Casa / Art / Naura Timm presenta la mostra “Brasilia archetipica”

Naura Timm presenta la mostra “Brasilia archetipica”

Naura Timm presenta la mostra “Brasilia archetipica” con opere che si basano su archetipi ispirati ai ritagli storici di Brasilia.

Lo spettacolo porta la proposta esistenziale sempre presente nell'arte di Naura Timm, a cura di Tartaglia Arte, al Centro Cultural Correios RJ.




A artista plástica Naura Timm apresenta a esposizione “Brasilia archetipica”, trazendo obras que se baseiam em arquétiposideias como modelos originários de todas as coisas existentes -, tomando como base o recorte histórico de Brasília. As peças mostram arquétipos que representam o instinto percebido pelos sentidos e com personalidade própria.

Nas palavras de Regina Nobrez, curadora da mostra ao lado de Riccardo Tartaglia, “suas obras são sobre arquétipos nas projeções inconscientes, principalmente formadas por elementos que relatam o que Jung (Carl Gustav Jung psicanalista, antropologo, filosofo) denominou de sombras. Essa teoria será utilizada na tentativa de explicar a origem das formas arquetípicas visualizadas em algumas edificações de Brasília, analisando resultados das projeções da sombra, nas definições de espacialidades, tomando como exemplo o recorte histórico de Brasília. Um lugar como um indivíduo que pode manifestar diversos arquétipos em sua personalidade mas geralmente um deles é predominante, e Brasília desenvolve potencialidades e a busca do conhecimento e a prática da autorreflexão, que a artista tenta passar nos seus trabalhose na sua arte mágica em Brasília.




La mostra “Brasilia archetipica” pode ser visitada de 01 Dicembre 2022 al 28 Gennaio 2023, al Centro Cultural Correios RJ, 2º andar – salas B e C, a cura di Tartaglia Arte.

Nas palavras de Naura Timm

Meu trabalho é um confronto com minha proposta existencial, caminha junto com tudo o que realizei dentro da Arte.

Abstenho-me, Tuttavia, de considerar o que representa o próprio resultado, pois, detive-me exaustivamente na pesquisa do “Prazer Artístico” dentro de minha própria vida.



Considerando o que obtive, in ultima analisi,, a razão existencial diante de tudo o que me proponho – continuar a realização do que empreendi há muito tempoo coração, al “Arte do Coração”, – bater em ritmo universal e artístico, a energia de andar, creare, produzir em ritmo amoroso – o sentir como base universal do Mundo, a consistência que representa o arquétipo humano diante da viagem que consegui materializar em cores e poesias através da ressonância vibratória que o sentir é na Arte que capto através das antenas que disponho – meu Corpo – minha sensibilidade possível como ser.

Meu currículo materializado através de muitas andanças, e, um baú cheio, inedito, do que captei energeticamente de vários países da América, Europa, Oriente e Áfricameu psiquismo, meu confronto através da minha própria coordenação humana, o possível que cada homem desenvolve mediante o muro dos seus condicionamentosO que libereia grandeza de crescer e de me posicionar em ritmo crescente como ser, donna, artista.

O que me proponho – abrir esse baú, mostrar o possível que a Arte significa na psique da humanidade – a lua – seu lado escondido – o arquétipo feminino, o tudo, o embrião. A Arte é um centro inequívoco do crescimento e possibilidades humanas.

Ricevi notizie da Fiere ed Eventi in genere nel nostro gruppo Whatsapp!
*Solo noi pubblichiamo nel gruppo, quindi non c'è spam! Puoi venire con calma.

Sobre Naura Timm

Noura Timm (1941), pittore,  gravadora e desenhista, nasceu em São Pedro do Sul, RS, em 1941. Estudou no Centro de Artes da UFSM de 1967 al 1969. In 1973, estudou na Escola de Belas Artes do Rio de Janeiro. Em 1974/1975, estudou litografia no Instituto de Belas Artes, RJ. Durante a década de 70, expôs diversas vezes em São Paulo e no Rio de Janeiro. In 1977, participou da exposição Seis Artistas Goianos em Roma, Milão e Gênova (Italia), e Parigi (Francia).

