega à experiência. O artista criou 90% dos quadros durante o isolamento social: “É um retorno às minhas raízes. Estamos em um momento de repensar o que fazemos, de voltar ao começo e entender as verdadeiras razões e porquês”, comenta ele. A curadoria foi feita por Marina Bortoluzzi e a exposição acontece até o dia 09 de dezembro.

Ainda imerso nas consequências da pandemia e nos efeitos desse olhar interior e entender as transformações individuais e da sociedade, Cadumen é o responsável por encerrar os murais selecionados da edição deste ano do projeto MAR (Museu de Arte de Rua), idealizado pela Prefeitura de São Paulo, com uma empena em plena Rua da Consolação. Com objetivo de fazer alusões aos grandes personagens ou reflexões da pandemia, ele dedica a segunda semana de novembro a criar, em aproximadamente 50m², o processo de evolução que tal crise mundial provocou na humanidade com a obra “A Cura”. Em primeiro plano, um rosto com uma borboleta no topo, se referindo ao momento em que saímos do casulo maiores e melhores.

De segundo plano, Cadumen segue com suas referências rurais e ligações com a natureza, ao trazer um casal de pássaros, como mensagem de esperança e de futuro; e também uma salamandra, que simboliza o positivismo e a saúde. “O objetivo deste projeto é pintar painéis pela cidade para trazer algo de bom para as pessoas, aliviar essa tensão que a pandemia causou”, explica o artista. “Saímos transformados, agarrados à nossa essência e repensando nossos valores, nossa rotina”, complementa ele.

Focado em questionar suas próprias razões e entender a carreira como um todo, Cadumen transmite seus desejos e se desafia nesses dois projetos que marcam esse momento de reabertura da cidade: faz sua estreia individual em exposição com telas e também realiza, pela primeira vez, um mural assinado por ele na cidade que formou sua visão artística. “Eu nunca tinha feito uma empena no Brasil. Comecei já com murais e entendi que este era o momento para levar meu trabalho para os quadros. São dois sonhos que realizei de mostrar a minha arte, minha visão, dentro do meu país”, reflete.

Desde 2017, o artista viaja e cria murais pelo mundo. Já produziu seus desenhos em grandes escalas na Europa, Estados Unidos, Ásia e África. Em 2020, antes do isolamento social ser decretado, participou do Festival de Arte Urbana em Túnis, na Tunísia. No Brasil, já realizou a Pintura da fachada do MIS no Aniversário de São Paulo (2013), participou de mural coletivo na Av. 23 de Maio (2015) e fez uma pintura na Vila Olímpica do Rio de Janeiro, em 2016.

Sobre a Galeria Alma da Rua

Mais que uma galeria, é um espaço gerador e articulador de Arte Urbana. O local fomenta diversos tipos de manifestações culturais e tem o intuito de revelar artistas, proporcionar atividades através da reflexão e agregar valor a uma expressão artística antes não reconhecida. Nossa missão é defender a importância da pesquisa criativa e oferecer experiências significativas e acessíveis não só para o público que já é adepto, mas também atrair a um novo público. Localizada no Beco do Batman, na Vila Madalena, considerado o bairro mais boêmio e cultural de São Paulo.

Serviço
“Sonho de Pescador” _ Cadumen
De 24/19 a 09/12, na @galeriaalmadarua no Beco do Batman na Vila Madalena em São Paulo.
A Galeria Alma da Rua abre diariamente (exceto às terças) das 11 às 18hs
A entrada é gratuita.
Rua Gonçalo Afonso 96
Beco do Batman, Vila Madalena em São Paulo
O uso de máscara é obrigatório
Mais informações:
www.cadumendonca.com
@cadumen

Comentários

Deixe um Comentário

O seu endereço de email não será publicado.Campos obrigatórios estão marcados *

*