Nel corso di un decennio di 80, participou de várias exposições no México, como a mostra coletiva no Museu de Arte Moderna de Guadalajara, além de uma individual no Museu de la Ciudad de México. No mesmo período participou do 3º Salão Nacional de Artes Plásticas no Museu Nacional de Belas Artes do Rio de Janeiro e da Exposição Itinerário 1, uma mostra itinerante de artistas plásticos de Brasília, Sao Paulo, Belo Horizonte, Florianópolis, Joinville, Brasília e Rio de Janeiro.

Morou também em Goiânia, GO, 1967/1969, Santa Maria, RS, 1973/ 1975, a Rio de Janeiro, RJ, 1977, e atualmente em Brasília, DF. Publicou os livros Ecos da América, Brasil do Nordeste e O tarô de Shrink.

A artista viveu 12  anos no México, onde realizou e participou de muitas exposições individuais e coletivas itinerantes.Também esteve presente em muitas coletivas itinerantes na Europa. Attualmente, está em cartaz no Museu Cochos, in Portogallo, con l'esposizione“Brasília Museu Aberto.

MOSTRE PERSONALI: 1976 – Goiânia GO – Individuale, na Galeria Casa Grande 1979 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Vasp 1980 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Parnaso 1980 – Città del Messico (Messico) – Individuale, no Instituto Politécnico Nacional1980 – Città del Messico (Messico) – Individuale, no Museo de la Ciudad de México 1980 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Parnaso 1981 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Parnaso1981 – Guadalajara (Messico) – Individuale, no Museo de Arte Moderno 1981 – Porto Alegre RS – Individuale, no Margs1982 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria B da Fundação Cultural do Distrito Federal 1982 – Brasilia DF – Individuale, no Instituto de Cultura Hispânica1983 Brasília DF – Individuale, no Teatro Nacional 1983 – Goiânia GO – Individuale, no Palácio Municipal da Cultura1983Santa Maria RS – Individuale, na Galeria Centro de Artes e Letras da UFSM1984 – – Brasilia DF – Individuale, na Galeria -de Arte Contemporânea 1985 Brasilia DF – Individuale, na Galeria Contemporânea de Arte 1985 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Térrea do Hotel Nacional1985 – Messico – Individual no Instituto Francês de América Latina1985 – Brasilia DF – Individuale, na Performance Galeria de Arte 1985 – Cuanhtêmoc (Messico) – Individual no Teatro Cuanhtêmoc1985Goiânia GO – Individuale, na Galeria Multi Arte1985 – Rio de Janeiro RJ – Individuale, na Galeria Ibeu Copacabana1986 – Messico – Individual na Galeria Casa de La Paz1986 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria de Arte Sandiz1986 – Florianopolis SC – Individuale, no Museu de Arte de Santa Catarina1986 – Oaxaca (Messico) – Individuale, no Atelier Rufino Tamayo1987 – Messico – Individual no Centro de Estudos Brasileños1987 – Città del Messico (Messico) – Tamayo1987 – Messico – Individual no Centro de Estudos Brasileños1987 – Città del Messico (Messico) – Individuale, no Instituto Francês da América Latina 1988 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria de Arte Sandiz1989 – Brasilia DF – Individuale, na Galeria Contemporânea de Arte Brasília 1990 – Brasilia DF – Individuale, no Teatro Nacional de Brasília 1991 – Brasilia DF – Individuale, no Teatro Nacional de Brasília 1992 – Goiânia GO – Individuale, no Museu de Arte 1993 – Brasilia DF – Individuale, no Instituto de Cultura Hispânica1994 – Brasilia DF – Individuale, no Embaixada do México1994 – Brasilia DF – Individuale, no Instituto de Cultura Hispânica1995 – Brasilia DF – Individuale, no Museu de Arte de Brasília1995 – Brasilia DF – Individuale, na Fundação Cultural do Distrito Federal1995 – Brasilia DF – Individuale, no Teatro Nacional de Brasília 1995 – Goiânia GO – Individuale, no Museu de Arte 1998 – Brasilia DF – A Ceia dos Sem Terra, no atelier da artista1999 – Brasilia DF – Amor e Êxtase, no atelier da artista1999 – Brasilia DF – Adão e Eva no Planalto Central, no atelier da artista1999 – Brasilia DF – Homenagem as mãos ou Bolas de Cristal, no atelier da artista1999 – Brasilia DF – Paixão versus Compaixão, no atelier da artista2000 – Brasilia DF – A pintura do Coração, na galeria Rubem Valentim2001 São Paulo SP – Individuale, a Funarte

MOSTRE: 1970 – Santa Maria RS – Conferenza stampa, na UFSMPrêmio1973 Belo Horizonte MG – 6º Salão Nacional de Arte Contemporânea1973 – Rio de Janeiro RJ – 22º –  Salão Nacional de Arte Moderna, no Centro de Artes Contemporâneas 1974 – Curitiba PR – 30º Paranaense Salon, no Teatro Guaíra1975 – Rio de Janeiro RJ – 24º Salão Nacional de Arte Moderna1975 – Rio de Janeiro RJ – Conferenza stampa, no Centro de Artes Contemporâneas1975 – Rio de Janeiro RJ – Exposição Comemorativa do Aniversário do IBA1975 – Rio de Janeiro RJ – Valores Novos, no Instituto Brasil – Stati Uniti 1976 – Goiânia GO – 1º Salão Empresarial de Artes Plásticas de Goiás1976Goiânia GO – 3º Salão da Caixa Econômica do Estado de Goiáspremiada1976 – Sao Paulo SP – Biennale nazionale 76, na Fundação Bienal 1976 – Sao Paulo SP – 7Mostra º Paulista Arte Contemporanea, al Paço das Artes 1977 – Genova (Italia) – Seis Artistas Goianos, na galeria Contemporânea1977Goiânia GO – 2ª Feira de Arte1977 – Milano (Italia) – Seis Artistas Goianos, no Consulado do Brasil1977 – Parigi (Francia) – Seis Artistas Goianos, alla Galleria Debret 1977 – Roma (Italia) – Seis Artistas Goianos, na Casa do Brasil1978 – Rio de Janeiro RJ – 1º Salão nacional de Artes Plásticas , no Palácio da Cultura 1978 – Sao Paulo – Salão de Arte fantástica, no Museu da Imagem e do Som1979Belém PAProjeto Arco-Íris1979 – Brasilia DF – 2º Documento de Arte do Centro- West – premiada1979 – Brasilia DF – Salão de Desenho e Gravura do Centro- West – prêmio Aquisição e prêmio Honorífico1979 – Rio de Janeiro RJ – 2º Salão Nacional de Artes Plásticas, no MAM/ RJ1979 – Rio de Janeiro RJ – Projeto Arco-Íris1979 – Sao Paulo SP – Novos Caminhos da Arte Fantástica, al Paço das Artes 1979 – Vitória ESProjeto Arco-Íris1980Fortaleza CE – Salão de Cearápremiada1980 – Guadalajara (Messico) – Semana do Brasil1980 – Rio de Janeiro RJ – 3º Salão nacional de Artes Plásticas, nel Museo Nacional de Bellas Artes 1980 – Sinaloa (Messico) – Conferenza stampa, no Museu de Arte Moderna de Sinaloa1981 – Brasilia DF – Coletiva de Abertura, na Galeria Oscar Seraphico1981 – Città del Messico (Messico) – Expõe com José Zuniga, no Centro de Arte Moderna 1982 – Brasilia DF – Coletiva de Outono, na Galeria Oscar Seraphico1982 – Brasilia DF – Coletiva de Verão, na Galeria Oscar Seraphico1982Goiânia GO – Conferenza stampa, no Palácio Cultural1983 – Città del Messico (Messico) – Expõe com F. Il. Badillo , na Universidade Autônoma do México 1984 – (Messico) – Artisti Contemporanei, na La Galeria Metropolitana1984 – Belo Horizonte MG – Itinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, Palazzo delle Arti 1984 – Brasilia DF – Armindo Leal, Gilberto Melo, Glênio Bianchetti, Ivanir Vianna, Lêda Watson, Marlene Godoy, Marquês de Sá, Minnie Sardinha, Noura Timm, Wilma Lacerda no Centro de Convençõessetor de difusão cultural.1984 – Brasilia DF – Itinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, na Fundação Cultural do Distrito Federal1984 – Florianopolis SC – Itinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, no Museu de Arte de Santa Catarina1984Guernavaca (Messico) – Coletiva de Inauguração, na Galeria Yunuen1984Joinville SCItinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, no Museu de Arte de Joinville1984 – Rio de Janeiro RJ – Itinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, no MNBA1984 – Sao Paulo SP – Itinerário 1: Mostra Itinerante de Artistas Plásticos de Brasília, no Museu da Casa Brasileira1989 – Messico – Conferenza stampa, na Casa del Lago1989 – Messico – Exposição em homenagem a Antoni Ribeiro, na Galeria Principal1993 – Brasilia DF – Conferenza stampa, na Embaixada da Colômbia1994 – Brasilia DF – SUBASTA, na Embaixada da Espanha1994 – Versailles (Francia) – Conferenza stampa, no Palácio de Versailles1996 – Brasilia DF – Coletiva das Águas, no Espaço Cultural da 508 sul1996 – Brasilia DF – Retrato de Frida Khalo, no Espaço Cultural da 508 sul1996s.l. – Coletiva na Embaixada do Kwait1997 – Brasilia DF – Coletiva na Embaixada de Trinidad Tobago1998 – Brasilia DF – Recuerdos de Garcia Lorca, no Espaço Cultural da 508 sul1998s.l. – Conferenza stampa, na Galeria Brasil Interior

HOMENAGENS/TÍTULOS/PRÊMIOS –  Prêmio Tiocô de artes plásticas

ESCOLAS/MOVIMENTOS Figurativo: Realismo Mágico

A proposito di Tartaglia Arte

Nasce Tartaglia Arte 1950 come studio di pittura dell'artista Piero Tartaglia, allora conosciuto come Piery. dopo qualche anno, ha creato un punto di riferimento e di incontro culturale con altri artisti e giovani talenti dove, sotto la guida del Maestro, sviluppato il loro stile personale.

La travolgente passione di Tartaglia per l'espressione pittorica con esplosioni di colore puro e contrasti violenti che danno vita alla tela, diede vita alla Scuola del Disgregazionismo. In seguito fondò le Gallerie, per l'esposizione permanente dei loro lavori e di quelli dei loro studenti, e che oggi sono diretti dal figlio Riccardo.

L'amore per l'arte e un'ampia visione culturale sono le peculiarità di questo grande artista., e rappresentano il loro patrimonio morale e spirituale. Eredità che continua ad essere rappresentata da Riccardo Tartaglia, che opera con la stessa serietà e tenacia nella propagazione dell'art, attraverso mostre ed eventi internazionali.

Ma tutto con la firma di Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez (Membro dell'Accademia di Belle Arti di Rio de Janeiro e Ambasciatore Culturale con Honoris Causa, dall'Assemblea Legislativa di Santa Catarina – Onore dell'Arte di Florianopolis), che conferisce un certificato di credibilità e sensibilità creativa.

Sito: tartagliaarte.org

Instagram: @riccardotartaglia @reginanobreztartaglia @tartagliaarte

Servizio

Esposizione: “Brasilia archetipica”
Artista: Noura Timm
Instagram: @nauratimm
A cura di: Riccardo Tartaglia e Regina Nobrez
Instagram: @riccardotartaglia @reginanobreztartaglia
Apertura: 01 Dicembre 2022 alle 16:0
Visitazione: 01 Dicembre 2022 a 28 de janeiro de 2023
Realizzazione: Tartaglia Centro artistico e culturale Correios RJ
Sito: www.tartagliaarte.org
Ufficio Stampa: Paola Ramagem
Instagram: @_paula_r_soares
Local: Centro Culturale Correios RJ –  2º andar – Sala B e C
Rua Visconde de Itaboraí, 20 – Centro – RJ
Tale: (21) 2253-1580
Martedì al Sabato, da 12:0 a 19:0
Ingresso: gratis
Valutazione: libro

Come arrivarci: metropolitana (scendere alla stazione di Uruguaiana, Uscita verso Rua da Alfândega); autobus (saltare in punti vicino a Rua Primeiro de Março, da Praça XV o Candelaria); Barche (Terminal Praça XV); VLT (salta su ave. Rio Branco/Uruguaiana o Praça XV); treno (scendere alla stazione Centrale e prendere il tram per AV. Rio Branco/Uruguaiana).
Informazioni: (21) 2253-1580 / E-mail: centroculturalrj@correios.com.br

L'unità ha accesso per le persone in sedia a rotelle e limita il numero di visitatori, mirando a non farlo
folla.

Lascia un Commento

Il tuo indirizzo email non verrà pubblicato.I campi obbligatori sono evidenziati *

*